Ola visitante, Clique aqui para conectar ao site

 Home   |   Blog PHD   |   Charges   |   Colunistas   |   Notícias   

PROMOÇÃO CRUZEIRO.ORG 25 anos - COPA DO BRASIL - FINAL NO MINEIRÃO
Comente no site, Compartilhe no Facebook ou Retuíte as notícias no Cruzeiro.Org e concorra a ingresso na final da Copa do Brasil
VBR Artes Gráficas



Voz da Arquibancada
Voz da Arquibancada é o espaço de manifestação permanente do torcedor cruzeirense.

26/04/2016 | Voz da Arquibancada
O treinador e os dirigentes

Por Luiz Barreto - ( CLIQUE AQUI para ler e comentar ) ...


Tenho para mim há muito tempo que a responsabilidade pela decadência do futebol brasileiro se deve aos dirigentes e treinadores. Isso voltou à minha cabeça depois de um dos temas abordados na coletiva do vice-presidente de futebol do Cruzeiro, Bruno Vicintin na dispensa de Deivid.

Nada pessoal, pois seguindo a máxima de que “apesar de não concordar com argumentos e ideias de alguma pessoa, vou defender até a morte o direito dela de expô-las” (J.J.Rousseau).

Pois bem.

Vicintin disse que a escolha por Deivid no comando técnico do time foi para dar continuidade ao trabalho iniciado por Mano Meneses, que tirou o Cruzeiro de uma condição incômoda na tabela para ficar perto de conseguir uma das vagas para a Libertadores.

Na realidade, o que vimos foi uma total descontinuidade. Deivid assumiu e impôs logo de cara um esquema totalmente diferente. Logo vimos, na Primeira Liga, uma equipe fragilizada na defesa e inoperante na saída de bola, um futebol lento e sem nenhuma objetividade.

Para Vicintin não cabe à diretoria interferir no trabalho do treinador. Ela contrata reforços e o esquema de jogo e as questões técnicas são exclusividades dele.

Discordo, plenamente.

Não que eu queira dizer que o sistema tem de ser de coronel autoritário ou antidemocrático. Mas penso que tem que existir um elo entre diretoria, técnico e jogadores. Um papo boleiro, um apoio que possa levar aos dirigentes os ruídos que ocorrem no decorrer de um trabalho.

Sou testemunha de que isso já houve no Cruzeiro. Podem até me contradizer: “eram outros tempos”.

Vi um treinador linha dura como Zezé Moreira ser questionado por Furletti e Felício Brandi por essa ou aquela escalação e o resultado mudou. O Cruzeiro venceu a parada, isso no final de 1975 e em 1976, quando ganhamos respectivamente o tetra mineiro e a primeira Libertadores.

Fui testemunha também de Salvador Masci bancando a entrada do goleiro Gomes (o 1º) o zagueiro Eugênio e os atacantes Careca e Wanderlei no time em substituições de jogadores já com a bula vencida. O reflexo dessa “ingerência”? foi o título mineiro de 1987.

Por isso, Bruno Vicintin, com todo o respeito e admiração que tenho pela sua atuação, é trabalho sim do responsável pelo futebol de um clube, opinar junto ao treinador se algo não está correspondendo aos anseios da direção. Não é só demitir, é trabalhar junto, aí sim. Não deu certo, rua.

Aliás, naquela época, diretor de futebol ficava no túnel, ao lado do treinador e os dois trocavam ideias sobre o andamento do jogo e o que precisava mudar.



Voz da Arquibancada é o espaço dedicado ao torcedor da arquibancada, geral e de toda imensa torcida espalhada pelo mundo. O Cruzeirense que se sentir motivado, inspirado e/ou indignado, escreva seu texto e envie para arquibancada@cruzeiro.org. A equipe Cruzeiro.Org terá o prazer de selecionar os textos recebidos e publicar os melhores e mais apropriados.

Leia também as colunas anteriores Voz da Arquibancada

As opiniões e declarações aqui expressas são de inteira responsabilidade do autor. O Site Cruzeiro.Org não responde por nenhuma opinião assinada.

Comentários:  Clique aqui e faça seu comentário sobre a coluna

 pyxis | BHZ | 26-04-16 23h58min
Luiz, teoricamente, você tá certo... entretanto, num regime presidencialista autoritário absolutista, não tem diretor de futebol e nem vice que dê jeito.
Os ideais do presidente estão acima dos interesses do Cruzeiro. GPT perdeu o trem da história e jogou no lixo as conquistas das quais ele PARTICIPOU... e ele ainda acha que conquistou tudo sozinho... ou que foi o principal comandante.
 Luiz Tropia Barreto | Não definido | 27-04-16 11h59min
Pois é, estamos a duas semanas para fazer a estreia no Brasileirão, a uma para decidir contra o Campinense a permanência na Copa do Brasil. O time entregue ao auxiliar-técnico Geraldo Delamore. Pergunto qual é a esperança sobre o futuro do futebol do Cruzeiro? Não tenho bola de cristal, mas as perspectivas não são nada boa. Vamos ver como será o primeiro treino e qual será a formação da equipe e sistema de jogo. A fórmula do Mano é a melhor que vejo.
 Zé Caixeta/DF | Não definido | 27-04-16 16h06min
Tenho certa dificuldade em concordar totalmente com o Luiz Barreto. Ainda me lembro do Médici trocando o técnico, mandando convocar o Dario, com a consequente saída do Dirceu Lopes. Mas entendo que pode ser conversado sim, tipo, olha como o time produz mais com o LE tal, com o CAvante beltrano, etc. No caso do Deivid, não teria como mudar ninguém na escalação, a não ser o Helber. Que fatalmente será titular, com qualquer técnico. No caso, o problema era propriamente o técnico.
 Luiz Tropia Barreto | Não definido | 28-04-16 12h37min
Zé Caixeta, obrigado pelo comentário. Minha opinião é de que o departamento de futebol não pode ser deixado de lado como é no Cruzeiro. Isso vem de muito tempo, desde as gestões do ZP. Qunado foi identificado que a forma do time de jogar estava ao contrário do que o Mano deixou, era necessária uma conversa mais franca, do tipo: estamos fragilizados, com o que temos, placar de 1 a 0 é goleada.
 Lista/Chat Cruzeiro 

Assinar Lista-Cruzeiro

 Publicidade 

 Notícias   
19/09 - 14h20 [13 coment.]
Baixo aproveitamento nos pênaltis em toda a temporada liga alerta 

19/09 - 09h13 [4 coment.]
Cruzeiro alcança terceira melhor campanha do returno do Brasileiro 

19/09 - 08h08 [3 coment.]
Mano revela por que ainda não utiliza Arrascaeta como titular 

19/09 - 07h55 [1 coment.]
Sub17 conquista a J-League Challenge Cup, em Osaka (JPN) 

19/09 - 06h48 [1 coment.]
Atletismo conquista todas as provas disputadas no fim de semana 

18/09 - 08h56 [8 coment.]
Cruzeiro vence o Bahia e consegue se manter entre os 6 melhores 

18/09 - 07h39 [4 coment.]
Eleições: Lideranças do Cruzeiro intensificam atuação na campanha 

18/09 - 07h33 [2 coment.]
Cruzeiro lutará contra o Flamengo por sua 40a conquista no Mineirão 

>> Mais noticias

Cruzeiro.Org© 1999-2017 - Site Oficial da Torcida - Contatos para Webmaster