Ola visitante, Clique aqui para conectar ao site

 Home   |   Blog PHD   |   Charges   |   Colunistas   |   Notcias   

*** Se tiver problemas com sua senha, clique em ESQUECI MINHA SENHA e receba uma nova ***

 Atualizado em 20-05-19 02h32min  |  Fonte: Cruzeiro.Org (*) |  Qtd Leituras: 384
Cruzeiro vence Goiás e cumpre ´obrigação` de pontuar em casa

O Cruzeiro voltou a vencer no Campeonato Brasileiro, desta vez a vítima foi o Goiás, que foi derrotado por 2 a 1, no Mineirão, em jogo válido pela 3ª rodada da competição. Os gols da partida foram marcados por Dedé e Rodriguinho para o Cruzeiro, enquanto Michael fez o gol do time goiano.

Com o resultado, o Cruzeiro chegou aos seis pontos, chegando a sexta colocação no torneio. Na próxima rodada, o time celeste vai até Porto Alegre enfrentar o Internacional, no domingo.

Antes disso, na quarta-feira, o Cruzeiro enfrenta o Emelec, pela 6ª rodada do Grupo B, da Conmebol Libertadores. A Raposa já garantiu vaga na fase seguinte e briga pela melhor campanha da primeira fase. A partida está marcada para as 19h15, no Mineirão.

Além do triunfo, o Cruzeiro se tornou o segundo time a chegar a 1000 pontos na era dos pontos corridos no Campeonato Brasileiro, atrás apenas do São Paulo. São 630 jogos, 288 vitórias, 136 empates e 207 derrotas. O time celeste marcou 955 gols e sofreu 776.


O JOGO

O primeiro lance de perigo na partida foi da Raposa e aos 19 minutos. Triangulação do ataque celeste entre Rodriguinho, Pedro Rocha e Egídio, o lateral avançou pela esquerda e chutou com perigo, por cima do gol de Tadeu.

Dois minutos depois, tabela de Fred e Robinho, o centroavante recebeu dentro da área, girou no zagueiro e chutou por cima da meta.

Aos 30 minutos, pressão do Cruzeiro na partida, Robinho recebeu na intermediaria e tocou por cima da zaga, o defensor resvalou de cabeça e Fred, de bicicleta, concluiu para a defesa de Tadeu.

Segundo Tempo

Com dois minutos da etapa complementar o Cruzeiro quase abriu o placar. Pedro Rocha fez grande jogada pela esquerda, passou por dois marcadores e cruzou, a bola passou por Fred na pequena área.

Um minuto depois, aos três, saiu o gol da Raposa. Egídio bateu falta na intermediária e achou Pedro Rocha na esquerda, o atacante cruzou na cabeça do zagueiro Dedé, que colocou a bola no fundo das redes. 1 a 0 Cruzeiro.

O Cruzeiro retornou do intervalo pressionando o rival e arriscando bastante de fora da área. Aos oito minutos, Lucas Silva arriscou, a bola desviou no zagueiro obrigando ao goleiro Tadeu fazer uma grande defesa. No minuto seguinte, Egídio deu um grande chute, de curva, e Tadeu novamente faz mais uma grande defesa.

O Goiás chegou com perigo aos 12 minutos e empatou a partida. Giovanni Augusto cruzou pela direita, Barcia bateu de primeira e Fábio fez grande defesa, no rebote Michael chegou antes de Dedé e empatou o jogo. 1 a 1.

Aos 16 minutos, Robinho recebeu livre na entrada da área, avançou e chutou para o gol, a bola passou a direita do gol defendido por /Tadeu.

Com 30 minutos, o meia Thiago Neves, que havia entrado no posto de Robinho, matou no peito e arriscou de direita, na entrada da área, a bola passou com grande perigo.

Três minutos depois foi a vez de Fred quase botar o Cruzeiro na frente do placar. Cruzamento de Egídio e o centroavante cabeceou a esquerda do gol defendido por Tadeu.

De tanto insistir o Cruzeiro marcou. Egídio recebeu na esquerda aos 35 minutos, olhou para área e cruzou na cabeça de Rodriguinho, o meia, com estilo, deslocou o goleiro Tadeu e colocou a bola no fundo das redes. 2 a 1 Cruzeiro.

ATUAÇÕES

Por GloboEsporte.Com

Rodriguinho - Como armador, ficou preso entre os marcadores e não conseguiu desenvolver as jogadas. Como atacante, aproveitou a única chance real que teve, fazendo o gol da vitória da Raposa, quebrando jejum de cinco jogos sem marcar. Nota: 6,5

Dedé - Foi ao ataque e, de cabeça, quebrou a retranca goiana, abrindo o placar no Mineirão. Não teve culpa no gol de empate do Goiás. Nota: 7,0

Fred - Foi a principal opção ofensiva do Cruzeiro. Muito participativo, tentou de bicicleta, de primeira, de cabeça e deu trabalho à defesa do Goiás. Nota: 6,5

Notas: Fábio(5,5), Orejuela(6), Jadson(5), Léo (5,5), Dedé (7), Egídio (6,5), Henrique (5), Lucas Silva (6,5), Robinho(5), Thiago Neves(6), Rodriguinho(6,5), Pedro Rocha (5), David (5), Fred (6,5).


ESTATÍSTICAS DO CONFRONTO

Jogos: 54

Vitórias: 31
Empates: 10
Derrotas: 13
Saldo: 18

Gols marcados: 73
Gols sofridos: 51
Saldo: 22

Partida Anterior (Jogo 53)
Goiás 0 x 1 Cruzeiro - 25/out/2015
Brasileiro
Serra Dourada - Goiânia (GO)


CURIOSIDADES

Pelo Brasileiro

Cruzeiro e Goiás se enfrentaram 41 vezes pelo Brasileiro. Foram 23 vitórias do Cruzeiro, 7 empates e 11 vitórias do Goiás. O Cruzeiro marcou 56 gols e sofreu 36.

Em Minas Gerais

Cruzeiro e Goiás se enfrentaram 27 vezes em Minas Gerais, 26 delas em Belo Horizonte, nos estádios Mineirão (22) e Independência (4), e uma na Arena do Jacaré, em Sete Lagoas. O Cruzeiro venceu 21 jogos, empatou 3 e sofreu 3 derrotas. O time celeste marcou 49 gols e levou 17. Pelo Brasileirão, na capital mineira, foram 21 partidas. O Maior de Minas venceu 16 delas, empatou 2 e perdeu 3, com 40 gols marcados e 13 sofridos.

No Mineirão

Foram 22 confrontos no estádio Mineirão, em Belo Horizonte, com 16 vitórias do Cruzeiro, 3 empates e 3 derrotas, que marcou 17 gols e sofreu 37. Pelo Campeonato Brasileiro no Mineirão, as duas equipes se enfrentaram 17 vezes. A Raposa venceu 12, empatou 2 e sofreu 3 derrotas. Fez 30 gols e levou 12.

Artilheiros

4 gols: Charles (1991 e 1992) e Deivid
3 gols: Alex, Alex Mineiro, Fred (4 jogos) e Jussiê
2 gols: Adilson, Dirceu Lopes, Marcelo Ramos, Nilton, Roberto César, Wellingon Paulista e Willian


FICHA TÉCNICA

CRUZEIRO 2 X 1 GOIÁS

Motivo: 3ª rodada do Campeonato Brasileiro
Data: domingo, 4 de maio de 2019
Horário: 16h
Local: Mineirão, em Belo Horizonte (MG)

Árbitro: Rodrigo Carvalhaes de Miranda (RJ)
Assistentes: Bruno Silbert Faria Sisquin e Luiz Claudio Regazoni (Ambos do RJ)
VAR: Paulo Roberto Alves Júnior (PR)

Público Presente: 19.735
Público Pagante: 15.259
Renda: R$ 214.018,50

CRUZEIRO - Fábio; Orejuela (Jadson), Dedé, Leo e Egídio; Henrique e Lucas Silva; Robinho (Thiago Neves), Rodriguinho e Pedro Rocha (David); Fred. Técnico: Mano Menezes

GOIÁS - Tadeu; Daniel Guedes, David Duarte, Yago e Jefferson; Geovane, Léo Sena e Giovanni Augusto (Renatinho); Michael, Leandro Barcia (Marlone) e Kayke (Junior Brandão). Técnico: Claudinei Oliveira

Gols: Dedé e Rodriguinho (Cruzeiro) e Michael (Goiás)

Cartão amarelo: Giovanni Augusto (Goiás) e Rodriguinho e Fábio (Cruzeiro)
Cartão Vermelho: Giovanni Augusto (Goiás)

(*) Com material de Cruzeiro Site Oficial / Cruzeiro.Org

/elo


Cruzeiro.Org - 25 anos

Comentrios:  Clique aqui e deixe o seu comentrio

 pyxis | BHZ | 06-05-19 07h30min
Joguinho ruim, para mais uma apresentação ruim de vários jogadores... e, por conta de um gol ou uma jogada, ganham as redes sociais como heróis... arbitragem patética... resultado ÓTIMO, e fica por aí ...


Nada mais adorável para o torcedor de resultado e de gols do fantástico... !!!
 pyxis | BHZ | 06-05-19 07h35min
O time foi medianos, nivelado por baixo. Gol de Rodriguinho salvou de uma análise da mediocridade reinante.
Tem quem goste.
Melhor em campo: Henrique
Pior em campo: Fred
Herói do jogo: Dedé
Vilão do jogo: Sem responsabilizar ninguém
Minhas notas: Fábio(6), Orejuela(4,5), Jadson(Sem Nota), Dedé(6,5), Leo(6), Egídio(6,5), Henrique(7), Lucas Silva(6,5), Robinho(5), Thiago Neves(sem nota), Rodriguinho(5,5), Pedro Rocha(6), David(sem nota); Fred(4). Mano Menezes(4).
 fabio velame | Governador Valadares | 06-05-19 11h29min
Mais um jogo sem intensidade contra um adversário mais fraco dentro do Mineirão. Pedro Rocha para mim foi o pior, não ganhava uma bola no mano a mano. Meu voto para o melhor do jogo fica com Lucas Silva. As dificuldades para vencer Ceará e Goiás dentro do Mineirão preocupa muito para o restante do brasileiro.
 pyxis | BHZ | 06-05-19 20h59min
Fábio, tentando debater sobre a questão do melhor e etc...
Infelizmente, torcedor quer ter razão e não pensar sobre futebol...
Tem até blogueiro e habituée simpatizante de rede social que não admite aquilo que não seja estritamente o que ele quer que os outros digam.
cont ...
 pyxis | BHZ | 06-05-19 21h03min
...
neste sentido, discordo sobre o Pedro Rocha, e explico a minha lógica para nem sequer cogitá-lo como ´pior`...
Ele não se esconde... errou mas buscando acertar... pior é etiquetinha que se esconde até para não receber lateral.
Uso também, para avaliar jogador, a performance de que o substituiu... se melhorou o time, quem entrou foi melhor... não vi quem substituiu o PRocha com mais vontade e errando menos.
Somando o tempo em campo do PRocha com outros, ainda o defendo-o.
 Twitter 

 Notcias   rss
19/05 - 08h27 [2 coment.]
Cruzeiro amarga nova derrota para Flu em apresentação vexaminosa 

18/05 - 09h07 [1 coment.]
Raul comemora recorde mundial de invencibilidade de gols sofridos 

17/05 - 03h12 [7 coment.]
Cruzeiro é superado nos pênaltis na final da Copa do Brasil Sub-20 

16/05 - 23h09 [2 coment.]
Cruzeiro Feminino vence Pinheirense (PA) e decide vaga em casa 

16/05 - 21h24 [2 coment.]
Conselho Deliberativo elegerá membros para vagas do Conselho Fiscal  

16/05 - 20h34 [0 coment.]
Gustavo Perrela declara que ainda não assumiu cargo no Cruzeiro 

16/05 - 07h47 [9 coment.]
Cruzeiro faz apresentação deplorável e é ´premiado` com empate 

16/05 - 06h44 [1 coment.]
Rafinha utiiiza-se de cláusula contratual e troca Cruzeiro por Coxa 

>> Mais noticias
 Publicidade 


Cruzeiro.Org 1999-2019 - Site Oficial da Torcida - Contatos para Webmaster