Ola visitante, Clique aqui para conectar ao site

 Home | Blog | Charges | Colunistas | Competições | Especiais | Fórum | No Mundo | Notícias | Quem Somos | Serviços | Torcedor do Futuro 

*** AVISO - PODCASTs, NOTÍCIAS E COLUNAS DE OPINIÃO ESTARÃO, a partir de 26 de JULHO de 2020 no Blog PHD ***
Cruzeiro.Org - 25 anos

20-02-06 12h47min  | Competições
Mineiro 2006 - Cruzeiro 2 x 0 Uberlândia

Raposa derrota o Uberlândia por 2 x 0, assegura a ponta no Mineiro e fica próxima da classificação às semifinais.

Cruzeiro vence Uberlândia e mantém liderança

Por Pelé.Net

O Cruzeiro venceu o Uberlândia por 2 x 0, nesta quinta-feira, no Mineirão, e se manteve na liderança do Campeonato Mineiro. Além de assegurar a ponta, o time celeste ficou bem próximo de garantir a classificação às semifinais da competição.

A Raposa iniciou mal a partida e deu espaço para o adversário ameaçá-lo. Mas mesmo assim conseguiu abrir o placar ainda no primeiro tempo, com Élber, que teve mais três chances para marcar. No começo do segundo tempo, Diego fez de cabeça e selou a vitória.

Com o resultado, o Cruzeiro continua em primeiro lugar na classificação com 17 pontos ganhos em sete jogos. Foi a terceira vitória seguida do time celeste no Mineiro. Anteriormente, havia vencido o Villa Nova, por 2 x 0, no Independência, e o Guarani, por 3 x 0, em Divinópolis. A Raposa segue invicta na competição - são cinco vitórias e dois empates, um aproveitamento de 80,95%.

O Uberlândia, que sofreu a sexta derrota no Estadual, vai mal na competição. O time do Triângulo Mineiro ocupa o 11º lugar (penúltimo colocado) com apenas três pontos em sete jogos, obtidos na única vitória da equipe no Mineiro diante da URT, por 2 x 1 - o aproveitamento é de apenas 14,28%. A equipe segue na zona de rebaixamento e cada vez mais ameaçada de descer para o Módulo II.

O técnico Paulo César Gusmão precisou mexer na equipe, uma vez que os volantes Diogo e Jonilson cumpriram suspensão pelo terceiro cartão amarelo. Como contava apenas com Recife para a posição, o treinador optou por escalar três zagueiros, promovendo a entrada de André Leone ao lado de Moisés e Edu Dracena.

No ataque, Élber, que começou como titular pela primeira vez, ganhou a disputa por posição com Alecsandro, que foi para o banco de reservas. Diego foi mantido no lugar de Araújo, que passará por cirurgia no joelho direito e só volta a atuar dentro de sete meses.

No próximo domingo, o Cruzeiro tem o clássico com o América-MG, às 16h, no Mineirão. O Coelho, que vem de duas derrotas seguidas - para o Atlético-MG, por 1 x 0, pelo Estadual, e para o Volta Redonda, por 2 x 1, pela Copa do Brasil -, terá a estréia do técnico Flávio Lopes, que entrou no lugar do demitido José Maria Pena.

No mesmo dia, o Uberlândia recebe o Guarani de Divinópolis, às 16h, no Triângulo Mineiro, pelo Campeonato Mineiro. Uma nova derrota pode complicar ainda mais a situação do time na competição estadual.

O jogo

O Cruzeiro começou mal a partida e chegou a sofrer uma certa pressão do Uberlândia em pleno Mineirão. O time celeste acordou somente a partida dos 25min, quando Élber teve grande chance para abrir o placar, mas parou na bola defesa do goleiro Alonso. Seis minutos depois o mesmo atacante voltou a levar perigo ao adversário.

Após desperdiçar duas oportunidades, Élber conseguiu atingir o seu objetivo e abriu o placar aos 33min. O atacante pegou uma bola chutada por Edu Dracena e bateu de perna esquerda para o fundo das redes. O centroavante marcou o terceiro gol com a camisa celeste e assumiu a artilharia da equipe no Mineiro.

O Uberlândia reclamou bastante com a arbitragem pedindo impedimento de Élber no lance, o que rendeu cartão amarelo para o goleiro Alonso. O Cruzeiro manteve o ritmo e criou outras oportunidades para ampliar. Élber por pouco não marcou novamente, mas a bola acabou acertando o travessão do adversário.

O Cruzeiro voltou para o segundo tempo em cima do Uberlândia e ampliou o placar logo aos 5min. Após jogada de Jonathan pela direita, Diego escorou de cabeça e mandou para bola para o fundo do gol de Alonso. Foi o segundo gol do atacante no Estadual.

O experiente atacante Elivélton, principal jogador do Uberlândia, teve seu nome gritado pela torcida do Cruzeiro ao ser substituído aos 26min. Ele foi o autor do gol que deu o título da Copa Libertadores à Raposa, em 1997, na vitória de 1 x 0 sobre o Sporting Cristal, no Mineirão.

PC Gusmão também mexeu no Cruzeiro. O treinador promoveu a estréia do meia Leandro Bomfim, que entrou no lugar do zagueiro André Leone. O jogador teve uma passagem pelo São Paulo, mas não foi aproveitado.

O Cruzeiro, no entanto, diminuiu o ritmo e administrou o resultado no Mineirão. O Uberlândia tentou ameaçar o time celeste, mas não conseguiu passar da defesa da Raposa.

CRUZEIRO 2 X 0 UBERLÂNDIA

Cruzeiro - Fábio, Moisés, Edu Dracena e André Leone (Leandro Bomfim); Jonathan, Augusto Recife, Francismar (Wagner) e Júlio César; Diego, Élber (Alecsandro) e Gil. Técnico: Paulo César Gusmão

Uberlândia - Alonso, Valdir Tubarão, Luiz Eduardo e Heury; Jaiminho, Shell (Souza Baiano), Toby, Walax e Safira; Elivélton (Rogério) e Luizinho (Roger). Técnico: Roberto Palmieri

Data: 16/2/2006
Local: Mineirão, em Belo Horizonte
Público: 5.608 pagantes
Renda: R$ 23.772,50
Árbitro: Juliano Lopes Lobato
Cartões amarelos: André Leone, Recife, Edu Dracena, Leandro Bomfim (Cruzeiro); Safira, Alonso, Jaiminho, Heury (Uberlândia)
Gols: Élber, aos 33min do primeiro tempo; Diego, aos 5min do segundo tempo


Classificação da Rodada

Aqui você fica sabendo como ficou a classificação da competiçao após a rodada.



Arquivo Cruzeiro.org

Se você não acompanhou a transmissão ao Vivo pelo Cruzeiro.org ou quer rever como foi mais esta partida do Cruzeiro.
Clique no link abaixo e relembre cada lance da partida, de acordo com a narração exclusiva Cruzeiro.Org. Somente Cruzeiro.Org leva para a Maior Torcida de Minas Gerais.Arquivo ao vivo

  Colunas 
10/06/2020 | Evandro Oliveira
Torcedor Cibernético - Lanterna Azul

06/06/2020 | Walisson Ferreira
Gol Importante

27/05/2020 | Voz da Arquibancada
Luz no fim do túnel

02/05/2020 | Evandro Oliveira
Torcedor Cibernético - Walk Alone Azul

 Últimas notícias 
26/07 - 07h00 [1 coment.]
Cruzeiro.Org muda o foco de seu conteúdo e serviços 

10/07 - 11h07 [2 coment.]
COLAPSO: ´Má Gestão x Má Fé` por Sérgio Santos Rodrigues 

10/07 - 07h07 [0 coment.]
CENTENÁRIO: CBF marca jogo contra o Cuiabá (MT) dia 2 de janeiro 

10/07 - 06h49 [1 coment.]
COLAPSO: Aumento das despesas de salários em 50% com Wagner Pires 

09/07 - 19h34 [0 coment.]
CENTENÁRIO: Vinte anos do TRI na Copa do Brasil na Toca 3 

09/07 - 19h17 [0 coment.]
COVID-19: CBF define calendário. Série B encerrará em 30 de janeiro 

08/07 - 12h42 [0 coment.]
COVID-19: Cruzeiro prioriza Toca 3 mas avalia sede no interior 

07/07 - 19h29 [0 coment.]
COVID-19: FMF define retorno do Mineiro 2020 para 26 de julho 

 Você Sabia? 

Gols de Falta = Títulos

O Cruzeiro conquistou quatro títulos com gols de falta.
Em 1966, com Tostão nos 3 a 2 sobre o Santos, pela Taça Brasil.
Em 1976, com Joãozinho, na vitória de 3 a 2 sobre o River Plate, pela Taça Libertadores.
Em 2000, com Geovanni, no triunfo por 2 a 1 sobre o São Paulo, pela Copa do Brasil.
Por fim, em 2003, com Zinho, nos 2 a 1 sobre o Paysandu, que selaram a conquista do Brasileiro.

(Revista Lance!)


Cruzeiro.Org® Desde 1999 - Site Oficial da Torcida - ANO 21 - Contatos para Webmaster