Ola visitante, Clique aqui para conectar ao site

 Home   |   Blog PHD   |   Charges   |   Colunistas   |   Notícias   

ATENÇÃO COM SUA SENHA
Caso você tenha dificuldade com sua senha, peça uma NOVA. Se não receber uma nova, nos avise.

 Atualizado em 22-11-17 19h50min  |  Fonte: Superesportes/UAI |  Qtd Leituras: 433
Wagner Pires confirma conversa para contratar Marcelo Djian

Marcelo Djian deverá ser um dos homens do futebol do Cruzeiro a partir da próxima temporada

Eleito para a presidência do Cruzeiro no próximo triênio, Wagner Pires de Sá confirmou ao Superesportes que tem conversas avançadas com Marcelo Djian. O objetivo da nova gestão é que o ex-zagueiro já participe da transição de diretoras e que assuma uma função no departamento de futebol a partir da próxima temporada. O responsável pelas tratativas com Djian é Itair Machado, homem de confiança do novo mandatário cruzeirense e provável vice-presidente de futebol em 2018.

´Estou viajando. O Itair está nos Estados Unidos. Os dois mantiveram conversas nos últimos dias, os contatos estão bem avançados. Mas diferentemente do Marco Antônio Lage, que já está trabalhando, com o Djian ainda não tem nada assinado`, disse, em tom de cautela, antes de comemorar a aprovação do nome entre conselheiros e torcedores. ´Todo mundo concordou com essa escolha, foi um nome muito bem aceito no Cruzeiro, entre os conselheiros, e também entre a torcida nas redes sociais`, complementou.

A reportagem confirmou com os principais cabos eleitorais de Wagner no Conselho Deliberativo que o nome do ex-zagueiro do Cruzeiro foi bem recebido. O novo presidente tenta readquirir a confiança de seus pares depois de uma pós-eleição turbulenta, com a saída do então vice de futebol, Bruno Vicintin, e o anúncio da não permanência do gerente de futebol Tinga em 2018. A contratação de Marco Antônio Lage e a intenção de contar com Djian, além da montagem do grupo de transição, amenizaram as consequências das perdas.

Marcelo Djian defendeu as cores do Cruzeiro entre 1997 e 2001 e marcou cinco gols em 181 jogos. Na Toca da Raposa II, conquistou o Campeonato Mineiro e a Recopa Sul-Americana de 1998 e também foi vice-campeão do Campeonato Brasileiro daquele ano. Em 2000, participou da campanha que rendeu ao clube celeste seu terceiro título de Copa do Brasil. A identificação de Djian com o Cruzeiro foi preponderante para a escolha, segundo interlocutores do novo presidente.

Depois de abandonar os gramados, Djian virou empresário de atletas. Agenciou, entre outros, o atacante Wellington Paulista e o zagueiro Anderson, que passaram pelo Cruzeiro, e o lateral Thiago Feltri, ex-Atlético. Ele tinha a hoje extinta licença Fifa, que tirou em maio de 2003.

Olhos de lince

Há algum tempo, Djian não exerce mais a função de agente de jogadores. Passou a ficar, exclusivamente, na representação do Lyon no Brasil. Ele defendeu o clube francês entre 1993 e 1996 e estreitou lanços com a direção. Foi por indicação de Marcelo que a equipe levou para o velho continente jogadores como Edmílson, Caçapa, Juninho Pernambucano, Cris, Fred, entre outros.

´Indico e o Bernard Lacombe, que é o diretor de futebol e foi um atacante muito famoso, vem ao Brasil. Ele tem um bom olho, vê sempre duas ou três partidas de cada um e nós conversamos. Há uma confiança grande no meu trabalho, mas até prefiro que ele venha e olhe`, disse Djian em entrevista ao portal Terra, em abril de 2010.

Em julho de 2015, Djian indicou ao Lyon a contratação do zagueiro Jemerson, então revelação do Atlético. O negócio acabou não evoluindo. Hoje titular absoluto do Monaco, rival no Campeonato Francês, o defensor é constantemente lembrado por Tite na Seleção Brasileira.

#CruzeiroOrg25anos

/elo


Agência Minas Esportes

Comentários:  Clique aqui e deixe o seu comentário

 pyxis | BHZ | 11-10-17 13h02min
Passei a acompanhar a história do Djian desde quando ele voltou da Europa e aterrizou em Goiás, para atuar pelo time homônimo, e acabou nem jogando lá e vindo para o Cruzeiro.
PODE ser um bom dirigente, PODE ! Melhor do que algumas alternativas especuladas e outras que já passaram pela Toca.
Meu medo é que ele seja mais agente/empresário do que dirigente do Cruzeiro. Vamos aguardar se serpa confirmado e ver como ele vai trabalhar.
Só de Não ser daqueles can4lhas especulados, é lucro!
 Sotte | BELO HORIZONTE | 11-10-17 13h47min
Creio sim que será mais empresário...mais rentável. Porem pode agragar sim por ter seus contatos la fora e mercado já apesar de novo... Mas pode contribuir com novos valores e promessas para o clube... sinto falta de bons olheiros. Será que nestas eliminatórias não se encontra ninguem em destaque pra nosso clube? TEm sim mas onde estão nossos olheiros?
 marco | Curitiba | 11-10-17 15h18min
Será que com tantas mudanças que a nova administração está fazendo não vão mudar nada no departamento médico? Aí seria uma vantagem.
 Twitter 

 Notícias   rss
20/11 - 07h30 [0 coment.]
Zagueiro Léo lançará livro ´A Quinta Estrela` sobre a CopaBr´17 

19/11 - 12h33 [1 coment.]
Sada Cruzeiro FA vira nos minutos finais e garante-se no Brasil Bowl 

19/11 - 11h46 [1 coment.]
Cruzeiro prossegue no Brasileiro em busca de melhor posicionamento 

18/11 - 17h37 [1 coment.]
Líder da Superliga, Sada Cruzeiro vence clássico citadino por 3 a 0 

17/11 - 19h32 [1 coment.]
Cruzeiro assegura três dos seus cinco patrocinadores para 2018 

17/11 - 08h26 [1 coment.]
Jogadores do Cruzeiro começam a se manifestar sobre salários 

17/11 - 07h19 [1 coment.]
Sub23 faz campanha pífia e é eliminado do Brasileiro de Aspirantes 

16/11 - 19h02 [1 coment.]
FMF demonstra toda a sua parcialidade na tabela do Mineiro´18 

>> Mais noticias
 Publicidade 


Cruzeiro.Org© 1999-2017 - Site Oficial da Torcida - Contatos para Webmaster