Ola visitante, Clique aqui para conectar ao site

 Home   |   Blog PHD   |   Charges   |   Colunistas   |   Notcias   

*** Cruzeiro.Org® - Desde 1999 - Site Oficial da Torcida - 20 ANOS ***

 Atualizado em 16-09-19 03h02min  |  Fonte: Cruzeiro.Org (*) |  Qtd Leituras: 584
Cruzeiro avança com atuações decisivas de Fábio e Thiago Neves


O Cruzeiro contou com o poder de decisão do meia Thiago Neves para vencer o Fluminense nos pênaltis e avançar às quartas de final da Copa do Brasil, na noite desta quarta-feira, no Mineirão. Depois de sair atrás do placar no primeiro tempo, o time celeste conseguiu a virada em Belo Horizonte com dois gols do camisa 10, mas sofreu o empate no último lance do tempo final com um gol de bicicleta de João Pedro. Nos pênaltis, o meia voltou a ser decisivo ao marcar o último tento da disputa e garantir a classificação celeste.

A Confederação Brasileira de Futebol (CBF) definirá, em sorteio na próxima segunda-feira, o adversário do Cruzeiro nas quartas de final da Copa do Brasil. A Raposa, dona de seis troféus da competição, é também o atual bicampeão do torneio mata-mata.

O próximo compromisso do Cruzeiro é pelo Campeonato Brasileiro. O time celeste medirá forças com o Corinthians, no sábado, dia 8, às 19h, no Mineirão. Depois do duelo contra os paulistas, a Raposa tem pela frente o Fortaleza, em 12 de junho (quarta-feira), às 21h, no Castelão. Esse será o último jogo da equipe antes da parada para a disputa da Copa América.


O JOGO

Primeiro tempo lento

Pressionado para voltar ao caminho das vitórias, o Cruzeiro repetiu a estratégia do empate por 1 a 1 com o São Paulo, na última rodada do Campeonato Brasileiro. Dentro de casa, o time de Mano Menezes tentou ser mais agressivo nos minutos iniciais. A equipe, contudo, teve muita dificuldade para criar as chances de gols. Aos 5’, pressionou a saída de bola do goleiro Agenor e quase marcou. Robinho, no entanto, finalizou em cima do camisa 1 tricolor.

Os cariocas seguiram a filosofia de jogo do técnico Fernando Diniz. Valorizaram a posse de desde o início do jogo e diminuíram os espaços do Cruzeiro. De bola parada, o Fluminense saiu na frente do placar. Aos 11’, Dedé derrubou Brenner dentro da área. O árbitro Rafael Traci foi alertado pelo VAR Rodrigo D’Alonso Ferreira e marcou pênalti. Ganso bateu, Fábio espalmou e, no rebote, Luciano marcou. O juiz, contudo, mandou voltar a cobrança em função de invasão na grande área. Na segunda tentativa, Ganso deslocou o goleiro celeste: 1 a 0.

Na frente do placar, o Fluminense recuou e passou a esperar o Cruzeiro para buscar o contragolpe. Os donos da casa, porém, voltaram a mostrar muita dificuldade para criar os lances de gol. Na saída para o intervalo, o meia Thiago Neves analisou. ´Fluminense depois do gol ficou bem postado defensivamente. Estamos forçando uma cavada e não está conseguindo entrar. Temos que ter calma`, disse.

Cruzeiro amassa o Fluminense

O início do segundo tempo, no entanto, não teve nada de calma. O Cruzeiro amassou o Fluminense, que seguiu recuado. Dessa vez, o time de Fernando Diniz não conseguiu conter as investidas da Raposa. Aos 13’, após cobrança de escanteio, a bola sobrou para Ariel Cabral na segunda trave. De cabeça, ele serviu Thiago Neves, no meio da área. O camisa 10, de peixinho, empatou o placar: 1 a 1.

Depois do gol sofrido, o Fluminense se lançou ao ataque e abriu espaço para o Cruzeiro, que soube aproveitar. Aos 31’, Thiago Neves fez jogada individual, colocou a bola entre as pernas de Paulo Henrique Ganso e, do campo de defesa, lançou Pedro Rocha. O atacante entrou na área e foi derrubado por Gilberto. O árbitro Rafael Traci marcou o pênalti, mas Sassá desperdiçou a cobrança.

Em nova oportunidade, desta vez aos 35’, o time celeste não desperdiçou. Lucas Romero sofreu pênalti, marcado por Traci com auxílio do VAR. Thiago Neves, decisivo, pegou a bola, cobrou no meio do gol e marcou o segundo do Cruzeiro: 2 a 1. Daí em diante, o Fluminense colocou pressão sobre a Raposa e conseguiu alcançar o gol de empate no último lance. João Pedro recebeu na grande área, se livrou da marcação de Lucas Romero e, de bicicleta, marcou: 2 a 2.

Depois de empate por 2 a 2 no tempo normal, Cruzeiro derrotou Fluminense por 3 a 1 nos pênaltis e avançou às quartas de final da Copa do Brasil. Fábio pegou uma cobrança; Sassá, Pedro Rocha e Thiago Neves converteram para a Raposa
Depois de empate por 2 a 2 no tempo normal, Cruzeiro derrotou Fluminense por 3 a 1 nos pênaltis e avançou às quartas de final da Copa do Brasil. Fábio pegou uma cobrança; Sassá, Pedro Rocha e Thiago Neves converteram para a Raposa

Pênaltis

Lucas Silva cobrou rasteiro, no lado esquerdo, para fora. 0 a 0,
Paulo Henrique Ganso cobrou no alto, no lado direito, a bola bateu na travessão. 0 a 0.
Lucas Romero cobrou no alto, no lado direito, e a bola bateu no travessão. 0 a 0.
Caio Henrique cobrou rasteiro, no centro do gol, e marcou. 1 a 0.
Pedro Rocha cobrou quase rasteiro, no lado direito, e marcou. 1 a 1.
João Pedro cobrou à meia altura, no lado direito, e Fábio defendeu. 1 a 1.
Sassá cobrou rasteiro, no lado esquerdo, e marcou. 2 a 1.
Gilberto cobrou à meia altura, no lado esquerdo, e a bola explodiu na trave. 2 a 1.
Thiago Neves cobrou à meia altura, no lado esquerdo, e marcou e garantiu a classificação do Cruzeiro. 3 a 1.


ATUAÇÕES

Por Lancenet

Thiago Neves foi o grande destaque da classificação do Cruzeiro às quartas de final da Copa do Brasil. Após gol de Ganso no primeiro tempo, o meia marcou duas vezes para colocar a Raposa em vantagem. Mas João Pedro empatou de bicicleta no último lance e levou a decisão para as penalidades. Coube ao camisa 10 celeste converter a última cobrança e dar a vaga aos mineiros.

Fábio (8) - Defendeu dois chutes perigosos e tentou apagar a falta de criatividade da equipe celeste ao longo do duelo. Pegou o pênalti de Ganso no tempo normal, mas o árbitro voltou atrás e não conseguiu segurar o segundo. Nas penalidades, pegou a cobrança de João Pedro.

Lucas Romero (5,5) - Lucas Romero - Foi agudo ao buscar um diferencial no ataque. No entanto, faltou mais calma para concluir as chances com sucesso e colocou a bola no travessão na disputa por pênaltis.

Dedé (6,5) - Fez pênalti bobo em Brenner, que acabou sendo convertido por Paulo Henrique Ganso. No decorrer, recuperou-se e participou do gol de empate.

Léo (6) - Perturbou a vida de João Pedro, fez cortes e interceptações para segurar a rapidez do ataque carioca. No geral, não comprometeu a equipe.

Dodô (5,5) - Pelo seu lado, o Fluminense construiu as principais jogadas de ataque. Por isso, teve dificuldades e errou muito.

Ariel Cabral (6,5) - Além de ajudar a equipe na marcação, o volante apareceu na área e deu assistência para Thiago Neves igualar o confronto.

Lucas Silva (5) - Entrou no fim da segunda etapa e não contribuiu. Na cobrança de pênalti, desperdiçou logo na primeira batida.

Henrique (6) - Henrique - Ajudou na marcação e ainda foi bem nos passes. Fez o simples no confronto.

Robinho (5,5) - Apareceu pouco durante o duelo, apesar da insistência em algumas jogadas. Fez o básico nos passes para armar a equipe.

Marquinhos Gabriel (5,5) - Chá de sumiço? Pouco apareceu e não criou nenhuma jogada para sair da marcação da equipe carioca.

Thiago Neves (8,5) - Decisivo. O início foi desanimador, com muitos erros e pouca criação. Marcou o gol de empate de cabeça e fez o segundo em cobrança de pênalti. Além disso, garantiu a classificação da Raposa ao converter a última penalidade.

Fred (5) - Após choque com o zagueiro Frazan, sentiu dores na coxa e saiu de campo ainda na primeira etapa. Não teve oportunidade de balançar a rede.

Sassá (5,5) - Entrou ainda primeiro no lugar de Fred e lutou contra a marcação. Teve a oportunidade de virar, mas desperdiçou cobrança de pênalti. Na disputa na marca da cal, foi objetivo e balançou a rede.

Pedro Rocha (6) - Foi participativo durante o confronto. Assustou a zaga tricolor ao sofrer o pênalti cometido por Gilberto. Na disputa nas penalidades, deixou o dele.

Mano Menezes (6,5) O Cruzeiro teve um primeiro tempo apático, sem muita criatividade. Mas na volta do intervalo, o cenário se alterou e conquistou a classificação na Copa do Brasil.

Por GloboEsporte.Com

Thiago Neves e Fábio brilham em noite de emoções no Mineirão. Meia ´acorda` na segunda etapa, melhora na partida, faz dois gols no duelo contra o Fluminense.

Thiago Neves (8) - Apagado no primeiro tempo, o meia ´acordou` na segunda etapa e chamou para si a responsabilidade, procurando o jogo e dando alternativas para o Cruzeiro no ataque. Comandou a virada cruzeirense, marcando os dois gols. No fim, o Fluminense empatou. Mas, no pênalti decisivo, novamente o camisa 10 foi lá e decidiu para a Raposa.

Fábio (8) - Mais uma vez, salvou o Cruzeiro quando foi preciso. No segundo tempo, quando o time ganhava, fez pelo menos duas boas defesas. Na disputa de pênaltis, defendeu uma das cobranças do Fluminense.

Sassá (6) - Entrou no lugar de Fred, que saiu machucado ainda no primeiro tempo. Perdeu o pênalti, que poderia ter custado o empate no tempo normal, mas entrou e lutou bastante por oportunidades, dando possibilidades de jogada para quem o municiava. Na disputa de pênaltis, se redimiu e marcou um dos gols para o Cruzeiro.

Notas: Fábio(8), Lucas Romero(6,5), Dedé(5,5), Léo(6), Dodô(4,5), Henrique(5), Ariel Cabral(5), Lucas Silva(5), Robinho(5,5), Thiago Neves(8), Marquinhos Gabriel(5,5), Pedro Rocha(6), Fred(5), Sassá(6).


ESTATÍSTICA DO CONFRONTO

Jogos: 83

Vitórias: 25
Empates: 21
Derrotas: 37
Saldo: -12

Gols marcados: 114
Gols sofridos: 132
Saldo: -18

Partida Anterior (Jogo 82)
Fluminense-RJ 4 x 1 Cruzeiro - 18/mai/2019
Brasileiro
Maracanã - Rio de Janeiro (RJ)


FICHA TÉCNICA

CRUZEIRO 2 (3) X (1) 2 FLUMINENSE

Motivo: jogo de volta das oitavas de final da Copa do Brasil
Estádio: Mineirão, em Belo Horizonte
Data e horário: 5 de junho (quarta-feira), às 19h15

Público Total: 47.460
Público Pagante: 40.056
Renda: R$546.960,50

Árbitro: Rafael Traci (SC)
Assistentes: Fabrício Vilarinho da Silva e (GO) e Carlos Berkenbrock (SC)
VAR: Rodrigo D’Alonso Ferreira (SC)

Cruzeiro - Fábio; Lucas Romero, Dedé, Leo e Dodô; Henrique, Ariel Cabral (Lucas Silva); Robinho, Thiago Neves e Marquinhos Gabriel (Pedro Rocha); Fred (Sassá). Técnico: Mano Menezes

Fluminense - Agenor; Gilberto, Nino (Miguel), Frazan (Mascarenhas) e Caio Henrique; Allan, Daniel e Paulo Henrique Ganso; Luciano, João Pedro e Brenner (Ewandro). Técnico: Fernando Diniz

Gols: Paulo Henrique Ganso (aos 14’1ºT); Thiago Neves (aos 13’2ºT e aos 35’2ºT)
Cartões amarelos: Henrique, Robinho e Sassá (Cruzeiro); Luciano e Daniel (Fluminense)

(*) Com material de Cruzeiro Site Oficial - Cruzeiro.Org - Portal UAI



P R O M O Ç Ã O

Ingresso para jogo Cruzeiro x River Plate
Libertadores da América
Oitavas de Final
Setor Amarelo Superior

30/7 – Terça-feira, 19h15 – Cruzeiro x River Plate-ARG

Compartilhe e Comente

/elo


Cruzeiro.Org - 25 anos

Comentrios:  Clique aqui e deixe o seu comentrio

 pyxis | BHZ | 06-06-19 09h09min
Uma boa apresentação SOMENTE na segunda etapa... muito em função das saídas de FRED (amarelão!) e de MGabriel (inofensivo).
Ver as avaliações das atuações e comentários dos ´especialistas` não tem preço...
Muitas emoções NO SEGUNDO TEMPO e que OBNUBILAM muita gente.
Vamos em frente e aguentando simpatizante pedindo Fred e de capitão e modinha de rede social condenado e preso ganhando muito dinheiro para fazer proselitismo ...
 pyxis | BHZ | 06-06-19 09h12min
Melhor em campo: THIAGO NEVES
Não somente pelos gols. Mas por uma atuação mais convincente, como há muito tempo não fazia, após a saída de Marquinhos Gabriel e Fred. Precisa de ter alguém mais inteligente e ágil para poder atuar com mais cadência e tranquilidade. O gol de pênalti não me seduz, o gol da assistência e o passe para Pedro Rocha, sim... determinantes para ter sido o melhor neste deserto de atuações convincentes.
 pyxis | BHZ | 06-06-19 09h14min
Pior em campo: DODÔ
tarefa difícil escolher entre Dodô, Fred, Marquinhos Gabriel e Sassá. O fato do Dodô ter ficado em campo o tempo inteiro, é determinante. E dizer que sentir a ausência do Egídio diz TUDO para a péssima atuação do lateral em que ainda espero mostrar suas qualidades... Mas a ´cota` dele está se exaurindo a cada atuação integral como esta.
 pyxis | BHZ | 06-06-19 09h16min
Herói do Jogo: FÁBIO.
Quando o goleiro é herói do jogo, é por que o time teve sérios problemas defensivos. Foi o caso de ontem com as falhas do Dedé (e tem gente que achou Dedé melhor do que Fred) e com a péssima atuação do Dodô. Foi herói não por defender um pênalti, mas por duas ou três defesas muito difíceis em momentos importantíssimos.
 pyxis | BHZ | 06-06-19 09h19min
Vilão do jogo: Sassá
Não sei quem inventou que Sassá é atacante para o Cruzeiro. Deveria ser PROIBIDO de pegar na bola quando houvesse pênalti. Ele tem 99,9997% de transpiração e 0,0003% de inspiração e qualidade. Mas, mesmo assim, tem sido mais efetivo em provocar terror nos zagueiros adversário, o que o Fred, há muito tempo, abdicou de fazer.
Ao perder o pênalti e ao perder um gol, deu mais ´emoção` à decisão... MUITO VILÃO !
 pyxis | BHZ | 06-06-19 09h22min
AS notas dos caras da Globo e Lance! são muito doidas... RINDO DECALITROS da estultice e parcialidade dos caras.
Minhas notas: Fábio(8), Lucas Romero(6,5), Dedé(5), Leo(6,5), Dodô(3), Henrique(6), Ariel Cabral(6,5), Lucas Silva(4), Robinho(4,5), TNeves(8), Marquinhos Gabriel(3,5), Pedro Rocha(7), Fred(3), Sassá(4). Mano Menezes(6).
 _vitor | Vitoria | 06-06-19 19h42min
Copa do Brasil e Mano Menezes, sempre no limite.. Time do fluminense cheio de desfalques, estreando jogador de 16 anos e deu um trabalho danado (não deveria). Fabio mais uma vez salvando! Thiago N, Romero e Henrique tbm foram muito bem, na minha opinião. Fred jogando com o nome, queria uma sequencia pro Raniel. E esse Dodô.. Credo, faz cruzeirense sentir saudade do Egídio! Achei um grande erro sua contratação, ainda mais pelo salario altíssimo.
 Twitter 

 Notcias   rss
15/09 - 02h11 [1 coment.]
Sada Cruzeiro é derrotado pelo América, no Mineiro 2019 

14/09 - 21h41 [3 coment.]
Crise: Cruzeiro segue sem vencer fora de casa no Brasileiro´19 

14/09 - 18h29 [1 coment.]
Sub-15 encerra primeira fase do Mineiro na liderança 

13/09 - 21h23 [1 coment.]
FMF divulga tabela do Campeonato Mineiro de Futebol Feminino 

13/09 - 17h26 [1 coment.]
Crise: Cruzeiro faz acordo e dívida por Mayke é equacionada 

13/09 - 10h37 [1 coment.]
Sada Cruzeiro faz 3 a 0 no Lavras Vòlei na cidade de Sete Lagoas 

13/09 - 08h47 [1 coment.]
Crise: Agentes do jogador Robinho cobram dívida na Justiça 

13/09 - 06h56 [1 coment.]
Crise: Gilvan relata como elevou a dívida em dois mandatos 

>> Mais noticias
 Publicidade 


Cruzeiro.Org Desde 1999 - Site Oficial da Torcida - 20 ANOS - Contatos para Webmaster