Ola visitante, Clique aqui para conectar ao site

 Home   |   Blog PHD   |   Charges   |   Colunistas   |   Notícias   

PROMOÇÃO CRUZEIRO.ORG 25 anos - COPA DO BRASIL - FINAL NO MINEIRÃO
Comente no site, Compartilhe no Facebook ou Retuíte as notícias no Cruzeiro.Org e concorra a ingresso na final da Copa do Brasil
Banda Help



Torcedor Cibernetico
A Dialetica Virtual x Real

01/05/2016 | Evandro Oliveira
Torcedor Cibernético - Raposas Campeãs

O gramado é perfeito. A arbitragem não é histriônica, nem comprometida. A torcida, de ambos os lados, torcem por seus times ...

Pouco mais de duas décadas atrás, para ver campeonatos de outros países, especialmente da Europa, somente se fosse muito fanático e, exclusivamente, aqueles campeonatos em que atuavam as estrelas do futebol mundial. Campeonato italiano e em alguns canais, o espanhol. Atualmente, se bobear, o amante do futebol acompanha o campeonato austríaco e fica arrotando expressões como espanholização do futebol brasileiro como se fosse o torcedor melhor informado do mundo.

Falando do que interessa, dá gosto de ver o que o Leicester tá fazendo no campeonato inglês.

Entretanto, cabem algumas reflexões que o torcedor cibernético não tem feito por causa desta nossa mídia que, na quase totalidade dos casos, é despreparada e acha que o Leicester serve de exemplo para nossos males.

Nas últimas semanas passei a me empolgar com o time inglês azul, cujo mascote é uma raposa. Natural. Vi muitas partidas (muito além do que costumo ver em campeonatos europeus) e confesso que passei a torcer pela conquista deles. Mas longe do motivo ser exclusivamente ou basicamente pela proximidade do uniforme me mascote. Mudei muito meu conceito sobre o futebol inglês. O empate contra o ManU, em pleno Old Trafford, provocou em mim a vontade de torcer pelo Leicester, mesmo que eu não vá mudar minha preferência e simpatia pelo Liverpool.

Vi nestas partidas da Premier League algumas coisas que deveriam dizer muito mais para cronistas e torcedores brasileiros, especialmente os cruzeirenses. Quem entender aquela competição entenderá muitos das razões do “7 a 1”, do “Manzembe”, de “Oruro”, de “Raja Casablanca” e outras tantas motivações para entender porque um time como o Leicester sai do nada e vira campeão com uma premiação maior do que o orçamento anual de cada um dos doze maiores times brasileiros.

A situação do Leicester, na partida de hoje, em que o seu adversário lutava pela vitória para conseguir uma vaguinha na Champions League, pode ser comparada com uma possível partida decisiva entre América-MG, do Givanildo, e Flamengo-RJ, em pleno Maracanã, valendo título para o América. Ou ainda se um Tricordiano viesse a disputar no Mineirão o título do Ruralito e o Cruzeiro lutando para se classificar para uma Copa do Brasil na temporada seguinte. SURREAL !

Mas ao ver a partida como torcedor de outro time, consegue-se observar coisas que o próprio torcedor da equipe não observa. O gramado é perfeito. A arbitragem não é histriônica, nem comprometida. A torcida, de ambos os lados, torcem por seus times (acompanhei uma rede social de torcedores do ManU, claro que existem os radicaloides, mas são minoria e colocados, sempre, no seu devido lugar). Vi um time gigante, dos maiores do planeta respeitar o adversário que não se intimidou e mostrou o verdadeiro football association. Com uma única estrela, um argelino desconhecido do mundo do futebol até dois anos atrás, com muitas qualidades e coragem, vi um Leicester não se intimidar com mais de 70% de posse de bola do mandante que fustigou sua meta durante todo o jogo. Deu gosto dever no rosto de cada um dos torcedores da raposa a cara de torcedores que estão fazendo história.

Repito, estou torcendo para o Leicester ir à Champions como campeão inglês. Muito provavelmente, vira abóbora na primeira fase. Mas a história permanecerá. Que sirva de exemplo, para a mídia brasileira deixar de falar tanta merda nas mesas redondas entupidas de bestas quadradas. Que a mídia rural pare e preste atenção, sem escrever nada. Que os blogueiros, profissionais e amadores, tenham a capacidade de analisar não a conquista que o Leicester está próximo de conseguir. E que nenhum tolo escreva que “... não estou torcendo pelo Leicester por causa da camisa azul ou por causa da raposa...”
A vitória do Leicester é a vitória do futebol simples, honesto e inteligente. Não devemos generalizar o futebol mundial a partir do Leicester mas, pelo menos no Brasil e na atual situação do Cruzeiro, podemos parar e pensar. Garanto que não vai doer.

Gostaria muito de ver a torcida do Cruzeiro com um comportamento digno como da torcida do Leicester. Sei que determinada geração de torcedores do Cruzeiro nunca entenderão, afinal foram muito “mal acostumados” (alguns foram mal adestrados!). Não lhes foi ensinado a ser torcedor. Chegam a torcer por jogadores, por técnicos, por dirigentes, pelas torcidas organizadas as quais são filiados. E esquecem de pensar no Cruzeiro e em apoiar aqueles que estão vestindo a camisa do Cruzeiro.

É um sonho utópico... Um dia... Quem sabe ...

Evandro Oliveira e cruzeirense desde a decada de 1960 e costuma ficar zangado quando ve tolices na boca de cruzeirense, mas talha o sangue quando ve a midia manipulando cruzeirenses alienados e desavisados.
pyxis@cruzeiro.org

Leia também as colunas anteriores Torcedor Cibernetico

As opiniões e declarações aqui expressas são de inteira responsabilidade do autor. O Site Cruzeiro.Org não responde por nenhuma opinião assinada.

Comentários:  Clique aqui e faça seu comentário sobre a coluna

 Raposão do brasil | Não definido | 01-05-16 15h41min
Pois é Evandro, INFELIZMENTE a última frase é a maior realidade de hoje,"utopia, quem sabe,um sonho ".Aqueles 7x1 não serviram de nada pra ninguém nesse mundo do futebol brasileiro,nem torcida,nem jogadores,nem presidentes e diretores e principalmente pra MÍDIA. Chego a sentir pena do nosso futebol,do nosso torcedor(os teleguiados), isso é uma de câncer,um vírus maldito que infecotou a maioria,e essa maioria prefere continuar sonhando com Neymares,Hulks e marionetes como os Dungas da vida,OSSO.
 carlos_Almeida | Vitória | 01-05-16 17h10min
O time tem que animar a torcida e a torcida animar o time, isso em qualquer lugar do mundo, para isso o Cruzeiro terá que unir vários itens fragmentados. Quando Bruno Vicintin assumiu o cargo, por ser "da arquibancada" e supostamente conhecer bem a alma da torcida; e por já te-lo visto atuar como empresário, sendo ativo e exigente, pensei que haveria um avanço na interação com a torcida, além de uma boa atuação administrativamente. Vejo um ostracismo que não parece ser de sua personalidade.
 pyxis | BHZ | 02-05-16 01h37min
Raposão, este vírus maldito chama-se INCLUSÃO DIGITAL sem limitação de banda. Os torcedores acham que porque podem pagar pela banda larga, podem mais do que os outros, tem a opinião que deve prevalecer sobre a dos outros, se julgam "donos" dos espaços virtuais que querem frequentar. Existe uma verdadeira subversão da ordem. Não sabem usar o que lhes é dado e ficam impondo a ditadura da opinião própria. Confundiram TUDO !!! E vai piorar ...
 pyxis | BHZ | 02-05-16 01h40min
Carlos_ALmeida, não sei porque mas acredito que sua impressão sobre o Vicintin é muito diferente da minha. Talvez seja por causa do nível de informação e proximidade com os atos presenciais.
E, sinceramente, esta de time animar torcida e vice-versa é como o dilema tostines, uma PUBLICIDADE enganosa... desculpa de torcedor SF que foge do time esquecendo-se que tem que TORCER... desculpa de torcedores modinha, daqueles que aparece somente na boa... NÃO COLA !
 carlos_Almeida | Vitória | 02-05-16 13h35min
Evandro, o que escrevi não tem nada ver com dilema de tostine. O que escrevi é que cada um tem que fazer sua parte. Quando você diz que a torcida tem que TORCER, descomplica muita coisa que se for pensar melhor, é mais simples do que fazem parecer. Eu concordo, TORCER (a função da torcida), claro que ela tem o direito de protestar. Mas o time( o clube em si, dirigentes e jogadores), não podem fugir de suas responsabilidades, têm que fazer a sua parte, falo de sintonia de uma parte com a outra.
 carlos_Almeida | Vitória | 02-05-16 13h39min
Pesquisei dilema tostine, tá mais pra uma enganação.
 carlos_Almeida | Vitória | 02-05-16 13h58min
Sobre Vicintin, você mesmo disse que Dr. Gilvan atrapalha. Entendo que certas coisas têm que serem resolvidas sem o conhecimento público. Repito, acredito que Vicintin tem capacidade de "dialogar" com a torcida ("Time do Povo" por exemplo, foi uma boa cartada), e fazer um bom trabalho administrativo.
 pyxis | BHZ | 02-05-16 18h07min
Carlos, Ainda estamos em sintonias diferentes... melhor deixar pra lá... Acredito que vc tem uma visão MUITO diferente do que está acontecendo neste momento no Cruzeiro...
mas tudo bem...
mantenho o que escrevi mas discordo da interpretação que você atribuiu ao que eu escrevi.
 Lista/Chat Cruzeiro 

Assinar Lista-Cruzeiro

 Publicidade 

 Notícias   
19/09 - 14h20 [13 coment.]
Baixo aproveitamento nos pênaltis em toda a temporada liga alerta 

19/09 - 09h13 [4 coment.]
Cruzeiro alcança terceira melhor campanha do returno do Brasileiro 

19/09 - 08h08 [3 coment.]
Mano revela por que ainda não utiliza Arrascaeta como titular 

19/09 - 07h55 [1 coment.]
Sub17 conquista a J-League Challenge Cup, em Osaka (JPN) 

19/09 - 06h48 [1 coment.]
Atletismo conquista todas as provas disputadas no fim de semana 

18/09 - 08h56 [8 coment.]
Cruzeiro vence o Bahia e consegue se manter entre os 6 melhores 

18/09 - 07h39 [4 coment.]
Eleições: Lideranças do Cruzeiro intensificam atuação na campanha 

18/09 - 07h33 [2 coment.]
Cruzeiro lutará contra o Flamengo por sua 40a conquista no Mineirão 

>> Mais noticias

Cruzeiro.Org© 1999-2017 - Site Oficial da Torcida - Contatos para Webmaster