Ola visitante, Clique aqui para conectar ao site

 Home   |   Blog PHD   |   Charges   |   Colunistas   |   Notícias   

*** Cruzeiro.Org® - Desde 1999 - Site Oficial da Torcida - 20 ANOS ***

 Atualizado em 06-12-19 15h26min  |  Fonte: Cruzeiro.Org (*) |  Qtd Leituras: 348
Cruzeiro perde para o Athletico e flerta com zona de rebaixamento


O time reserva do Cruzeiro não conseguiu se impor contra os titulares do Athletico-PR e perdeu por 2 a 0 o jogo válido pela 12ª rodada do Campeonato Brasileiro, neste sábado, no Mineirão. Os gols do Furacão foram marcados por Jonathan, em cobrança de pênalti, aos 29min do primeiro tempo, e Bruno Guimarães, aos 31min da etapa final.

O placar poderia ter sido maior para o rubro-negro, porém o goleiro Rafael fez boas defesas em chutes de Bruno Nazário e Nikão e contou com a sorte quando Rony, aos 11min da etapa complementar, acertou o travessão. Insatisfeitos, os torcedores esboçaram vaias por causa do mau rendimento da equipe.

Derrotado, o time de Mano Menezes chegou a entrar na zona de rebaixamento, porém se manteve em 16º graças à vitória do São Paulo sobre o Fluminense, por 2 a 1, no Maracanã. O segundo gol do tricolor paulista foi marcado por Reinaldo em pênalti assinalado com auxílio do VAR nos últimos minutos.

Próximo ao Z4, o Cruzeiro soma dez pontos em 12 partidas, com apenas 27,7% de aproveitamento. A última vitória no campeonato aconteceu há quase três meses: 2 a 1 sobre o Goiás, em 5 de maio, no Mineirão.

Em meio à má campanha no Brasileiro, o Cruzeiro vai bem nos mata-matas. Nesta terça-feira, às 19h15, o adversário será o River Plate, no Mineirão, pelo jogo de volta das oitavas de final da Copa Libertadores. O duelo de ida, no Monumental de Núñez, em Buenos Aires, terminou empatado por 0 a 0.

O Athletico, que chegou a 19 pontos na Série A, também se preocupa com o torneio continental. O segundo duelo das oitavas de final, contra o Boca Juniors, acontecerá na Bombonera, às 21h30 de quarta-feira. Na ida, os argentinos ganharam por 1 a 0.

O jogo

Mano Menezes descansou os titulares do Cruzeiro visando ao jogo contra o River Plate. A equipe escolhida para este sábado foi a mesma do empate por 0 a 0 com o Bahia, no último sábado, na Arena Fonte Nova, em Salvador. Já Tiago Nunes força máxima em sua equipe.

O Furacão dominou as ações no primeiro tempo, chegando a registrar 68% de posse de bola, enquanto o Cruzeiro esbarrou na falta de entrosamento e na ausência de um armador de ofício para fazer a bola ser direcionada a Fred.

Nos 15 primeiros minutos, o rubro-negro já havia finalizado quatro vezes, contra apenas um da Raposa. E de tanto jogar no ataque, conseguiu criar a situação do primeiro gol. Pelo lado esquerdo, Nikão fintou Weverton e foi derrubado com um carrinho na grande área. Na cobrança do pênalti, o ex-cruzeirense Jonathan deslocou Rafael e fez 1 a 0.

O Cruzeiro poderia ter aproveitado melhor um lance de ataque aos 37min. Maurício recebeu de Jadson e deu bela assistência para David, que ´dormiu no ponto` e acabou desarmado por Pedro Henrique na entrada da grande área. Aos 45min, foi a vez de Léo Pereira evitar que Ariel Cabral pudesse finalizar.

No segundo tempo, o Athletico continuou com superioridade na posse de bola e iniciou pressão nos primeiros minutos. Aos 7min, Rony puxou contragolpe e tocou em direção a Nikão, que se livrou de Cacá e bateu forte para boa defesa de Rafael. Aos 11min, o camisa 12 celeste contou com a sorte, pois a conclusão de Rony explodiu no travessão.

Com vários jovens no banco de reservas, Mano Menezes colocou o volante Jadsom Silva e o atacante Welinton, além do também atacante Sassá. As substituições, contudo, não surtiram o efeito esperado. Quem seguiu tranquilo foi o Athletico-PR, que marcou o segundo gol aos 31min. Bruno Guimarães tabelou com Bruno Nazário e Nikão e chutou no canto esquerdo de Rafael: 2 a 0.

Pressionado no Campeonato Brasileiro, o Cruzeiro terá o desafio de se recuperar no clássico contra o Atlético, às 19h do próximo domingo, no Independência. Novamente, Mano Menezes precisará administrar o elenco, já que na quarta-feira seguinte, dia 7 de agosto, haverá confronto de ida da semifinal da Copa do Brasil, diante do Internacional, no Mineirão.


ATUAÇÕES

Fred - Tudo bem que, num time todo reserva e com garotos, não teve chances claras de gol e a bola pouco chegou. Mas não foi bem nas jogadas de ataque e ainda recebeu cartão amarelo por reclamar com o árbitro no primeiro tempo. Segue o jejum de gol.

Dodô - Mal no apoio, nos cruzamentos. Em meio a um time formado por reservas e garotos que vieram da base, destoou.

Weverton - Foi infeliz no lance que originou o pênalti para o Athletico-PR, no primeiro tempo. Tocou a bola para trás, errou, e na sequência ainda cometeu a penalidade. É novo, vai aprendendo.

As notas para os jogadores do Cruzeiro: Rafael(5), Weverton(3,5), Cacá(5), Fabrício Bruno(5), Dodô(3,5), Éderson(5,5), Ariel Cabral(5,5), Jadsom Silva(5), Jadson(5,5), Maurício(5), Welinton(5), David(5), Sassá(5), Fred(4).


ESTATÍSTICAS DO CONFRONTO

Jogos: 62

Vitórias: 26
Empates: 19
Derrotas: 18
Saldo: 8

Gols marcados: 95
Gols sofridos: 79
Saldo: 16

Partida Anterior (Jogo 62)
Athletico-PR 2 x 0 Cruzeiro - 10/nov/2018
Brasileiro
Arena da Baixada - Curitiba (PR)


CURIOSIDADES

Pelo Brasileiro

As equipes se enfrentaram 48 vezes pelo Campeonato Brasileiro, desde 1968. O Cruzeiro venceu 19, o Athletico ganhou 14 e houve 15 empates. O Maior de Minas marcou 75 gols e sofreu 61.

Em Minas Gerais

Cruzeiro e Athletico se enfrentaram 33 vezes no estado de Minas Gerais, em Belo Horizonte (estádios Independência e Mineirão) e em Sete Lagoas (Arena do Jacaré). O Cruzeiro conquistou 16 vitórias, 9 empates e perdeu 8 jogos. A Raposa marcou 51 gols e sofreu 37. Pelo Brasileirão, em Minas Gerais, foram 26 partidas, com 12 vitórias, 7 empates e 7 derrotas. O Cruzeiro marcou 39 gols e sofreu 28.

No Mineirão

Foram 28 partidas no Mineirão. O Cruzeiro ganhou 15, empatou 7 e perdeu 6, com 44 gols marcados e 31 sofridos. No Mineirão, pelo Campeonato Brasileiro, houve 22 confrontos entre as duas equipes, com 11 vitórias, 5 empates e 5 derrotas, que fez 24 gols, enquanto o time celeste marcou 33.

Artilheiros

5 gols: De Arrascaeta e Fábio Júnior
4 gols: Alex e Alex Alves
3 gols: Aristizábal e Wellington Paulista


FICHA TÉCNICA

CRUZEIRO 0 X 2 ATHLETICO-PR

Motivo: 12ª rodada do Campeonato Brasileiro
Estádio: Mineirão
Data: sábado, 27 de julho de 2019

Árbitro: Rodrigo Carvalhaes de Miranda (RJ)
Assistentes: Luiz Cláudio Regazone e Carlos Henrique Alves de Lima Filho (ambos do RJ)
VAR: Carlos Eduardo Nunes Braga (RJ)

Público Presente: 20.689
Renda: R$ 184.081,50


CRUZEIRO - Rafael; Weverton, Fabrício Bruno, Cacá e Dodô; Éderson e Ariel Cabral (Jadsom Silva, aos 14min do 2ºT); Jadson, Maurício (Welinton, aos 24min do 2ºT) e David (Sassá, aos 20min do 2ºT); Fred. Técnico: Mano Menezes

ATHLETICO-PR - Santos; Jonathan, Pedro Henrique, Léo Pereira e Márcio Azevedo (Abner, aos 29min do 2ºT); Wellington, Bruno Guimarães e Nikão; Bruno Nazário (Thonny Anderson, aos 39min do 2ºT), Rony e Marco Ruben (Marcelo Cirino, aos 20min do 2ºT). Técnico: Tiago Nunes

Gols: Jonathan, aos 29min do 1ºT, e Bruno Guimarães, aos 31min do 2ºT (ATH)

Cartão amarelo: Fred, aos 35min do 1ºT (CRU)



P R O M O Ç Ã O

Divulgação do ganhador 28jul19

Ingresso para jogo Cruzeiro x River Plate
Libertadores da América
Oitavas de Final
Setor Amarelo Superior

30/7 – Terça-feira, 19h15 – Cruzeiro x River Plate-ARG

Compartilhe e Comente

/elo


Cruzeiro.Org - 25 anos

Comentários:  Clique aqui e deixe o seu comentário

 pyxis | BHZ | 28-07-19 22h20min
É deprimente e triste ver jogadores da base sendo mais e mais desvalorizados e desprestigiados pela torcida. Um técnico que tá preocupado com sua imagem e joga na fogueira um time inteiro da base e mantem-se agarrado a seus preferidos.
Mano arrisca muito, e o discurso dele é sacana.
Pior é a quantidade de torcedor lambendo as bolas do técnico, do Fred e outros... LAMENTÁVEL !
 pyxis | BHZ | 28-07-19 22h25min
Melhor em campo: Éderson
Pior em campo: Fred
Herói do jogo: Não houve
Vilão do Jogo: David
Minhas Notas: Rafael(5); Weverton(4), Fabrício Bruno(5), Cacá(5), Dodô(3), Éderson(6), Ariel Cabral(5,5), Jadsom Silva(Sem Nota), Jadson(4,5), Maurício(5,5), Welinton(5), David(4), Sassá(3), Fred(2). Mano Menezes(2).
 mrr | Natal | 29-07-19 06h03min
Explicações para escalação do Fred: (1) segurar a bola no campo adversário; (2) fazer o pivô para quem vem de trás; e (3) forçar jogadas de linha de fundo, buscando o centroavante na área. Alguém se lembra a última vez que isso deu certo?
 mrr | Natal | 29-07-19 06h06min
Jadson é limitado nas saídas de bola, erra demais. David, apesar das falhas na finalização, foi aparentou ter sido mais participativo que o Fred. Logo, quem deveria ter saído era esse último.
 pyxis | BHZ | 29-07-19 11h21min
Mário, acho que o Mano tá apertado... vendo que não poderia virar o jogo e Ariel e David estavam ficando sobrecarregados, resolveu tirá-los. O Mano PODE precisar deles na terça e NÃO VAI precisar, com certeza, do Fred e outros INÚTEIS...
 Twitter 

 Notícias   rss
06/12 - 02h17 [0 coment.]
Sada Cruzeiro bate equipe do Al-Rayyan e enfrenta russos na semifinal 

05/12 - 22h24 [2 coment.]
Cruzeiro perde mais uma e tem 10% de chances de fugir da Z4 final 

05/12 - 02h09 [0 coment.]
Sada Cruzeiro é superado pelo Lube Civitanova no Mundial 2019 

04/12 - 00h48 [1 coment.]
Sada Cruzeiro faz 3 a 0 sobre o Zenit Kazan na abertura do Mundial 

03/12 - 18h01 [0 coment.]
Federação Paulista divulga tabela da Copa SP de futebol júnior 

03/12 - 10h50 [0 coment.]
CBF divulga calendário de competições das categorias de base 

03/12 - 07h37 [1 coment.]
CRISE: Cruzeiro tem sua pior campanha no Brasileiro desde 2003 

02/12 - 23h46 [1 coment.]
CRISE: Cruzeiro é derrotado em São Januário e agoniza no Br´19 

>> Mais noticias
 Publicidade 


Cruzeiro.Org® Desde 1999 - Site Oficial da Torcida - 20 ANOS - Contatos para Webmaster