Ola visitante, Clique aqui para conectar ao site

 Home   |   Blog PHD   |   Charges   |   Colunistas   |   Notícias   

*** ATENÇÃO - Atualize seus dados e concorra a ingressos para jogos na Toca III ***

 Atualizado em 10-12-18 20h57min  |  Fonte: Superesportes/UAI |  Qtd Leituras: 346
Fábio aproxima-se de marca rara no futebol brasileiro e mundial


As quase 3.700 'testemunhas' que acompanharam o amistoso entre Cruzeiro e Universal (RJ), naquele distante 4 de março de 2000, nem podiam imaginar, mas presenciavam o início da trajetória daquele que se tornaria o maior nome do time celeste em todos os tempos.

O goleiro Fábio, que hoje completa 38 anos, e já ostenta o status de um dos maiores ídolos da equipe, entrará para um seleto grupo: o de atletas que disputaram 800 jogos por um mesmo clube. Algo cada vez mais raro neste globalizado mercado em que se transformou o futebol.

Se tudo der certo, a marca deve ser quebrada logo no início de outubro, e em meio aos duelos decisivos da equipe pela Copa Libertadores da América e Copa do Brasil, já que, até aqui, Fábio defendeu o time da Toca da Raposa em 796 oportunidades.

Para se ter ideia do tamanho do feito, no Brasil, apenas outros oito jogadores conseguiram ultrapassar esta marca. O recordista é o ex-goleiro Rogério Ceni (hoje treinador do Fortaleza), que fez sua carreira profissional no São Paulo, chegando ao incrível número de 1238 partidas pelo Tricolor. O ´vice-líder` neste quesito é ninguém menos que o Rei Pelé, que abrilhantou a camisa do Santos 1116 vezes. Roberto Dinamite (Vasco), Ademir da Guia (Palmeiras), Júnior (Flamengo), Valdomiro (Internacional), Harlei (Goiás) e Wladimir (Corinthians) são os outros integrantes do clã. Verdadeiras lendas, como Pepe (750 jogos pelo Santos), Nilton Santos (721 pelo Botafogo) e Zico (732 pelo Flamengo), ficaram de fora.

No futebol internacional, o feito também é raro. Os casos mais emblemáticos são os do galês Ryan Giggs, que fez 963 partidas pelo Manchester United, o italiano Paolo Maldini, que defendeu o Milan 902 vezes e o argentino Javier Zanetti, que entrou em campo com a camisa da Internazionale em 858 partidas. Fábio já deixou para trás outros jogadores que são considerados como 'símbolos' de suas equipes, como Totti, da Roma (786), Xavi, do Barcelona (767), Raul e Casillas, do Real Madrid (741 e 725, respectivamente), Gerrard, do Liverpool (710) e Del Piero, da Juventus (705).

E os números de Fábio pelo time celeste só não são ainda maiores porque ele teve momentos fora da Toca da Raposa. Quando morava em Aparecida do Taboado (Mato Grosso do Sul), foi convidado a jogar no União Bandeirante, do Paraná. Logo estava na Seleção sub-17, que se sagraria campeã mundial. No ano seguinte, foi para o Atlético-PR. Como se destacou, foi emprestado ao Cruzeiro, mas, reserva de André, quase não teve chances – à exceção do amistoso citado na abertura da matéria. Mas o melhor estava por vir.

Após quatro anos no Vasco (2000 a 2004), Fábio voltou ao Cruzeiro. Reestreou em 2005, sob o comando do técnico Levir Culpi. A partir daí, começou a escrever sua história de sucesso. Colecionou títulos do Campeonato Mineiro, ficou no quase na Libertadores'2009 e foi bicampeão brasileiro consecutivo (2013 e 2014). Em junho de 2015, ao disputar sua partida de número 634, ultrapassou Zé Carlos como o jogador que mais vestiu a camisa estrelada.

´Deus foi colocando tudo na hora certa, e as coisas foram acontecendo. Quando eu vi, já eram 100 jogos, depois 200, 300, 400, e a identificação foi só aumentando. O que parecia uma coisa difícil de se alcançar, aconteceu`, afirmou o goleiro, em entrevista na época.

Mas, em agosto de 2016, uma contusão no joelho quase colocou ponto final nesta história. Teve que ser operado e ficou oito meses parado. Não foram poucos os que apostaram que ele jamais voltaria à velha forma. Perderam dinheiro...

Fábio calou a boca dos críticos. Sofreu apenas 37 gols em 40 partidas em 2017 e foi coroado com a conquista do Copa do Brasil. Como vinho, parece melhorar com o tempo. Em 2018 (apenas 36 gols sofridos em 52 partidas), já faturou o Estadual e tem sido fundamental na campanha da equipe novamente finalista da Copa do Brasil. E parece ter fôlego para muito mais: seu contrato com o Cruzeiro vai até dezembro de 2019. Até lá, terá tempo para ampliar ainda mais sua marca. E não duvidem se chegar aos 900. A China Azul é que agradece.


PERFIL

Fábio Deivson Lopes Maciel
Nascimento: 30/9/1980, em Nobres (MT)
Clubes: União Bandeirante (1997); Atlético-PR (1998); Cruzeiro (1999 a 2000 e desde 2005), Vasco (2000 a 2004)
Títulos: Paranaense (1998); Mercosul (2000); Brasileiro (2000); Carioca (2003); Mineiro (2006, 2008, 2009, 2011, 2014, 2018); Copa do Brasil (2000 e 2017), Brasileiro (2013, 2014).
Pela Seleção: Sul-Americano sub-17 (1997), Mundial sub-17 (1997), Copa América (2004)

A 1ª VEZ PELO CRUZEIRO

Cruzeiro 2 x 0 Universal-RJ

CRUZEIRO
Fábio; Glayssinho, Alexandre, Cris e Sorín (Wendel); Leandro (Walter), Viveros (Alonso), Joelson e Paulo Isidoro (Cléber Monteiro); Geovanni e Marcelo Ramos (Christian)
Técnico: Paulo Autuori

UNIVERSAL
Palmieri; Serginho, Oclébio, Giba e Da Silva; Fernando, Vanderlei, Déda (Joélton) e Wellington (Maurício); Edílson (Marcos) e Fred Evandro
Técnico: Paulo César Lima

Motivo: Amistoso
Local: Mineirão, em Belo Horizonte
Gols: Joelson, 24 do 1º; Wendel, 22 do 2º
Árbitro: Alício Pena Júnior
Público: 3.320
Renda: R$ 9.960,00

ELE NO CRUZEIRO

ANO / JOGOS / GOLS SOFRIDOS
2005 / 69 / 90
2006 / 59 / 55
2007 / 49 / 61
2008 / 62 / 71
2009 / 64 / 72
2010 / 61 / 60
2011 / 56 / 57
2012 / 54 / 68
2013 / 59 / 52
2014 / 71 / 64
2015 / 61 / 56
2016 / 39 / 48
2017 / 40 / 37
2018 / 52 / 36
Total / 796 / 826


JOGOS MARCANTES

1ª Vez – 2 x 0 Universal-RJ Amistoso Mineirão 4/3/2000
Jogo 50 - 0 x 1 Juventude Sul-Americana Mineirão 1/9/2005
Jogo 100 – 5 x 1 Ponte Preta Brasileirão Mineirão 24/5/2006
Jogo 200 – 5 x 0 Atlético Mineiro Mineirão 27/4/2008
Jogo 300 – 2 x 1 Argentinos Juniors Amistoso Mineirão 4/11/2009
Jogo 400 – 0 x 2 Atlético-GO Brasileirão Serra Dourada 37/7/2011
Jogo 500 – 1x1 Portuguesa Brasileirão Canindé 6/7/2013
Jogo 600 – 3 x 1 Criciúma Brasileirão Mineirão 9/11/2014
jogo 634* - 3x1 Vasco Brasileirão São Januário 13/6/2015
Jogo 700 – 0x2 Fluminense Brasileirão Guilite Coutinho 17/7/2016

* Quando se tornou o jogador que mais vestiu a camisa celeste



PROMOÇÃO - CRUZEIRO.ORG

Após o jogo, avalie jogadores e ganhe UM ingresso (Setor Amarelo Superior)

Libertadores 2018

Cruzeiro x Boca Juniors-ARG
4/10 (quinta), às 21h45
Mineirão

LINK para avaliação dos Jogadores e técnico


https://goo.gl/forms/RZOgzngpDQq8FJLq1 (Jogo Cruzeiro x Palmeiras - 30set)


https://goo.gl/forms/y2HOETzDFp6kHRIw1 (Jogo Cruzeiro x Palmeiras - 26set)

/elo


Cruzeiro.Org - 25 anos

Comentários:  Clique aqui e deixe o seu comentário

 JOAO COSTA | BRASILIA | 30-09-18 08h44min
Parabéns ao maior goleiro cruzeirense de todos os tempos e o melhor do Brasil na posição, na minha modestíssima opinião.
 pyxis | BHZ | 30-09-18 08h49min
Fábio é um goleiro que melhorou uma enormidade com o passar do tempo. Treinamento e foco na carreira podem explicar, por exemplo, a diminuição da média de gols sofridos nos últimos anos. Outra coisa que ajuda muito é a linha de defensores... jogar com Batatais, Argel e outras pragas não deve ser fácil... tirando as coisas FORA do campo, Fábio está de parabéns e finca definitivamente, Seu nome na história do clube...
 pyxis | BHZ | 30-09-18 08h50min
P. S.
Escrevi, algum tempo atrás, quando ele fez uma renovação com elevação de salário ´exagerada` (IMHO) que ele estava planejando ficar no Cruzeiro até completar 1000 jogos... parece que ele vai continuar por aqui mais tempo... Vamos aguardar !
 Joao Duarte | Vit�ria | 04-10-18 11h50min
Prezados Amigos,
Já fiz colunas homenageando ao Fábio algumas vezes não apenas neste espaço reservados aos cruzeirenses.
Concordo demais com o Evandro quando analisa a redução nas médias de gols sofridos e INDEXA o fato à qualidade do nosso sistema defensivo sob a batuta de Mano Menezes e também à qualidade dos jogadores que compõem/compuseram especialmente a dupla de zaga.
Dureza é para o Rafael atuar com Ezequiel e Marcelo Hermes, daqui a pouco vão dizer que o cara é ruim. Espia só
 Twitter 

 Notícias   rss
08/12 - 07h36 [3 coment.]
Cruzeiro: raio-X da situação contratual do elenco 

07/12 - 17h00 [1 coment.]
Torcida do Cruzeiro rompe 1 milhão de presentes na Toca 3 em 2018 

02/12 - 06h12 [4 coment.]
Cruzeiro enfrenta Bahia no Pituaçu em ritmo de despedida 

01/12 - 19h31 [3 coment.]
Cruzeiro anuncia que recusou proposta de negociação de Romero 

30/11 - 10h19 [1 coment.]
Tríplice Coroa - 15 anos de feito histórico no futebol brasileiro 

29/11 - 18h36 [2 coment.]
Sada Cruzeiro despede-se do Mundial de Clubes com vitória 

28/11 - 19h40 [2 coment.]
Cruzeiro cede ao Palmeiras (SP), direitos sobre o lateral Mayke 

28/11 - 18h48 [1 coment.]
Da Arquibancada - Procuram-se Sombras - Gustavo Nolasco 

>> Mais noticias
 Publicidade 


Cruzeiro.Org® 1999-2018 - Site Oficial da Torcida - Contatos para Webmaster