Ola visitante, Clique aqui para conectar ao site

 Home   |   Blog PHD   |   Charges   |   Colunistas   |   Notícias   

PROMOÇÃO CRUZEIRO.ORG 25 anos - COPA DO BRASIL - FINAL NO MINEIRÃO
Comente no site, Compartilhe no Facebook ou Retuíte as notícias no Cruzeiro.Org e concorra a ingresso na final da Copa do Brasil
Banda Help



Cruzeirense de Arquibancada
Fernandão escreve preferencialmente após as apresentações do celeste cinco estrelas

10/07/2017 | Fernandão
Cruzeiro 3 x 1 Palmeiras

Vitória fundamental em um jogo brigado, e aquela sensação que podemos ir a algum lugar

Vencemos. Vencemos um rival direto. Vencemos alguns temores. Saí do Mineirão com uma sensação para compartilhar. E Antes que eu dissesse, alguém me disse a mesma coisa: ``Esse ano não está perdido. Ainda pode dar alguma coisa.´´. Esse é o espírito. Torcer por um time de futebol é ser um otimista. É tratar o futebol como o seu lazer, como a sua esperança, não como o seu saco de pancadas, onde descarrega as frustrações.

O Jogo

Dizer que o Cruzeiro agiu de forma esplendorosa e fez valer seus domínios, seria simplesmente mentir. Como falei de sensações antes, continuarei nesse tom. Minutos antes de o Thiago abrir o placar, tinha a sensação que o Palmeiras abrir o placar era questão de tempo. O Cruzeiro defendia-se com bravura, mas não tinha organização para trocar passes, para contragolpear o adversário.

O gol foi um sopro de talento. Talento dos dois melhores jogadores do Cruzeiro na atualidade, Neves e Alisson. Alisson faz uma enfiada perfeita para que o Thiago finalizasse com maestria. 1x0. A verdade é que o time do Palmeiras tem jogadores agudos, agressivos pelas pontas, mas pouco lúcidos com a bola na intermediária. Diversas vezes eles fizeram jogadas ótimas, que foram morrer na beirada para alguém cruzar. Estavam sem o Borja e o Guerra, é verdade, mas ainda sim levaram bastante perigo, já que foram ao fundo várias vezes.

Senti saudade do Egídio. Um pouquinho só do Mayke. Nenhuma do Bigode.

O segundo gol do Cruzeiro veio em um momento em que conseguimos igualar as coisas. Ter um pouquinho mais de volume no meio campo. Tanto que o Romero, nosso lateral mais retraído estava no bico da área e o Hudson dentro dela. Mas reconheçamos, foi um lance com casualidade acima do comum.

O 2x0, muito mais do que o time merecia, pelo jogo feito até então, coroou Romero e Hudson, improváveis: assistente e goleador – que faziam partida de extrema doação. Mais do que isso, o 2x0, me trouxe aquela sensação de que o time pode reencontrar-se com a sorte. Não há grandes times sem sorte. Em um jogo de futebol, o imponderável ocupa um terreno muito superior àquele que compreendemos.

Nossa sorte podia ter ido por água abaixo se o juiz desse um pênalti do Murilo no Guedes. Eu, no estádio, fiquei com a sensação de pênalti. De casa me falaram que a falta foi fora da área. Mas poderia ter sido marcada.

A resistência

Para mim o jogo de futebol terminou em 45 minutos, quando o time do Cruzeiro desceu para o vestiário com o placar favorável e dois tentos adiante. Não se tratava de jogar bola. Tratava-se de resistir.

A carga emocional das jornadas anteriores estava ainda em carne viva. Abrir o placar no clássico e ceder a virada em dois minutos. Abrir 3 gols contra esse mesmo adversário e sofrer o empate, enfim... Até os postes daquela esplanada estéril da Pampulha sabiam que o Palmeiras viria para o abafa, e que teríamos de matar o jogo no contra-ataque.

E o Cruzeiro fez como dava pra fazer. Henrique, como um bom general russo, entrou para dentro da área, e cedeu campo para o adversário. Queimem as fazendas, fortifiquem as muralhas, protejam a cidadela, teria bradado o capitão aos seus comandados. O 4-4-2 da primeira etapa, com Alisson fechando pela esquerda, na linha com os três volantes deixando Sóbis e Neves na frente, modificou-se para um 5-4-1, com o recuo do Sóbis para fechar o lado direito, a centralização do Hudson e a entrada do Henrique para jogar entre os beques. Hudson daria depois lugar ao Lucas Silva, que se não foi um primor técnico, entrou com o mesmo espírito do antecessor.

E o Palmeiras tentou, rodou a bola, e a levantou de um lado para outro na área.

A rigor, o jogo de São Paulo se repetiu, com o adversário empurrando o Cruzeiro para trás. O que não se repetiu foi o resultado das investidas do adversário. Talvez pela ausência do Borja, talvez pela presença do Henrique, talvez pelo Romero na direita em lugar de Ezequiel. Não sabemos e não saberemos. Não há respostas a buscar.

O time resistiu. Sofreu apenas um gol, num instante em que tentava sair e deu campo para o adversário acelerar a jogada.

Ao fim, Sóbis e Neves saíram para a entrada de Sassá e Élber. Substituições acertadíssimas, embora a do Neves tenha demorado uns dez minutos, a mais do que devia, para acontecer. Sassá deu um pouco mais de volume na frente, prendendo um pouco a bola para a defesa respirar e impedindo o Mina de levar o time do Palmeiras para frente na marra. O galalau colombiano vinha fazendo isso durante todo o embate.

Élber deu o escape pela direita, com mais fôlego do que o Neves vinha fazendo. Diga-se, com a substituição do Sóbis, Neves foi deslocado para fazer a segunda linha pela direita e o Sassá ficou de centroavante. Élber ainda fechou a conta, foi o responsável por rodar a lâmina fria no bucho do rival ao apagar das luzes. Importante ressaltar, que o jogo ainda não estava decidido, tamanha a pressão sofrida no segundo tempo.

As opções

Na última partida, Mano optou por centralizar nele mesmo a pressão, ao trucar os ``jornalistas´´, dizendo que venceria o próximo jogo e que não levaria três gols. Fazendo isso, o comandante certamente seria taxado de arrogante, prepotente e o escambau em caso de não-vitória. Deu certo. O discurso interno certamente foi de confiança no grupo e no elenco, ``senão não teria feito isso´´.

Caicedo não alinhou contra o Palmeiras. Há duas interpretações possíveis:

a) Estamos preservando um jogador de futuro que tem problemas familiares, ou;

b) Perdemos pontos por culpa dele, e por enquanto ficará na geladeira
.
Espero que a opção ``a´´ seja a real, embora a comunicação do Cruzeiro não tenha deixado isso claro. Ressalte-se, mesmo que internamente a opção seja a ``b´´, o que deveria ser comunicado à imprensa seria a opção ``a´´.

A opção ``b´´ é injusta e simplesmente não condiz com a realidade. Murilo, jogando bem menos exposto que o seu antecessor, não demonstrou grandes qualidades. Vi mais em Bruno Viana e Fabrício Bruno, os dois últimos beques lançados pelo Cruzeiro no time de cima, do que nele.

As coisas mais imbecis que você vai ouvir hoje

Dentro do que vinha falando acima, certamente alguém vai falar que o resultado tem conexão direta com a ausência do Caicedo. Isso é uma bobagem maiúscula. Caicedo foi muito bem quando jogou protegido por três volantes. Que eu me recorde, isso aconteceu só no segundo tempo na Vila Belmiro, jogo contra o Santos, quando ele substituiu o Dedé, lesionado. Além disso, era, nos últimos jogos, complicados para a defesa, o melhor da dupla de zaga.

Outra pérola que certamente será produzida e amplificada em algum lugar, é a de que os idiotas que foram atazanar a vida do time na Toca durante a semana ajudaram a ``mudar o espírito´´ do time. Haja paciência... A Máfia Azul, aliás, nos proporcionou o ridículo papel de atrapalhar até as comemorações de gol do Cruzeiro ontem. Enquanto todos queriam exaltar o time em campo, que fazia gols contra o atual campeão brasileiro, a organizada puxava o coro de ``Uh, uh, a Mancha é @#, tererê´´ na hora dos gols. Como se no momento de êxtase, fosse coisa mais importante destinar impropérios à Organizada rival. Algo realmente lamentável.

Como também foi lamentável, parcela considerável de torcedores vaiando esse ou aquele quando anunciada a escalação no placar eletrônico.

Finalizando

Um abraço a todos que encontrei no Mineirão ontem. Marcão e Zuim, desde cedo, egressos de uma feijoada anti-cardíaca. Tigum e Tio Cabeção, fazendo acrobacias desorganizadas na arquibancada e transportando cerveja de modo nada higiênico, Brunenrique, Madureira e a Cris, a mais nova sócia Kids do Cruzeiro. Abração também para Cubano e Mamadeira, que só não estavam entre nós por dezenas de milhares de quilômetros impossibilitantes.

Contra o Flamengo é todo mundo em nossa casa. Quem sabe para consolidar o time em lugar melhor depois de uma boa vitória em Curitiba? Seria sensacional voltar a ver o Mineirão como deve ser sempre em jogos do Cruzeiro.

Saudações Celestes


Gestor público, que faz suas observações após cada partida do Cruzeiro, de forma pouco espalhafatosa e totalmente despretensiosa.
fernandao@cruzeiro.org

Leia também as colunas anteriores Cruzeirense de Arquibancada

As opiniões e declarações aqui expressas são de inteira responsabilidade do autor. O Site Cruzeiro.Org não responde por nenhuma opinião assinada.

Comentários:  Clique aqui e faça seu comentário sobre a coluna

 pyxis | BHZ | 10-07-17 15h35min
Concordo com muitas coisas tomadas isoladamente. No geral é isto, mas:
1) A posição de determinados torcedores é escrota (e se acham!);
2) Discordo do Mano elevar o Henrique à condição de ´fator primordial para termos vencido`;
3) Como escrevi em comentários e falei antes do jogo: Estávamos precisando de SORTE. Ontem ela nos sorriu;
4) Mano, aguenta aí até o final do ano... Sua avó subiu no telhado !
 Pérola Negra | Não definido | 10-07-17 17h58min
Agora o marinheiro parece querer usar o astrolábio e olhar para frente. A sensação pós-jogo que vc descreveu estava no meu 1º comentário. O meu navio nunca foi organizado, mas quando encontrou um trapo pela frente, como o próximo, nunca decepcionou. Já o rubro-negro original, esse é o 'Holandês Voador' da vez, temos que ter uma carta na manga. Então te desafio a prever essas 2 pelejas antes que aconteçam, as fraquezas do inimigo. O próximo, por exemplo, está sem capitão, em águas turbulentas...
 Celeste | Sorocaba-Itajub� | 10-07-17 21h34min
Resultado excelente. O futebol apresentado ainda carece de melhoras. Continuamos sem jogada pelas pontas (coisa que o Palmeiras fez várias vêzes). Escanteios e laterais também são mal aproveitados.Há que se considerar, por outro lado, que alguns jogadores estão em crescente (Alisson e TN principalmente. Ainda assim o otimismo ainda passa longe dos meus pensamentos.
 Pérola Negra | Não definido | 13-07-17 11h28min
Descansados pro jogão do fds: Ariel, Hudson, Ezequiel, talvez Manuel...é tanto el, só não falo que é profecia bíblica pq sou pirata autêntico. Olha como a tua ideia foi levada a cabo, meio sem querer querendo. Mandou um mezzo por causa do palestra ou do Sérgio Leoni? Se for o último, precisa se modernizar, eu to no top da Disney e pegando geral, bangbang machão tá dêmodê. Agora, lembra aquele ano de 2012 quando vc ia pro Indepa ver a torcida venerar o Neymar? Ou o Seedorf acabar com a gente?
 Pérola Negra | Não definido | 13-07-17 11h36min
Agora pensa no gol do Romero de ontem, naquele assistência de fundo mais linda que alguém pulando da prancha do meu navio.. agora vou te dar um refresco: https://www.youtube.com/watch?v=4L1uVe9NgTA Eu não me engano, pra derrubar o Holandês Voador é preciso uma carta na manga... Calipso: https://www.youtube.com/watch?v=TZLmW0IXdbs esse é o espírito, contra time de malandro e atacante marrento. Motiva a tripulação.
 Lista/Chat Cruzeiro 

Assinar Lista-Cruzeiro

 Publicidade 

 Notícias   
18/09 - 08h56 [7 coment.]
Cruzeiro vence o Bahia e consegue se manter entre os 6 melhores 

18/09 - 07h39 [4 coment.]
Eleições: Lideranças do Cruzeiro intensificam atuação na campanha 

18/09 - 07h33 [2 coment.]
Cruzeiro lutará contra o Flamengo por sua 40a conquista no Mineirão 

18/09 - 07h31 [2 coment.]
Carga de ingressos adicional para Sócios do Futebol esgotada 

17/09 - 09h13 [9 coment.]
Cruzeiro busca evolução na classificação diante do perigoso Bahia 

17/09 - 08h16 [2 coment.]
Sub20 vence América-MG e se posiciona na vice-liderança do estadual 

16/09 - 09h02 [1 coment.]
Sada Cruzeiro bate Minas no Riachão e lidera estadual de vôlei 

15/09 - 19h54 [1 coment.]
Torcedores esgotam carga de bilhetes da Minas Arena para final 

>> Mais noticias

Cruzeiro.Org© 1999-2017 - Site Oficial da Torcida - Contatos para Webmaster