Ola visitante, Clique aqui para conectar ao site

 Home   |   Blog PHD   |   Charges   |   Colunistas   |   Notícias   

PROMOÇÃO CRUZEIRO.ORG 25 anos - COPA DO BRASIL - FINAL NO MINEIRÃO
Comente no site, Compartilhe no Facebook ou Retuíte as notícias no Cruzeiro.Org e concorra a ingresso na final da Copa do Brasil
WMTI- Tecnologia da Informação



Torcedor Cibernetico
A Dialetica Virtual x Real

31/01/2016 | Evandro Oliveira
Torcedor Cibernético - Fora de Questão

A redenção do futebol rural passa pela mudança de dirigentes dos clubes (mudar a mentalidade destas bestas é fora de questão) ...

Mais uma vez começaremos um campeonato rural com as mesmas falácias e mentiras de outras tantas edições.

É compreensível que a mídia rural doure a pílula de algo que não passa de empulhação e que muitos torcedores imaginem que é neste tipo de competição que conseguiremos a redenção do futebol brasileiro. Nada é mais enganador do que esta posição de fazer vistas grossas a determinadas condições básicas desrespeitadas para organização e efetivo sucesso de uma competição somente para defender posições e opiniões pessoais de quem nunca organizou sequer uma competição de futebol de botão no bairro.

É lamentável ver pessoas pretensamente qualificadas posando de epistemólogos e fazendo analogias estapafúrdias para defender o indefensável. Por estas e por outras que o futebol brasileiro atingiu o fundo do poço com o 7 a 1 para a Alemanha (Será que foi o fundo do poço realmente ou teremos mais surpresas em breve?). Já arrumaram dezenas de fórmulas para realização dos estaduais, que chamo de ruralito aqui em Minas com toda propriedade) e nenhuma consegue resolver o problema do nível técnico.

Recentemente, conversando com o representante de um time do interior, ao sair da reunião na federação que tratou da tabela e outros detalhes, ele manifestava a sua “felicidade” em conseguir um acordo com o 6a1o (time do coração dele) pelos mandos e distribuição da renda. Tem coisa mais tacanha do que preocupar com a renda de UM jogo do que com a possibilidade de seu time buscar conquistas e almejar outros patamares? Enquanto existirem dirigentes desta extirpe é ilusão achar que competições estaduais podem ser a base para recuperação da imagem do futebol brasileiro.

E piora, outa equipe tem programada somente o campeonato estadual durante todo o ano. Onze jogos ao todo. Cinco ou seis em seu mando e outro tantos na casa dos adversários. Provavelmente, no segundo semestre pode ter uma competição de nível bem inferior e com os principais times do estado disputando competições nacionais. Aí esta equipe deveria planejar as suas carências de recursos e mostrar que é capaz de ser organizada com pouco dinheiro e apoio. Qual a decisão mais importante que os dirigentes do time tomam a duas semanas do início da competição? Demitem o técnico e contratam jogador a peso de ouro e sem dinheiro.

É definitivo. Qualquer equipe semiprofissional que pensa em disputar alguma competição de futebol no país tem que ter dinheiro para pagar salários e infraestrutura. Não existindo recursos financeiros o tempo de vida da equipe na competição não passa chega à metade da temporada regular.

A mídia e os formadores de opinião mequetrefes tem razão quando escondem as mazelas deste tipo de competição pois precisam defender seu ganha-pão, precisam justificar o “leitinho das crianças”. Aí vemos o verdadeiro febeapá que assola o futebol brasileiro e que ajuda, de maneira efetiva, a vexames da Seleção e de times brasileiros (todos esqueceram dos vexames protagonizados pelos times Santos, Internacional, 6a1o em disputa de mundiais interclubes?).

A redenção do futebol rural passa pela mudança de dirigentes dos clubes (mudar a mentalidade destas bestas é fora de questão); passa pela profissionalização das arbitragens (querer que estes mequetrefes do apito passem a ser menos subservientes é fora de questão); passa pela profissionalização e classificação adequada do tamanho das equipes (querer que um time amador, com menos qualificação do que um time da quarta divisão da Suíça seja “profissional” por três meses é fora de questão); passa pela conscientização do torcedor citadino que ele até pode torcer para o “time grande da capital” mas deve “adotar” o time da sua cidade e não o time da Europa ou de outro estado (querer ser torcedor de time de outro estado é fora de questão); e, finalmente, passa pela profissionalização mínima dos ativistas da mídia, especialmente os iniciados nas chamadas mídias digitais que estão prestando, na maioria dos casos, um desserviço aos times de suas cidades (profissionais da mídia que trabalham com a camisa do seu time do coração debaixo do uniforme é fora de questão).

Por estas e por outras, não vejo como mudar para melhor, ou evitar vexames maiores, se ao nos depararmos com a iniciativa da Primeira Liga, parte de torcedores, dirigentes inescrupulosos, federações, CBF e até uma grande parcela da mídia fica contra uma iniciativa prevista na lei. É uma vergonha o que vimos protagonizar FERJ e CBF, com a parcimônia de vários setores midiáticos.

Querem melhorar com esta mesmice e discursos vazios? #SQN !!!



Evandro Oliveira e cruzeirense desde a decada de 1960 e costuma ficar zangado quando ve tolices na boca de cruzeirense, mas talha o sangue quando ve a midia manipulando cruzeirenses alienados e desavisados.
pyxis@cruzeiro.org

Leia também as colunas anteriores Torcedor Cibernetico

As opiniões e declarações aqui expressas são de inteira responsabilidade do autor. O Site Cruzeiro.Org não responde por nenhuma opinião assinada.

Comentários:  Clique aqui e faça seu comentário sobre a coluna

 Celeste | Sorocaba-Itajub� | 31-01-16 12h49min
Evandro, parabéns. Excelente texto. Existem soluções para o futebol do interior, você escreveu bem, só não existe vontade por parte dos dirigentes. Na questão da liga, tivemos uma semana interessante. Escutar asneiras da parte da CBF e FERJ é algo muito esperado. O difícil for ler opiniões de torcedores cruzeirenses contra a liga. Enfim, o caminho é longo.
 carlos_Almeida | Vitória | 31-01-16 18h18min
Evandro, particularmente, apoio os campeonatos estaduais, porque acredito que bem organizado, fortalece o futebol do estado, pois os times do interior fortaleceriam para enfrentar os grandes, consequentemente, estariam melhores preparados para enfrentar competições Nacionais nas sua respectivas Séries. Os times grandes têm suas oportunidades de "marketear" em cidades e regiões do interior de Minas, tendo contato com a torcida e torcedores. Isso se tudo fosse bem administrado e organizado.
 carlos_Almeida | Vitória | 31-01-16 18h26min
Você escreveu que a redenção do futebol Mineiro depende da mudança de dirigentes, encrostados de mal costumes e vícios, de impossível mudança de mentalidade. Como a 1ª Liga melhorará este cenário? Os dirigentes continuarão sendo os mesmos, eles não vão sair, não vejo nem uma perspectiva de renovação, por isso não entendo sua esperança de melhoras.
 pyxis | BHZ | 31-01-16 21h42min
Dra. Celeste, não me preocupo com FMF, FERJ, CBF, TJD e STJD... fazem o que sempre fizeram. Me preocupo com cruzeirenses (uma parte pequena ainda) fazendo o que estão fazendo... Estes me preocupam !!!
 pyxis | BHZ | 31-01-16 21h44min
Carlos_Almeida, não considero que os "motivos" que você coloca para a existência dos "ruralitos", "apesar" dos dirigentes, sejam suficientes para o continuísmo e manutenção do status quo.
Talvez você não tenha entendido... mas se continuar do jeito que relatei, NADA MUDA... mas os torcedores podem muito mais do que imaginam. Uma pena que estejam sendo teleguiados por gente que não presta e que não admite mudanças.
 pyxis | BHZ | 31-01-16 21h45min
... defendo e estou até certo ponto animado com a 1a liga por isto mesmo... É DIFERENTE... ai contra TUDO QUE AÍ ESTÁ... e pode ser a oportunidade para novos "canais" de mídia, novos dirigentes, dirigentes que queriam e consigam MUDAR.
 Azimute | Não definido | 02-02-16 20h49min
Exelente coluna tambem concordo que essa liga ,pode ser o começo de algo melhor pro nosso futebol cansado de ferj,cbf,stjd esses desonestos aproveitadores ,viva o Cruzeiro.
 pyxis | BHZ | 06-02-16 17h45min
Azimute, obrigado. Mas ainda fico indignado com a quantidade de cruzeirenses que refletem a mesma opinião de gente desqualificada e despreparada que se acha pensador e formulador da mídia mineira. Os caras trafegam de acordo com os interesses comerciais da emissora ou empresa de mídia que estão subordinados. É vergonhoso ver o trabalho de cruzeirenses da Mídia que são comandados por editores e chefetes cujo único papel é agradar dirigentes e torcida das frangas.
 pyxis | BHZ | 06-02-16 17h46min
... Aí, como escrevi, ficar vendo cruzeirenses detonarem o Gilvan somente porque alguém da mídia induziu-os a isto... NÃO TEM MEU RESPEITO este tipo de simpatizante do Cruzeiro.
 Lista/Chat Cruzeiro 

Assinar Lista-Cruzeiro

 Publicidade 

 Notícias   
19/09 - 14h20 [13 coment.]
Baixo aproveitamento nos pênaltis em toda a temporada liga alerta 

19/09 - 09h13 [4 coment.]
Cruzeiro alcança terceira melhor campanha do returno do Brasileiro 

19/09 - 08h08 [3 coment.]
Mano revela por que ainda não utiliza Arrascaeta como titular 

19/09 - 07h55 [1 coment.]
Sub17 conquista a J-League Challenge Cup, em Osaka (JPN) 

19/09 - 06h48 [1 coment.]
Atletismo conquista todas as provas disputadas no fim de semana 

18/09 - 08h56 [8 coment.]
Cruzeiro vence o Bahia e consegue se manter entre os 6 melhores 

18/09 - 07h39 [4 coment.]
Eleições: Lideranças do Cruzeiro intensificam atuação na campanha 

18/09 - 07h33 [2 coment.]
Cruzeiro lutará contra o Flamengo por sua 40a conquista no Mineirão 

>> Mais noticias

Cruzeiro.Org© 1999-2017 - Site Oficial da Torcida - Contatos para Webmaster