Ola visitante, Clique aqui para conectar ao site

 Home | Noticias | Blog PHD | Charges | Colunistas | Competicoes | Especiais | 

Cruzeirenses pelo Mundo | Torcedor do Futuro | Servicos | Quem Somos 

*** AVISO - Se sua SENHA não estiver funcionando, peça uma nova que será enviada para seu e-mail - Se seu e-mail atual não estiver cadastrado, CADASTRE ***

 Acesso mais recente em 07-04-20 15h55min  |  Fonte: Portal UAI |  Qtd Leituras: 157
COVID-19: Clubes reivindicam suspensão de pagamento de dívidas


O temor do impacto financeiro do novo coronavírus no futebol brasileiro levou os clubes a se mobilizarem para propor ao Ministério da Economia a suspensão temporária dos pagamentos do Profut, programa de refinanciamento de dívidas fiscais do futebol. A mensagem chegou ao governo na última quarta-feira pelo pedido oficial do órgão público que fiscaliza o projeto, a Autoridade Pública de Governança do Futebol (Apfut).

Após solicitação dos clubes, a Apfut enviou ao Ministério da Economia, comandado por Paulo Guedes, a proposta de suspensão das parcelas. Nesta quinta, o órgão repassou aos presidentes dos clubes um e-mail com o aviso de que após entrar em contato com o governo, aguarda agora uma resposta. O objetivo do pedido é evitar uma crise financeira ainda maior nesse período em que há menos entrada de recursos nos cofres das equipes pelas competições estarem interrompidas para se evitar o aumento de casos da pandemia.

´A iniciativa da Apfut foi tomada com base nas informações referentes à interrupção das diversas competições nacionais e internacionais, e o consequente impacto nas finanças das entidades desportivas vinculadas ao Profut`, diz trecho do e-mail enviado aos clubes, ao qual a reportagem teve acesso. ´Entretanto, cabe ressaltar que somente o Ministério da Economia tem competência para deliberar sobre o assunto, em especial para a autorização da suspensão do pagamento das parcelas do Profut junto aos órgãos credores`, completa o texto.

Em entrevista nesta quinta-feira ao canal SporTV, o secretário-geral da CBF, Walter Feldman, afirmou que, para reforçar o pedido, a própria entidade que comanda o futebol brasileiro também tem atuado nesse tema. O presidente da CBF, Rogério Caboclo, encaminhou ofício sobre o assunto ao Ministro da Cidadania, Onyx Lorenzoni, e ao Secretário Nacional de Futebol e Defesa dos Direitos do Torcedor, Ronaldo Lima. ´Os pagamentos do Profut neste momento seriam um acréscimo de carga aos clubes que estão vivenciando diretamente essa crise`, disse Feldman.

Caso a proposta seja aceita, a suspensão valerá por tempo indeterminado, até que a crise causada pela pandemia termine. O Profut foi instituído em 2015 e é um programa voltado para o refinanciamento de dívidas fiscais do futebol. A proposta permite às equipes ter descontos em multas e juros em impostos que estavam pendentes nos últimos 20 anos.


--

Siga as notícias do Cruzeiro e do futebol pelo Whatsapp

Inscreva-se no Chat Whatsapp Cruzeiro.Org (Notícias) em
https://chatwhatsapp.com/DilKZbCSWRb4hEikyutuMi

/elo


Cruzeiro.Org - 25 anos

Comentrios:  Clique aqui e deixe o seu comentrio

 pyxis | BHZ | 20-03-20 12h52min
Se tá feio pra galera TODA, imagina para o Cruzeiro...

#QueFASE !!!
 Twitter 

 Notcias   rss
04/04 - 07h08 [1 coment.]
COLAPSO: Emílio Brandi retira sua candidatura às eleições de maio 

03/04 - 22h42 [1 coment.]
COLAPSO: Condomínio de credores pode assumir direitos de atletas 

03/04 - 21h04 [1 coment.]
COVID-19: Presidente da CBF anuncia isenção de taxas para clubes 

03/04 - 05h44 [1 coment.]
COVID-19: Cabulosas participam da campanha de combate à pandemia 

02/04 - 16h32 [1 coment.]
COLAPSO: Núcleo Gestor apresenta relatório de 100 dias de ações 

02/04 - 13h15 [1 coment.]
COVID-19: Patrocinadores tentam renegociar contratos por pandemia 

02/04 - 08h45 [1 coment.]
Marcas do goleiro Fábio são ´redescobertas`em tempos de isolamento 

01/04 - 12h53 [1 coment.]
COVID-19: Cruzeiro comunica corte de 25% de salários no clube 

>> Mais noticias
 Publicidade 


Cruzeiro.Org Desde 1999 - Site Oficial da Torcida - ANO 21 - Contatos para Webmaster