Ola visitante, Clique aqui para conectar ao site

 Home   |   Blog PHD   |   Charges   |   Colunistas   |   Notícias   

*** ATENÇÃO - Atualize seus dados e concorra a ingressos para jogos na Toca III ***
Cruzeiro.Org - 25 anos



Voz da Arquibancada
Voz da Arquibancada é o espaço de manifestação permanente do torcedor cruzeirense.

15/08/2018 | Voz da Arquibancada
Um Campinho no Céu

Por Wallace Ferreira ( CLIQUE AQUI para ler e comentar )


A vida de qualquer profissional hoje em dia é corrida, tem que estudar as novas tecnologias da sua área, novas línguas e, além disso, temos muitas coisas para nos distrair, TV, séries, redes sociais, e por ai vai. E, essas coisas ´roubam` tempo da sua vida pessoal, ´roubam` tempo dos seus relacionamentos familiares.

Imaginem uma família com um filho e gêmeos; é arrumar merendeira, preparar os uniformes, ler a agenda, dar banho, alimentar, fazer para casa, preparar o que for possível para que no dia seguinte. Quando acabam os preparativos, o dia anterior já acabou, e falta tempo para um monte de outras coisas.

Tudo isso me fez sempre participar da rotina diária de casa, dando banho, alimentando, ajudando no dever de casa, mas, principalmente brincando, dedicando tempo de qualidade aos meus filhos.

Essa introdução foi apenas pra dizer que a morte do meu ´caçula` ( afinal foi o último dos gêmeos a nascer ) Gabriel, serviu para refletir sobre o papel do pai. Entendo agora, porque não estudei HANA, Fiore, JavaScript, inglês, alemão. Não finalizei um canal sobre criação de filhos e nem o material do curso de casais.

Estava me dedicando ao Rafa, Miguel e Gabriel.

Era levá-los ao Mineirão para assistirmos jogos do Cruzeiro, jogar bola na Esplanada, andar de bicicleta, de carrinho de rolimã (uma das coisas que o Gabriel mais gostava) e muitas outras atividades.

Posso dizer que faria tudo da mesma forma ?

Não !

Apesar de muita gente dizer que sou um ´super-pai`, ´um exemplo a ser seguido`, eu dedicaria mais tempo; teria orado mais pelos meus filhos; teria abraçado mais, teria beijado mais, teria dito que ele era mais bonito que qualquer artista de cinema, teria dado mais biscoitos, teria tomado mais refrigerante, teria comprado mais bolos de chocolate.

Ainda tenho a responsabilidade de criar dois. Eles me disseram ´Pai, bom que nem todos os seus filhos morreram`, traduzindo: - Estamos aqui papai, precisamos de você ainda.

Assim seguiremos dia após dia, passo a passo, tentando retornar a rotina familiar.

Como suportar a dor da perda de um filho, uma criança de 3 anos e 10 meses, que
minutos antes estava no meu colo, e conversávamos de como ele teria uma barba bonita ´quando fosse grande`.

Não tenho resposta, tenho dicas :

- Tenha amigos mais chegados que irmãos;
- Tenha um bom relacionamento com sua família;
- Perdoe quem você tem que perdoar;
- Peça perdão a quem você magoou;
- Mesmo que você não tenha nenhuma religião, saiba que existe um Deus controla
todas as coisas aqui na Terra.

Depois das perguntas de desespero.

Meu Deus Por Que ? Como ? Ele só tem 3 anos ? Pra que ? Como será de agora em diante ? Uma multidão de gente ajudando, consolando e orando por nós, veio uma pergunta: - Deus onde está o Gabriel?

Futebol sempre motivo de alegria na nossa casa, e foi a forma como eu consegui ver onde estava o Gabriel. Lembrava de como jogamos bola pela manhã, ele fez um gol, correu e comemorou com os bracinhos levantados vibrando como se estivesse no Mineirão lotado em final de campeonato ...

Ai me veio uma visão de um campinho de futebol, onde a grama era verde, muito verde e bonita ( imagina o estádio da final da última copa do mundo, ou, o estádio da final da Copa do Mundo no EUA, México e Canadá, quantos bilhões serão gastos nos gramados), que não chegará nem de perto da grama daquele campinho, e o Gabriel chuta a bola para o gol vazio, corre por trás do gol, ergue as mãos, comemora, grita gol , corre e cumprimenta, toca com sua mãozinha a mão de Deus, e o Nosso Senhor sorri e parabeniza o Gabriel.

Imagina ... seu filho faz Deus sorrir no céu , não pode existir pai mais orgulhoso que eu aqui na terra.

Lembro do Rafa e do Miguel, pego uma bola, pego 4 chinelos, montamos os gols, colocamos meias na mão e vamos para nossa partida, a vida segue.

Jogue bola com seu filho ou filha, brinque de carrinho, brinque de boneca, leve para andar de bicicleta, leve ao estádio, ao teatro, ao cinema, ao clube, leve para a escola, para o balé, para o judô, para aula de inglês, alimente, dê banho, troque fralda, durma junto, coma junto, ore por ele ou ela, proteja e desfrute, a vida é curta, muito curta.

Para que no futuro você tenha lembranças boas, e não se arrependa do tempo perdido.

´Herança do SENHOR são os filhos; o fruto do ventre, seu galardão. Como flechas na mão do guerreiro, assim os filhos da mocidade. Feliz o homem que enche deles a sua aljava; não será envergonhado, quando pleitear com os inimigos à porta` (Salmo 127:3-5).



Voz da Arquibancada é o espaço dedicado ao torcedor da arquibancada, geral e de toda imensa torcida espalhada pelo mundo. O Cruzeirense que se sentir motivado, inspirado e/ou indignado, escreva seu texto e envie para arquibancada@cruzeiro.org. A equipe Cruzeiro.Org terá o prazer de selecionar os textos recebidos e publicar os melhores e mais apropriados.

Leia também as colunas anteriores Voz da Arquibancada

As opiniões e declarações aqui expressas são de inteira responsabilidade do autor. O Site Cruzeiro.Org não responde por nenhuma opinião assinada.

Comentários:  Clique aqui e faça seu comentário sobre a coluna

 Joao Duarte | Vit�ria | 15-08-18 07h45min
Prezado Wallace,
Meus sentimentos de pesar pela passagem do Gabriel, que certamente foi se encontrar com o Pai Celestial.
O Senhor sabe de todas as coisas e a Ele dirijo as minhas orações para que lhes envie o Seu Espírito Santo para confortar e consolar a você e todos os seus familiares neste momento difícil.
Se você puder assista o filme CORAJOSOS (no NetFlix tem) porque tenho certeza que vai ser importante para sua família.
Um abraço - João Chiabi Duarte
 Celeste  | Sorocaba-Itajub� | 15-08-18 15h18min
Caro Wallace, vivo um momento de luto pela perda da minha mãe e a sensação de que fiquei devendo algo é constante. Creio que deve ser assim com todos que amavam intensamente o ente que partiu. Sempre me chamou a atenção, no FB, suas fotos com os moleques. Creio que a dor uma hora passa. Ficarão as boas lembranças. Polly, Rafa, Miguel e você estão amparados pelo Espírito Santo.
 pyxis | BHZ | 16-08-18 12h53min
Wallace, tenho certeza que a paz está com você, Polly, Rafa e Miguel.
E estou certo que Gabriel está num campinho maravilhoso, seja onde estiver, melhor do que estaria aqui.
Você é um irmão !
 webmaster | Belo Horizonte | 16-08-18 13h05min
AVISO

Pedimos desculpas aos leitores de notícias e colunas pois estamos atrasados e com dificuldades de publicação de várias atualizações em função de problemas tecnológicos.
 estrelado campeao | Ubá  | 21-08-18 00h42min
Wallace, nenhuma palavra será capaz de confortar o seu coração nesse momento. Somente DEUS poderá confortar você e família. Que DEUS conforte o coração de vocês.
 Lista/Chat Cruzeiro 

Assinar Lista-Cruzeiro

 Publicidade 

 Notícias   
20/09 - 03h35 [12 coment.]
Insólita expulsión por medio del VAR 

19/09 - 12h45 [1 coment.]
Cruzeiro enfrenta seu grande rival na Libertadores, na Argentina  

17/09 - 21h03 [2 coment.]
Cruzeiro embarca para enfrentar Boca Juniors sem Arrascaeta 

17/09 - 18h14 [1 coment.]
Cruzeiro apresenta a lista dos jogadores na sequência da Lib´18 

17/09 - 09h22 [0 coment.]
Atletismo consegue bons resultados na Europa e em provas no Brasil 

17/09 - 08h26 [4 coment.]
Atlético Mineiro emite nota de repúdio a cântico de sua torcida 

17/09 - 07h45 [2 coment.]
Cruzeiro empata com rival, atuando com seus jogadores reservas 

16/09 - 18h30 [0 coment.]
Sada Cruzeiro é superado pelo Fiat Minas no tie-break 

>> Mais noticias

Cruzeiro.Org® 1999-2018 - Site Oficial da Torcida - Contatos para Webmaster