Ola visitante, Clique aqui para conectar ao site

 Home   |   Blog PHD   |   Charges   |   Colunistas   |   Notícias   

ATENÇÃO COM SUA SENHA
Caso você tenha dificuldade com sua senha, peça uma NOVA. Se não receber uma nova, nos avise.
WMTI- Tecnologia da Informação



Cruzeirense de Arquibancada
Fernandão escreve preferencialmente após as apresentações do celeste cinco estrelas

17/08/2017 | Fernandão
Mais mortos do que vivos, mas respirando

Cruzeiro é derrotado no Sul em noite para tirar lições.

É um grande jargão do futebol falar que os detalhes decidem os jogos. Mas não há forma melhor de ilustrar os motivos da derrota de ontem em Porto Alegre. Um desencadeamento de atos e nasce um gol. Mais um gol em hora terrivelmente imprópria, tirando a possibilidade de levar um placar satisfatório para o vestiário. Arrefecendo as chances de o adversário se expor.

Há uma lenda, em Buenos Aires, referente ao antigo treinador da seleção argentina, Carlos Bilardo, um alucinado detalhista. Dizem que durante a nababesca cerimônia do casamento de Maradona, em 1989, ele, aos puxões de orelha pelos cantos da festa, ordenou que todos os defensores da seleção dançassem ao redor do atacante Careca, amigo de Diego no Napoli.

Ele queria observar a diferença de estatura entre eles, a compleição física e altura relativa dos joelhos, para decidir quem escalar quando enfrentasse o Brasil durante a Copa de 1990. Se foi coincidência ou não, não se sabe. Mas Bilardo, nas oitavas de final contra o Brasil, em Turim, mandou a campo uma defesa não escalada até então, com Monzón, Simón e Ruggeri.

A escalação

Não vou cair na tentação de dizer que o treinador errou ao escalar o time. Mas desde a semana passada, eu já vinha até brigando com o povo aqui no site que idolatra o Robinho. Meu comentário está registrado ali, na coluna do João Duarte:

Robinho deve ser opção, pela preguiça em recompor. Se o Élber não jogar, acho que o Pedro Rocha vai deitar em cima do Romero. Pra esse jogo com o Grêmio eu quero ver o Élber em campo. Xingo ele o jogo todo, mas temos que ter respeito com o jogo e marcar em primeiro lugar.

Essa opinião baseia-se no estilo de jogo do Grêmio, que o Mano preferiu espelhar na escalação. O 4-2-3-1 do Renato tem o Luan circulando por dentro, procurando brecha no entrelinhas do adversário. Um atacante agudo (Pedro Rocha) aberto pela esquerda, um meia-volante na direita – Ramiro, que se alterna com os outros bons volantes, que eventualmente sobem.

Mano preferiu levar a campo um 4-2-3-1, de parcos resultados na temporada. Discordo da opção por algumas razões:

1. Thiago Neves se achou jogando de atacante, sem obrigações de recompor. Como meia-central ele não dá tanto apoio aos pontas, porque tende a receber a bola sempre um passo atrás deles. Dificulta as tabelas.

2. Romero precisava de uma proteção mais dedicada, pela dificuldade que tem em interpretar as jogadas, tendo como adversário particular o jogador mais rápido do adversário.

3. Robinho é o Robinho. Se ele fosse o craque que acha que é, estaria sendo cotado para substituir o Neymar no Barcelona.

Disse que discordo da opção. Preferia que o time entrasse com o Élber no lugar do Robinho, ou mesmo o Hudson. Mas entendo a opção. Entendo, porque imagino que o Mano fez isso pelo fator Luan.

Conhecendo nosso treinador, não acho que a qualidade do Robinho com a bola nos pés foi o que determinou a sua escalação. Mas sim o temor de um jogador que tem muita facilidade para flutuar entre as linhas de marcação adversárias e achar o espaço. Mano achou que postando o seu time em três linhas defensivas, haveria menos espaço para a flutuação quando houvesse a compactação.

Ou seja, ele abriu mão de proteger um pouco mais o Romero para proteger um pouco mais o espaço na cabeça da área, de onde o Luan acertou aquele chute no Mineirão, ano passado.

Poderia dar certo, se o Robinho tivesse um pingo de preocupação com o Michel e o Arthur. Se outros detalhes compensassem esse detalhe em particular.

O Jogo

Sem fluência ofensiva, sem transição em velocidade, sem arriscar um drible, o Cruzeiro ficou com a bola no primeiro tempo surpreendentes 49% do tempo. Confesso que antes de ver a estatística achei que era uns 35%. O Cruzeiro teve alguma posse de bola, mas não fez nada. O Grêmio construía o jogo através de seus volantes, contando com a pacífica omissão dos meias celestes na recomposição.

Alisson se esforçou mais para tentar recuperar a bola, mas recebeu algumas bolas no mano-a-mano com o fraquíssimo Edílson e não tentou o drible nenhuma vez. Recuou todas as bolas que recebeu. Lucas e Henrique tentaram levar o time a frente, mas foram engolidos pelos volantes adversários, Michel e Arthur.

Dói demais levar um gol aos 45´. Mas não dá para falar que foi injusto.
O lance do gol é um resumo de como é importante, no futebol moderno, jogar sem a bola. Durante um jogo de futebol, cada jogador retém a posse – em média – 55 segundos. Então não é exagero algum afirmar que 99% do jogo, joga-se sem a bola. O lance parece um contragolpe. Não é. O Cruzeiro atacava, a bola para no goleiro adversário, mas o time não está desconfigurado. A omissão de um jogador desconfigura o time.

Grohe recebe a bola e a rola para o Michel. Ele trota, verticalmente com a bola. O volante adversário até se surpreende – imagino – com a falta de ação do Robinho, que estava próximo ao lance. Michel não lança, mas sim corre, acelerando com a pelota por uns 40 metros. Henrique se adianta, sai da linha para desacelerar o ataque adversário. Ou seja, a falta de ação do nosso meia-direita, tira da linha defensiva o nosso volante pela direita.

Instintivamente o resto do time compensa, faz o balanceio defensivo para fechar o espaço, Lucas Silva sai da esquerda e se aproxima do lado onde estava o Henrique, Romero se adianta alguns passos.

Pedro Rocha dispara, e o Romero, levemente fora de posição, tem dificuldades com o ponta, que recebe a bola. O zagueiro sai, para impedir que o atacante adversário ``dobre a esquina´´. Pedro Rocha, percebendo a entrada livre de Luan centra a bola. Para tirar o máximo de ângulo do atacante, Fábio se adianta um pouco. A bola é batida na posição ingrata para o goleiro, logo ali onde o cara hesita em ir com o pé e quase não dá tempo para ir com a mão.

O outro zagueiro cobre o primeiro, que sai. O rebote do Fábio vai para o outro lado, onde o Barrios aguarda sozinho para cumprimentar.

Fiz questão de descrever minuciosamente o gol. Ontem parei o vídeo várias vezes para revê-lo. Fiz porque vão alegar que: O Fábio falhou, Romero falhou, Lucas Silva falhou. Entendo que todos poderiam ter tomado melhores decisões no lance em questão. Mas apenas um jogador deveria ser responsabilizado por esse tipo de lance: aquele que não se esforça.

Veio o segundo tempo. O time teve um pouco mais de postura com chutes de média distância. Aproveitou-se do espaço cedido pelo adversário, que claramente queria jogar em transição. Tomou um susto em um contra-ataque rápido do foi-não-foi pênalti. E a rigor, só assustou o Grohe com o Raniel, nos acréscimos, em jogada que sempre cobramos dele por aqui. Demonstrando a fome de quem quer espaço, de quem não está com a vida ganha.

Atuações

Fábio – O gol sai de um rebote seu. A bola foi batida muito de perto para segurar firme. O absolvo pelo lance. Fez outras duas boas defesas e desacelerou o jogo no primeiro tempo, com cera bem feita.
Romero – Batido na velocidade pelo Pedro Rocha, no lance do gol. Contribuição ofensiva nula. Saiu no início do 2º tempo.
Ezequiel – O time rendeu mais no segundo tempo, quando ele substituiu o Romero. Por mera coincidência.
Léo/Murilo – Sem culpa no gol, rebateram o que deu.
Barbosa – acertou um bom chute na segunda etapa, na única hora do jogo que pareceu que ia dar alguma coisa.
Henrique/Silva – Perderam a batalha inglória com os meias e volantes do Grêmio, mais dinâmicos e entrosados.
Alisson – Tímido na primeira etapa. Melhorou no segundo tempo.
Robinho – Inútil.
Élber – Sem tempo.
Neves – Anulado.
Sóbis – Pelo menos cumpre a sua função defensiva. Perdeu a batalha com Geromel, o que – cá pra nós – era pra lá de previsível.
Raniel – Ia passar sem ser notado, até levar vantagem em um lance no apagar das luzes com a bequeira tricolor. Parou só no goleiro. Credenciou-se a ganhar pelo menos um tempo semana que vem.

Mano – Não repetiu o esquema do empate agônico com o Palmeiras no Mineirão, fazendo voltar o Robinho na vaga do Élber. Tentou mudar a estrutura do meio para parar o melhor jogador do rival. Deu azar porque há vários bons jogadores no time adversário, e que correm os 90 minutos.

A volta

Sei que geralmente minhas colunas são mais pra cima. Já tem pessimista demais por aí... Mas é que geralmente, quanto maior a expectativa, maior a decepção. Achava que a melhor chance do Cruzeiro era no Sul.

Mas quem sabe aquela sorte de campeão nos sorri? Já demos sorte, já que o melhor zagueiro em atividade no Brasil, provavelmente perderá a volta. O substituto dele é o Bressan, um Marcelo Batatais piorado.

Mas me preocupo demais e acho bastante difícil fazer três gols no Grêmio. Sim, três. É o que resta se tomar um né? Por isso não é jogo para ir pra cima com tudo. Vamos com calma e paciência. É fazer o primeiro gol e deixar por conta do gogó da galera o resto. Há esperança.

Vamos ver, se a torcida compra o boi do time e faz uma atmosfera que proporcione a virada. Não acredito, desconfio.

Como bom mineiro à Frei Betto: não laço boi com embira, não dou rasteira em pé de vento, não piso no escuro, não ando no molhado, só acredito em fumaça quando vejo fogo. Esse é o jogo para o Mano semana que vem, só arriscar na certeza. Renato vai vir com o Grêmio preparadinho para contra-atacar.

Quem sabe outra noite épica, como contra o Porco? Por via das dúvidas vou deixar o fígado preparado.

Saudações Celestes


Gestor público, que faz suas observações após cada partida do Cruzeiro, de forma pouco espalhafatosa e totalmente despretensiosa.
fernandao@cruzeiro.org

Leia também as colunas anteriores Cruzeirense de Arquibancada

As opiniões e declarações aqui expressas são de inteira responsabilidade do autor. O Site Cruzeiro.Org não responde por nenhuma opinião assinada.

Comentários:  Clique aqui e faça seu comentário sobre a coluna

 Thiago Campos | N�o definido | 17-08-17 12h33min
Pois é Fernandão, complicou. Também apostava minhas fichas no jogo de ontem, um empate de 1x1 para ser sincero, mas não fizemos por merecer. Na análise do gol tem duas coisas que vejo diferente, Romero estava mancando por isso não consegue acompanhar o lance, apesar de nascer a jogada por displicência do Robinho, Lucas Silva também tem grande parcela de culpa, ele vê Luan se deslocando e por pura preguiça não acompanha, quando resolve já é tarde.
 Thiago Campos | N�o definido | 17-08-17 12h36min
No segundo tempo o Grêmio se poupou pois tem confiança que não passará em branco no jogo da volta e quase certeza que o Cruzeiro não é capaz de fazer três gols novamente.
 Fernandao_Br | Belo Horizonte | 17-08-17 13h09min
Não sei se o Romero já estava mancando. Se estava, isso agrava a falha dele, que julguei pequena, à princípio. Jogo desse não é hora para heroísmo. Tá ruim, cai no chão e espera a maca... Ele ainda voltou pro segundo tempo. Concordo que o Lucas podia ter ficado mais esperto, mas lembro que ele originalmente é o volante pela esquerda. A situação de desequilíbrio já estava criada. Piora quando o Léo sai da área.
 Fernandao_Br | Belo Horizonte | 17-08-17 13h09min
Não acho que o Grêmio se poupou. Pra mim se retraiu para garantir não tomar gol e tentar matar no contrataque. Abs
 pyxis | BHZ | 17-08-17 13h19min
Maravilhosamente comovente a sua narrativa do gol. Deveria, IMNSHO, narrar desde quando o Cruzeiro detinha a posse de bola e o goleiro saiu jogando... seria mais correto e detalhista.
Agora, comovente mesmo é sua avaliação sobre o ´papel tático` do RSóbis... Até pareceu muito articulado com a defesa do Mano pela atuação do nosso ´falso 9`...
O problema é que tem muita coisa falsa além do 9.
 pyxis | BHZ | 17-08-17 13h30min
Não estamos mortos, muito menos feridos. No jogo de ontem, por exemplo, esperava num bom resultado (empate com gols era um bom resultado), até que vi a escalação com Robinho e Sóbis, O INÚTIL !). Esperava um milagre quando vi as defesas do Fábio (aí veio o gol!). Quando vi o Ezequiel entrando em campo no início do jogo, fiquei esperando pelo pior... e torcendo por um ´Fabinho`,como em 1997... quase rolou (com Raniel).
Mano é INCOMPETENTE e FALSO. Nem a classificação na quarta modifica isso.
 Fernandao_Br | Belo Horizonte | 17-08-17 13h48min
Na maioria das vezes não te entendo... avaliação sobre o ´papel tático` do Sóbis.? Não fiz isso dessa vez, quando o faço, vejo para ele a única possibilidade de jogar de enganche, nunca de centroavante. Diversas vezes escrevi isso aqui. Falei uma linha sobre o rapaz: cumpriu função defensiva - Deixando bem claro: Isso não basta para o jogador mais avançado do time. Deixando mais claro ainda: Sem Sassá, na CB, Raniel ainda não havia se credenciado a titular. Uma jogada mudou isso. Ontem.
 Turquim | N�o definido | 17-08-17 13h51min
Três considerações: 1ª) Considerando que estamos sem um 9 de ofício na CB, teria escalado, e comentei antes do jogo no grupo do zap o time com 2 volantes marcadores (Henrique/Hudson ou Henrique/Romero) com Robinho no meio (onde rende um pouco), alisson e Elber abertos e T.Neves na frente. Robinho aberto na Direita igual a (-1). 2ª) Se o Ezequiel tinha condição de jogo, pq não iniciou jogando com o Romero fazendo a volancia junto com o capita? Pq improvisar? 3ª)Sobis é banco. Está difícil ver.
 Fernandao_Br | Belo Horizonte | 17-08-17 14h03min
Não tenho nenhuma procuração nem vontade de ficar defendendo o Treinador. Fiz questão de dizer que discordo do time. Num jogo desse o mais importante era ter a saída rápida, mesmo que fosse com o cabeça de bagre do Élber. Só que existem várias ``meias questões´´. Ezequiel e Robinho pra mim estão fora de suas condições ideais, embora liberados do DM. Tem uma zona de penumbra aí. O cara tá liberado, mas não está 100%. O seu time é legal no papel, mas nunca jogou junto antes.
 _vitor | Vitoria | 17-08-17 15h47min
Em jogo grande assim, não pode errar a quantidade de passes como foi ontem. D.Barbosa errou tudo no primeiro tempo, depois deu até uma melhorada.. Robinho e TNeves, os únicos criativos do time, apagados. Henrique discreto e Lucas Silva oscilando demais nas partidas! Ontem fez coisas boas, mas no gol a culpa maior foi dele, na minha opinião. Recuou pro goleiro e foi omisso ao ver o Luan correndo e não acompanhando. Jogador como o Luan não pode passar despercebido assim.
 _vitor | Vitoria | 17-08-17 15h57min
Romero já sentia no lance do gol. Contra o rápido Pedro Rocha não tinha a menor chance de acompanhar.. Mas acho que se ele pedisse pra sair naquele momento e entrasse o Ezequiel, não ia mudar nada! rsrs Mano vai morrer abraçado com o Sóbis. Mais uma atuação ridícula. Tem que por o menino Raniel que ta com fome de bola! Eu, que sou um dos mais otimistas, estou pessimista com a classificação. Ainda mais com a possível lesão do Romero, e Ariel, Arrascaeta no DM.
 Fernandao_Br | Belo Horizonte | 17-08-17 16h25min
Pois é Vitor. Tá difícil se manter otimista. Mas eu sou incorrigível. Rrsrs. Acho que ainda dá pra nós. Muita calma. Muita transpiração e concentração defensiva. E um pouco mais de confiança. Ninguém vai quebrar a marcação do Grêmio sem um chute, sem um drible, só no reme-reme. Acho que o Raniel se credenciou um pouquinho nesse jogo, estava cobrando dele esse tesão, e não tinha visto isso ainda. Tomara que ele entre e faça o gol da vitória contra o Sport. Aí não tem nem como manter o Sóbis.
 _vitor | Vitoria | 17-08-17 16h53min
Ele deve entrar domingo.. o negócio é que o Mano só coloca ele faltando uns 15, 20 minutos. Vejo muitos torcedores criticando bastante o Raniel, eu já não concordo. Vejo potencial nele.
 Ivan Gum | Não definido | 17-08-17 17h17min
Discordo do título. Ha dois anos numa situação semelhante fomos a SP pela libertadores, sp bem melhor que o Cruzeiro, noite onde fábio salvou, mas tomamos um gol. Na volta, na base da pressão, pressionamos o sp e conseguimos reverter o mesmo placar e passamos nos penaltis. Já tivemos o exemplo do palmeirinha esse ano. Vamos avante e estamos mais vivos do que pensamos.
 Fernandao_Br | Belo Horizonte | 17-08-17 17h27min
Valeu Tigum. Esse é o espírito. Hoje acordei meio puto, como tinha altas expectativas fiz um relato deprê. Mas o jogo ainda tarda um cado - uma semana. Até lá prometo fazer outra coluna e levantar a nossa moral. Estamos vivos sim... Ao longo dos dias essa minha frustração vai ser cultivada. Há de se tornar quase certeza absoluta de que vamos avançar. Obrigado por aparecer.
 Celeste  | Sorocaba-Itajub� | 17-08-17 18h44min
Eu estou entre aqueles que não acreditam na classificação para a final da CB. Já virei a página. Meu temor agora é a Z4. Mas faz um ano que o MM voltou ao clube e os erros são os mesmos: o time não ataca, erra um monte de passes, não tem jogada de bola parada...
 pyxis | BHZ | 17-08-17 20h49min
Pyxis (o torcedor):
torço muito, como sempre fiz, faço apostas malucas por qualquer competição. Torço para irmos à final e vencermos de qualquer maneira. Saudações Celestes ETERNAMENTE CAMPEÃS. Vou fazer de tudo para estar no Mineirão na quarta
 pyxis | BHZ | 17-08-17 20h50min
Pyxis (o crítico):
procuro argumentos minimamente aceitáveis para convencer a mim mesmo que a derrota de 1 a 0, nas circunstâncias que vi, indicam que este treinador é capaz de revertê-la. Ah! talvez algum jogador em dia inspirado possa. Aguardemos pois ...
 pyxis | BHZ | 17-08-17 21h24min
Pyxis (o fanático):
Este papo de ´acredito` é coisa de franga.
 Lista/Chat Cruzeiro 

Assinar Lista-Cruzeiro

 Publicidade 

 Notícias   
15/11 - 22h22 [5 coment.]
Retorno de Judivan é único motivo de comemoração contra o Avaí 

15/11 - 12h51 [2 coment.]
Cruzeiro pode decretar o rebaixamento do Avaí na 36a rodada do Br´17 

15/11 - 07h46 [13 coment.]
Diogo Barbosa pode atuar pelo Palestra Paulista em 2018 

14/11 - 07h39 [4 coment.]
Ronaldo Granata, vice de Wagner Pires, registra chapa de conselheiros 

13/11 - 07h16 [1 coment.]
Cruzeiro vence Fluminense (RJ), de virada, e fica em quinto lugar 

12/11 - 12h16 [4 coment.]
De olho em 2018, Cruzeiro enfrenta Fluminense, no Mineirão 

12/11 - 10h03 [1 coment.]
Alex10 apoia projeto que vai contar a história do ´Seu Lúcio` 

11/11 - 23h03 [2 coment.]
Cruzeiro perde e vê classificação ameaçada no Br´17 de Aspirantes 

>> Mais noticias

Cruzeiro.Org© 1999-2017 - Site Oficial da Torcida - Contatos para Webmaster