Ola visitante, Clique aqui para conectar ao site

 Home   |   Blog PHD   |   Charges   |   Colunistas   |   Notícias   

*** ATENÇÃO - Atualize seus dados e concorra a ingressos para jogos na Toca III ***

 Atualizado em 15-11-18 15h27min  |  Fonte: Superesportes/UAI |  Qtd Leituras: 43
Sesi (SP) vence Sada Cruzeiro e conquista a Supercopa de Vôlei


O Sesi-SP é o mais novo campeão da Supercopa de Vôlei, que reúne os vencedores da última Superliga e Copa Brasil. O Cruzeiro conquistou os dois, ambos sobre o time paulista, que surpreendeu a Raposa na noite deste sábado, na Arena JK, e venceu por 3 sets a 0. Os visitantes fizeram parciais de 22/25, 19/25 e 22/25.

O time celeste não contou com o ponteiro norte-americano Taylor Sander, de 26 anos. Ele apresentou um problema no ombro, compareceu à Arena JK, mas ficou apenas na torcida.

Após ter conquistado o Campeonato Mineiro na semana passada e com o vice da Supercopa, o Cruzeiro ainda tem pela frente a Superliga, a Libertadores, o Sul-Americano, a Copa Brasil e o Mundial, que será disputado no fim de novembro, na Polônia.

O desafio da próxima semana será pela Superliga. Na sexta-feira, às 20h, o Cruzeiro encara o Vôlei Um, em Itapetininga, no interior de São Paulo. No mesmo dia, às 21h, o Sesi-SP encara o Vôlei Ribeirão, em Ribeirão Preto.

Primeiro Set

Continua depois da publicidade
O Cruzeiro sofreu com a falta de entrosamento no começo da parcial. Por outro lado, o Sesi se mostrava um time consistente na defesa, com um potente saque que quebrava os passes da equipe celeste. Isso fez com que os paulistas abrissem 3 / 5 no placar. Mas, aos poucos, os cruzeirenses foram se acertando por meio dos bloqueios e encostou no certame em 9/10.

A reação da Raposa durou pouco. A equipe celeste passou a errar vários ataques seguidos e permitiu que o Sesi abrisse três pontos de diferença (13/16). Mas buscou o empate em seguida, com um saque poderoso de Le Roux, que quebrou o passe paulista e facilitou para Isac fazer 17/17. Mas o ace de Alan encaminhou o set para os visitantes (20/22), que fecharam em 25/22, após um erro de ataque de Filipe.

Segundo Set

A segunda parcial começou com troca franca de pontos. Mas o Sesi abriu 5/7 devido aos erros de ataque do Cruzeiro. Cachopa, claramente, tinha dificuldades em servir os companheiros. Mas o Sesi também calculou mal algumas jogadas e proporcionou o empate ao clube celeste, que virou após ace de Evandro (8/7). O único pecado dos mandantes na partida nesse momento era os erros de saque.

Era uma partida equilibrada, até o Cruzeiro começar a errar diversos ataques e tirar a paciência de Marcelo Mendez, que colocou Sandro na vaga de Cachopa, para tentar melhorar a armação de jogadas. Naquela altura, o Sesi fazia 13/16 com Alan como destaque. O oposto do time paulista dava trabalho aos cruzeirenses. E foi ele que fechou a parcial em 25/19, após um contra-ataque muito bem sucedido.

Terceiro Set

Ao fim do segundo set, o oposto Evandro, do Cruzeiro, discutiu com a arbitragem e levou cartão vermelho que gerou o set point ao Sesi. No início da terceira parcial, a confusão continuou com o Serginho, que também foi punido, fazendo com que o time paulista pontuasse primeiro. Aliado ao ataque afiado, os visitantes abriram 3 a 0 logo de cara. Os erros da Raposa também contribuíram com o avanço do adversário, que fez 3/7.

O Cruzeiro até chegou a esboçar uma reação, encostando no Sesi com 10/11 no placar, mas o time tropeçou nos ataques e os paulistas fizeram 11/15. Marcelo Mendez fazia o que podia à beira da quadra, mas o time não correspondia. Foi então que a torcida entrou em ação e começou a cantar mais alto, ajudando o time a encostar no placar, em 14/16. Mas, novamente, os paulistas se aproveitaram dos erros da Raposa e abriram 18/22. Restou, então, administrar a vantagem para fechar em 22/25 e faturar o primeiro título da Supercopa.

Cruzeiro
Cachoca, Isac, Filipe, Rodriguinho, Le Roux, Evandro e o líbero Serginho
Entraram: Luan Weber, Sandro e Léo
Técnico: Marcelo Mendez

Sesi-SP
William, Éder, Lucas Lóh, Renato, Gustavão, Alan e o líbero Murilo
Entrou: Franco
Técnico: Rubinho

/elo


Cruzeiro.Org - 25 anos

Comentários:  Clique aqui e deixe o seu comentário

Não há comentários para esta notícia.

 Twitter 

 Notícias   rss
15/11 - 08h59 [1 coment.]
A pedido da Rede Globo, CBF irá remanejar calendário de estaduais 

15/11 - 08h17 [2 coment.]
Cruzeiro vence Corínthians (SP) com time totalmente modificado 

14/11 - 16h17 [0 coment.]
Cruzeiro deve terceirizar equipe de futebol feminino em 2019 

13/11 - 16h12 [0 coment.]
Cruzeiro tem 15 dos 31 atletas de seu grupo com mais de 100 jogos 

12/11 - 18h53 [0 coment.]
Equipe de atletismo tem final de semana vitorioso Brasil afora 

11/11 - 16h26 [0 coment.]
Os projetos de Itair Machado para o segundo ano de gestão no clube 

10/11 - 16h00 [0 coment.]
Sada Cruzeiro conquista dificil vitória sobre o Maringá na Superliga 

09/11 - 07h02 [0 coment.]
Sada Cruzeiro vence Corínthians em noite inspirada de Le Roux 

>> Mais noticias
 Publicidade 


Cruzeiro.Org® 1999-2018 - Site Oficial da Torcida - Contatos para Webmaster