Ola visitante, Clique aqui para conectar ao site

 Home   |   Blog PHD   |   Charges   |   Colunistas   |   Notícias   

PROMOÇÃO CRUZEIRO.ORG 25 anos - COPA DO BRASIL - FINAL NO MINEIRÃO
Comente no site, Compartilhe no Facebook ou Retuíte as notícias no Cruzeiro.Org e concorra a ingresso na final da Copa do Brasil
Banda Help



Voz da Arquibancada
Voz da Arquibancada é o espaço de manifestação permanente do torcedor cruzeirense.

31/12/2007 | Voz da Arquibancada
Marcas do que se foi, sonhos que vamos ter...

...aos dirigentes, peço mais amor ao clube e menos amor ao dinheiro, sabedoria na hora de contratar e de dispensar...

Mais um ano chegou ao fim, e a exemplo dos anteriores, o nosso Cruzeiro, time predominante dentre os torcedores das alterosas, passou em branco, tal como 2006 (apesar do Mineiro daquele ano), 2005, 2004 (também apenas o estadual). Em suma, desde a campanha maravilhosa de 2003, o que vimos nos anos seguintes foram times medianos, que esboçaram raras vezes a aparência de vencedores e que, no máximo, conseguiram um campeonato local “suado”.

Há alguns meses, quando o Cruzeiro estava em alta e acendeu na imensa nação azul a chama do tricampeonato brasileiro, escrevi um texto a este site, comentando as últimas participações celestes na principal competição nacional. O time dava sinais de competitividade e crescia na disputa, sendo superado apenas pelo São Paulo. Temia pela perda dos principais jogadores do time, tais como Alecsandro, Wagner, Roni, Guilherme, Ramires, Fernandinho, Jonathan e outros, que acabaram permanecendo.

Mas isso não foi suficiente e, para não perder o costume, o time caiu de produção, e muito. Só não sentimos mais essa queda porque nossos adversários diretos para as vagas na Taça Libertadores resolveram nos imitar, incluindo o tricolor paulista. Mas como pôde uma equipe aparentemente tão forte cair tanto da noite para o dia? Não é tão difícil explicar.

Em primeiro lugar, vem a falta de comando do treinador. Dorival Júnior mostrou-se um técnico inteligente, mas sem pulso firme. Deixou que discussões internas atrapalhassem o clima na Toca II e causassem intriga entre os jogadores e desconfiança por parte da torcida. Isso sem contar as várias vezes que escalava o time de forma equivocada, bem como alterações indevidas durante os jogos e desculpas esfarrapadas quando o time perdia.

Em seguida, temos a diretoria, que achou que apenas os jogadores do elenco em questão eram capazes de chegar ao título. Faltaram jogadores experientes, como o próprio Roni disse na época, e mais do que isso, faltou um pouco mais de qualidade. Tivemos várias oportunidades para encostar de vez no São Paulo, mas a falta de maturidade e de qualidade dos atletas, de uma forma geral, prejudicou o time na reta final. Nós, torcedores, fizemos nossa parte, apoiando a equipe durante as partidas e enchendo o Mineirão várias vezes, tanto que tivemos uma das melhores médias de público do Brasil nesta temporada, mas não foi o suficiente para alcançarmos a tão sonhada taça de campeão nacional.

Como se não bastasse, até a vaga na principal competição das Américas ficou ameaçada, sendo que só a consolidamos na última rodada, após uma partida suada contra o “poderoso” América/RN e uma mãozinha dos nossos rivais depenados. Ainda assim, estamos na Pré-libertadores, e teremos que encarar no mata-mata os paraguaios do Cerro, se quisermos sonhar com o Japão no fim do ano.

Boa parte da torcida ficou desconfiada com a chegada do Adílson Batista, após uma inesperada saída do Dorival (o Zezé Perrela havia garantido sua permanência rodadas antes do fim do nacional) e da manta levada pelo Mano Menezes, que preferiu os “gambás”, que conquistaram uma merecida vaga na segunda divisão. Mas, se analisarmos, não há tantas opções no mercado. Emerson Leão e Vanderlei Luxemburgo são grandes nomes, mas ganham salários astronômicos, e nem sempre treinador caro é sinônimo de sucesso (vide o próprio Luxa no Real Madrid; Paulo Autuori em 2007, Levir Culpi em 2005 e o mesmo Leão em 2004, os três no time celeste, que fiasco!). Desses, apenas o Luxa deu certo (e como) na Toca, mas não se dá bem com a diretoria celeste, após sua saída conturbada em 2004. Por isso, dificilmente voltará à Toca II na gestão Perrela.

Da mesma forma, técnicos desconhecidos também não significam êxito, mas não podemos julgá-los como fracassados, sem antes mostrarem seu trabalho. Lembremos do Marco Aurélio em 2000, campeão da Copa do Brasil, e em 2002, campeão da extinta Sul-Minas. Mas não nos esqueçamos de Ivo Wortman, Paulo César Gusmão, Oscar (1997) e outros, que não tiveram o mesmo desempenho.

Portanto, considero a aposta no Adilson válida, vamos aguardar seu trabalho. Enquanto isso, toda a torcida deve apoiar, pois disputaremos uma Libertadores, coisa que não fazemos desde 2004. Tomara que ele seja tão competente como nos tempos de jogador e tenha peito para conduzir o esquadrão azul.

A diretoria deve também fazer sua parte, trazendo jogadores de qualidade. Da mesma forma, jogadores de “nome” não são a solução (Rivaldo em 2004; Rincón e Edmundo em 2001; Gabriel, Ricardinho, Marcinho e Rômulo, em 2007). E também não adianta trazer jogadores desconhecidos, pois não é todo dia que surge um “Mota” da vida. Toda contratação é uma aposta, mas cada uma delas deve ser analisada cuidadosamente para que as chances de acerto aumentem e que tenhamos um time decente, disputando títulos como de praxe. Cá entre nós, faz tempo que carecemos de um “camisa dez”, de um lateral direito e de um centro-avante matador. Vamos ver se eles aparecem durante este ano, ou se continuaremos a ver navios. E que esses jogadores recém-contratados do Japão ajudem a levar o Cruzeiro para lá, no fim do ano, rumo ao Mundial.

Por fim, desejo a toda torcida celeste um 2008 diferente dos últimos anos: que seja cheio de títulos e emoções positivas durante ao ano; aos nossos jogadores, peço raça e comprometimento com o clube que defendem e respeito a essa imensidão azul, entrando em todas as competições para vencer; aos dirigentes, peço mais amor ao clube e menos amor ao dinheiro, sabedoria na hora de contratar e de dispensar, enfim, um time à altura de nossa história e de nossa torcida; e que Palmeiras, Botafogo, Grêmio, Atlético Mineiro e Corinthians nos sirvam de lição, pois a segunda divisão é logo ali.

Por Thales Antônio – João Monlevade - MG

Voz da Arquibancada é o espaço dedicado ao torcedor da arquibancada, geral e de toda imensa torcida espalhada pelo mundo. O Cruzeirense que se sentir motivado, inspirado e/ou indignado, escreva seu texto e envie para arquibancada@cruzeiro.org. A equipe Cruzeiro.Org terá o prazer de selecionar os textos recebidos e publicar os melhores e mais apropriados.

Leia também as colunas anteriores Voz da Arquibancada

As opiniões e declarações aqui expressas são de inteira responsabilidade do autor. O Site Cruzeiro.Org não responde por nenhuma opinião assinada.

Comentários:  Clique aqui e faça seu comentário sobre a coluna

 Celeste | Sorocaba-Itajub� | 31-12-07 09h31min
Thales, totalmente de acordo. Desde 1991, quando vencemos a Supercopa, esse é nosso maior jejum de títulos importantes. Acrescento que gostaria que os jogadores vestissem nossa camisa com mais raça. A apatia tem sido parceira do time nos últimos tempos.
 eu_sô_cruzeiro_meu | BH | 31-12-07 12h44min
THALES parabéns pelo belo texto. OLhe gosto um pouco de separar as coisas. vc já deve ter visto varias vezes que escrevi 1 COISA é uma coisa, Outra é outra. Com relação ao DJ, acho que ele várias vezes escalou times que a gente não escalaria, fez substituições que a nosso ver (EU concordo em termos com vc) não resultaram no que se esperava. Acho que o maior problema foi falta de soluções táticas, má-organização da marcação, falta de definição do esquema de jogo para cada partida, devido ao
 eu_sô_cruzeiro_meu | BH | 31-12-07 13h10min
(con1) ao número de jogadores amarelados suspensos, entre outros. Agora "falta de comando" é uma coisa jogada sobre o DJ, que vem do nível de cima. Fico muito preocupado com a insistência nestas falas. Como já disse várias vezes: DJ é empregado, não contrata, não demite, não é responsável por contratos e pela conduta de jogadores. Quem deve acompanhar isso é o pessoal "de cima": tem GF/SF/DF, 3 pessoas por baixo, pra olhar esta parte. estou cansado de se jogar isso como atribuição de técnico.
 eu_sô_cruzeiro_meu | BH | 31-12-07 13h16min
(cont2) Aí, cria-se uma cortina de fumaça sobre os problemas de OUT/2007, que não são de agora, sobre EGOs, sobre GRANA, sobre reivindicação de titularidade, e tantas outras coisa que justificam o que ocorreu, e não é apenas DJ, como não foi: OO, PCG, PA e outros, os culpados. Sobre o grupo e ABap, nada se pode falar, é uma completa incógnita. O treinador pega um TIME que não conhece, traz uma série de outros jogadores -dito reforços- sabe-se lá se serão, e colocam o grupo em choque.
 eu_sô_cruzeiro_meu | BH | 31-12-07 13h25min
(cont3) Choque, pois peças que vieram a substituir/obter titularidade, e colocando CHARLES-RAMIRES na reserva por ex, ou tirando a posição de GUILHERME-KERLON-DOMINGUES, sem nunca ter jogado ants aqui, vai criar invitável atrito.Veja o que aconteceu com RENAM e NENÊ. Tiveram mínimas chances com PA, e foram esquecidos pelo DJ. O 1.o foi embora e o TIME padeceu de um VOLANTE, colocou-se L.ALBERTO só o final e em poucas partidas. Hoje se tem 5 VOLANTES, e aí quem vai sobrar?
 eu_sô_cruzeiro_meu | BH | 31-12-07 13h28min
(cont4)Temos o Mineiro e a Libertadores conjugados, 4 partidas em conjunto sendo 2 decisivas. Pouco tempo pra treinar e acertar o conjunto. Jogadores como RONI, ALEC, BALA e TAVARES participando à força, isso é uma FRIA, pro time e pra torcida. Se o JOGADOR não quer vir, e se força isso, ele vai ter estímulo a se apresentar bem? A própria torcida joga contra, ao saber que ele prefere ir embora...De toda forma, vai se colocar numa decisão, jogadores cujo empenho é questionável?Dureza...
 eu_sô_cruzeiro_meu | BH | 31-12-07 13h32min
(cont5)Ou o objetivo é esse mesmo? Sair da Libertadores rapidinho, e usar estes jogadores como desculpas...E depois, qual será a meta? Entregar o C.MINEIRO novamente pras cocotas, que nem no ano passado? temos de ter esperança, mas acho que isso passa por: 1-vermos onde erramos e corrigirmos esses erros, 2- ter metas no FUTEBOL, e não nos jogadores (o CEC não é supermercado de jogador), 3- para de achar técnicos pra justificar as coisas que são definidas sem os mesmos.
 LUIZ ANTONIO | SAMPA | 31-12-07 20h45min
Alô Thales. Achei muito interessante o comentário em sua coluna. Parabéns. Isso também é uma maneira de mostrar a força dos cruzeirenses. Aqui no sul de Minas, muita gente tem me perguntado sobre as contratações do nosso cruzeirão para 2008. Lendo a coluna do mestre João ontem, deu prá ter uma idéia do que nos espera. Particularmente estou confiante, se conseguirmos encontrar uma "cereja para o bolo" como bem disse o mestre João. O time é forte pela experiência que adquiriu no Brasileirão de2007
 LUIZ ANTONIO | SAMPA | 31-12-07 20h49min
Com os reforços já anunciados, com certeza a equipe se encorpa um pouco +. A pergunta que não quer calar aqui entre os apaixonados cruzeirenses, é sobre a janela que se abre agora em janeiro. "Tudo bem... O time está experiente e vai ficar + encorpado". Mas e se começarem a vender nossos craques, como Ramirez, Charles, Vágner, Guilherme, Marcelo Moreno, Kérlon, dentre outros??? E aí como ficará o nosso cruzeirão para 2008??? Fiquemos atentos para que não aconteça um desmanche e venha afrustração
 LUIZ ANTONIO | SAMPA | 31-12-07 20h50min
de todos. Não concordo com esse pensamente. Acredito e muito na responsabilidade da diretoria sob o comando dos Perrelas e acredito sim que eles vão tacar água no shopp delas no centenário.
 Jorge Schulman | Belo Horizonte | 07-01-08 00h24min
Prezado Thales, se torcer por um clube era missão pra lá de difícil, agora fazê-lo no mundo e nas nuances de uma empresa tornou-se mais complexo ainda. Porque o clube nos dava a possibilidade de nos aferrar a afetos. Já à empresa, em corpo e alma, nos torna mais vulneráveis. Tanto que nos obriga a repensar atos e fatos. Agradeço-lhe a chance de podermos refletir sobre esses fatos e esses atos. Saudações Celestes - Jorge Schulman
 Lista/Chat Cruzeiro 

Assinar Lista-Cruzeiro

 Publicidade 

 Notícias   
19/09 - 14h20 [13 coment.]
Baixo aproveitamento nos pênaltis em toda a temporada liga alerta 

19/09 - 09h13 [4 coment.]
Cruzeiro alcança terceira melhor campanha do returno do Brasileiro 

19/09 - 08h08 [3 coment.]
Mano revela por que ainda não utiliza Arrascaeta como titular 

19/09 - 07h55 [1 coment.]
Sub17 conquista a J-League Challenge Cup, em Osaka (JPN) 

19/09 - 06h48 [1 coment.]
Atletismo conquista todas as provas disputadas no fim de semana 

18/09 - 08h56 [8 coment.]
Cruzeiro vence o Bahia e consegue se manter entre os 6 melhores 

18/09 - 07h39 [4 coment.]
Eleições: Lideranças do Cruzeiro intensificam atuação na campanha 

18/09 - 07h33 [2 coment.]
Cruzeiro lutará contra o Flamengo por sua 40a conquista no Mineirão 

>> Mais noticias

Cruzeiro.Org© 1999-2017 - Site Oficial da Torcida - Contatos para Webmaster