Ola visitante, Clique aqui para conectar ao site

 Home   |   Blog PHD   |   Charges   |   Colunistas   |   Notícias   

PROMOÇÃO CRUZEIRO.ORG 25 anos - COPA DO BRASIL - FINAL NO MINEIRÃO
Comente no site, Compartilhe no Facebook ou Retuíte as notícias no Cruzeiro.Org e concorra a ingresso na final da Copa do Brasil
Eliane Pessoa - Consultora RH



Joao Duarte, uma Voz da Velha Guarda Azul
Joao Duarte, engenheiro escreve periodicamente no Cruzeiro.Org

07/12/2015 | Joao Duarte
O que projetar com Deivid no Comando

Após conversar com várias alternativas para ser o técnico do clube, Vicintin, Scuro e Serginho optaram por Deivid. Força ao gago.

Mundo Azul,


O que projetar com Deivid no comando - Se perguntassem a minha opinião antes de fechar com Deivid no comando eu iria colocar os prós e contras a efetivação do nosso atual ASSISTENTE TÉCNICO e MEMBRO DA COMISSÃO TÉCNICA PERMANENTE do clube.
Creio que Deivid está atuando de forma brilhante no Cruzeiro desde que voltou ao clube. Por ter vivido no futebol francês (Bordeaux) e depois no futebol turco (Fenerbahçe), além de ter sido campeão no Cruzeiro, Corinthians e Santos no Brasil e ter trabalhado com grandes treinadores, além de sempre ter sido um jogador atento à parte tática, as informações que nos chegaram sempre foram de elogios ao Deivid, por sua dedicação, pelas boas observações que fazia, além de sua dedicação aos trabalhos táticos que sempre era quem conduzia nos tempos de Luxemburgo.
Com Mano Menezes desenvolveu uma relação muito boa e também incorporou ao seu portfólio alguns conceitos táticos que ele desenvolveu neste período que ficou fora do futebol após ter saído do Corinthians, quando fez o curso de treinador em Portugal.
Será a primeira vez que Deivid comandará um clube de futebol, uma vez que não teve a fase de ser treinador das categorias de base de um clube, nem passou por um clube de pequeno porte, evoluiu para um de médio porte e posteriormente chegou a um clube de grande porte, um gigante como é o Cruzeiro Esporte Clube.
Isto pode pesar, mas, com certeza ele encarará como a oportunidade de sua vida. E para mim esta é uma viagem sem bilhete de volta. Raros são os casos de alguém que se lança como treinador e depois aceita voltar à condição de auxiliar (uma destas exceções é Jaime de Almeida no Flamengo, explicável pela paixão e a vontade de viver no Rio de Janeiro... Outra que me ocorre é a de Serginho Chulapa no Santos. E não me lembro de outras).
Então, se Bruno Vicintin, Scuro e Serginho Rodrigues decidiram que as opções de mercado eram tão arriscadas quanto a promoção de Deivid e optaram por efetivar o nosso assistente, então eu fecho com eles e creio que o risco existe, mas, que também pode dar certo.

Qual o tempo que seria suficiente para avaliar o trabalho do Deivid e fazer uma mudança, caso a coisa não esteja fluindo como todos esperamos ?
- Imaginemos que o Cruzeiro vá disputar a fase de classificação do Mineiro (termina em abril), A Copa Sul-Minas-Rio (terminaria no final de março) e as fases preliminares da Copa do Brasil (em fevereiro, março e abril), então creio que este universo de 16 a 22 jogos, seria suficiente para uma avaliação criteriosa do trabalho do novo treinador.

Então, torcendo muito para que Deivid consiga fazer o Cruzeiro render bem, instaurar uma forma de jogar que faça o time manter um bom aproveitamento e alcançar os objetivos traçados para os torneios acima citados, digo que confio na decisão que os nossos homens do futebol adotarem.
SABEDORIA para o comando do futebol e também sobre a nova comissão técnica, para que o Cruzeiro comece bem o ano e nos mantenha no caminho das conquistas, é o que pedimos a Deus neste momento.

☺ O que projetar com Deivid no comando ? - Como as contratações serão feitas já dentro de um conceito que respeita a nossa escola de jogar futebol e um sistema tático que privilegie o toque de bola, a transição em velocidade alternada com a cadência e o toque refinado que caracteriza a academia celeste, então, o trabalho iniciado com Mano Menezes deverá ter continuidade sob o comando de Deivid.
Imagino um time com : Fábio no gol mantendo a segurança.
Na linha de defesa Mayke (precisa ter uma conversa com ele sério nesta pré-temporada, porque o futebol que ele mostrou contra o Inter não o credenciará à titularidade) ou Fabiano (tipo do jogador que ganhou viço e vida nova após a chegada de Mano Menezes ao clube e em quem Deivid confia para fechar o sistema defensivo, pois, faz bem o 3º zagueiro), Dedé e Bruno Rodrigo na zaga (com Manoel, Léo e Groli prontos para serem usados no time principal. Paulo André é uma incógnita, porque até aqui não jogou bem) e Fabrício na lateral esquerda (creio que Mena por ter mercado pode ser usado em alguma troca se houver necessidade).
No meio-campo para a contenção: Henrique, Willians e Ariel Cabral para começar o ano, mas, contando com um volante diferenciado para se juntar e qualificar o grupo, complementando com Bruno Edgar e Uiliam Corrêa. William Farias é também um jogador que poderá ser envolvido em negociações. Entre os volantes que temos voltando de empréstimo, o mais próximo de voltar é Souza, em função de ter um bom passe, boa cobrança de faltas e chuete a gol de média e longa distâncias, valências que nos fizeram falta em 2015.
O clube já liberou Eurico e Charles, não deverá aproveitar neste primeiro momento Felipe Seymour, Rodrigo Souza, Uélinton, Uchoa ou Éber (empréstimo ao Marítimo termina em maio) que voltam de empréstimos e nem os garotos da base que estouraram a idade.

Na linha de meias -atacantes ou pontas de lança ou meias de ligação ou ainda atacantes de lado de campo : Certamente o Cruzeiro iniciará o ano contando com William do Bigode, Álisson, Arrascaeta e Marcos Vinícius como peças de destaque e indispensáveis neste setor.
A presença dos demais vai depender das oportunidades de negócio, além das escolhas pessoais da nossa nova comissão técnica e dirigentes do futebol. Pois estará nas mãos deles os destinos de : Marquinhos, Allano, Élber, Neílton, Joel, Ananias (dificilmente terá o contrato renovado), Ronny (estourou a idade na base), Luiz Fernando (o garoto que veio do Campinense), Caíque Valdívia (que veio do CSA - AL), Marinho, Gabriel Xavier e Linnekeer (cujo empréstimo ao Marítimo terminará em maio).
O clube já liberou Júlio Baptista, Dagoberto e dificilmente irá manter outros jogadores que estão emprestados.

Na linha de ataque : O Cruzeiro liberou Leandro Damião e emprestou Hugo Ragelli. Como Judivan está machucado, vai iniciar o ano com o Vinícius Araújo que está emprestado até Julho, como única referência de ataque. É muito pouco. Embora, tudo indique que o clube possa atuar com um falso 9, há indício claro que o clube vai contratar um centroavante que venha para jogar. Rodrigo Dias dificilmente será reincorporado após voltar do empréstimo.
Então, a ordem do dia é aguardar a seleção dos atletas que iniciarão a pré-temporada, quais as tais 5 contratações que serão feitas (1 volante, 1 ou 2 meias de ligação, 1 ou 2 atacantes e 1 lateral, caso Mena seja negociado).

Do meio pra frente imagino : Willians ou Henrique, Ariel Cabral, CONTRATAÇÃO, William do Bigode , CONTRATAÇÃO e Alisson (Arrascaeta).
Quem viver verá.

Histórias do Mundo da Bola em Conceição do Mato Dentro - O Toninho do Adão era bom de bola ou só garganta ? - Como ele saiu cedo de Conceição, eu só atuei contra ele nas quadras de futebol de salão, com grande diferença de maturidade, eu com 15 e o Toninho com 24 anos de idade. Naquela época, nas férias, era mais que normal, a quadra do Maranhão ficava cheia o dia quase todo. Mas, fomos trocando ideia com pessoas da mesma faixa etária do personagem para trazer a verdade à tona...
Nas décadas de 60 e 70, em qualquer lugar com espaço suficiente para se improvisar um campinho, gramado ou não, era fácil se formar os times e fazer uma peladinha ou até mesmo organizar os campeonatos. Tinha a pelada no Adro, no campo amorrado do Bentinho Simões no Maranhão, ao lado da Igreja da Santana, tinha a Boa Vista, o Rosário, o campinho da Inhalina, tinha o campo do Brejo e os gramados oficiais do campo do Matozinhos e do Ginásio São Francisco. E sempre após a missa das 8, muitos destes espaços eram ocupados pelos times. Segundo nos conta Toninho, o time que tinha Doca (Evandro Vidigal) no gol, Eustáquio Mattos e Marcos Antônio na defesa, Adãozinho no meio e Toninho na frente, fez a festa. E reunia gente para vê-los jogar no Rosário. E foram batendo os times do Maranhão, Brejo, Bandeirinha, Santana, além do próprio time do Rosário que tinha Borá, Reco do Pistulinha, Tostão do açougue do Zezé Tomé, Joãozinho do Velho e o Agostinho que eram temidos pela força que aplicavam nas partidas... Mas, nem a classe do Zé Maria (Reco) podia dar conta deles. Com o advento das quadras de futebol de salão, Toninho conta que foi um dos primeiros a levar as bolas para a terra, comercializadas na loja do pai dele. Não era fácil comprar uma bola de futebol de salão naquela época. A gente fazia rifa de tudo pra ajuntar o dinheiro e comprar uma nova, era uma diversão e tanto, arrumar o motivo da rifa. Tinha um amigo meu, morador do Maranhão que era especialista em faturar penosas nos quintais alheios, que depois eram transformadas e adornadas com farofa e rifadas... Tudo para virar uma bola de futebol. E quando não dava para fazer uma nova, o jeito era recorrer às reformas do seu Totó do Zé Júlio, que era um artista e nos cobrava um valor razoável.
A mudança dos campinhos de rua para as quadras tornou mais dinâmica a vida dos boleiros. Mas, e no futebol de grama ?
Quem pode falar um pouco sobre Toninho é o grande Geraldo Honório Mascarenhas ou popularmente GHO, um grande lateral esquerdo do Esporte Clube Conceição. Ele relembra que jogavam o Esporte contra o Spartak do Serro, time do famoso meio-campista Idassuily, que era tipo o Elias do Corinthians dos dias de hoje, jogando de intermediária a intermediária.
Toninho, já tinha uns 14 pra 15 anos e estava na reserva, machucou alguém e já era final do 1º tempo. Aí Bentinho que trabalhava na loja do avô do Toninho e que era meio-campista do Esporte e acompanhava o garoto nas peladas do Rosário convenceu Geraldo Amorim a colocar o Toninho em campo. Mas, como ele estava sem chuteiras, Corintinho Guerra lhe emprestou um par de chuteiras e o garoto todo esperançoso entrou em campo.
E fez a festa, jogando na ponta-direita e batendo o lateral adversário na velocidade, indo ao fundo e cruzando certo na medida para as cabeçadas do Betinho e para as conclusões de Bentinho e do Jujuca.
Mas, Toninho também saiu cedo de casa e muitas vezes quando vinha visitar a família era convocado a jogar pelo Esporte, no campeonato regional.
Um dos seus jogos memoráveis foi contra o Correntes de Sabinópolis. O campo era ao lado da rua principal, a turma se aquecendo e passa um caixão na rua... Todos pararam em respeito ao morto... As moças de Sabinópolis eram famosas pela beleza e o ponta direita corria na lateral do campo e dava piscadinhas para uma loira, quando foi chamado à atenção pelo irmão mais velho, centroavante dos mais respeitados... Betinho de longe gritava, "primeiro o dever, depois o prazer" e fica ligado senão mando te tirar...
No lance seguinte, Gó faz um arremesso da lateral, mas, com pouca força. Toninho havia passado da bola, mas, de chilena colocou na frente, deu um lençol no lateral adversário e melou a bola para a conclusão certeira de Betinho que fez o gol. O time de Sabinópolis virou para 3 x 1. Mas, Toninho inspirado fez outra boa jogada que Betinho fez seu segundo gol e ao fazer o 3º gol se transformou no melhor em campo, para alegria do Bentinho e do irmão dele, que vibraram bastante naquele dia. Empatar de 3 x 3 contra o Corrente dentro de Sabinópolis era tarefa hercúlea.
Sem dúvida uma apresentação marcante, que fez o Gho falar que o Toninho era craque de bola.
Toninho conta que aos 16 anos morava em Ouro Preto e jogou pelo time da escola de Farmácia, disputando o campeonato varzeano.
Em Diamantina onde fez Odontologia defendeu o o Batalhão e Tijuco em várias oportunidades.
Já mais veterano, jogou por Dom Joaquim, quando morou lá e atuava como dentista, sempre jogando com inteligência, velocidade, fazendo onda com os laterais adversários, dizem que foi precursor do estilo Romário de jogar, se fingia de morto prá aprontar.
Hoje aos 65 anos virou atleta de corrida de ruas. Corre 10 km, 3 vezes na semana e ainda mantém bom preparo físico.
Eu, sou suspeito prá falar, porque em minha opinião o maior craque dos irmão Rajão Costa era o Adãozinho. Mas, Gó garante que Toninho era melhor.
Agora quero ouvir os conceicionenses...
A história foi contada. Craque ou garganta. Você decide.

☺ E as homenagens desta coluna hoje vão para : Denicruz(Brasília-DF), MRR(Natal), Marco(Curitiba-PR), Webber (BH), MarcBsB (Brasília-DF), Léo Gontijo (Patos de Minas), Miguel Tolentino (Florianópolis - SC), Carlos H. C. Campos (Resende - RJ), Marcos Mineiro (Rio - RJ), Jerônimo Lopes (Rio de Janeiro - RJ) e Hélio Azul Celeste (São Paulo). E para comandante deste time convoco o Dr. OLECRAM (Poços de Caldas - MG).

☻ E de Conceição do Mato Dentro : Evandro Vidigal, Geraldo Honório Mascarenhas, Adão de Oliveira Costa Filho, Orlando Augusto Carneiro Guerra, José de Souza Morais (Jujuca), Remilson Lima (o ponta de lança que virou zagueiro), Milton Kabutê, Claudino Honório Mascarenhas, Armando Brandão ou Salabim, Márcio Ferreira e José Maria Mattos ou Reco (um cracaço de bola). O técnico deste escrete é o grande Antônio Augusto Barros, um mestre da Odontologia, mas, pós graduado na escola de fazer pastéis do Antônio Di Tão na Tapera...
Cruzeiro, Cruzeiro Querido...Tão Combatido, Jamais Vencido




Joao Duarte
joaochiabi@globo.com

Leia também as colunas anteriores Joao Duarte, uma Voz da Velha Guarda Azul

As opiniões e declarações aqui expressas são de inteira responsabilidade do autor. O Site Cruzeiro.Org não responde por nenhuma opinião assinada.

Comentários:  Clique aqui e faça seu comentário sobre a coluna

 PHDF | Brasília | 09-12-15 08h12min
Se fecharem com o Deivid, precisarão de alguém para o lugar dele. Ou em pouco tempo mudaram a filosofia de ter um auxiliar fixo no clube?
 mrr | Natal | 09-12-15 09h45min
Pois é! A filosofia é uma disciplina que se limita aos muros das universidades, na vida real, no mercado, esse dar lugar ao dindin, money, faz me rir, cascalho. E neste momento nada mais conveniente que o Deivid, já conhece o clube, a "filosofia"(olha ela aí...) entre outras coisas. Ah!! Esquecei é barato! Rs... E perto do que ventilaram realmente o ex jogador é e melhor pedida!
 Aloisio Mendess | Santa Maria/ DF | 09-12-15 10h59min
João Duarte, a opção pelo Deivid é devido a carência de treinadores. O Cuca parece que não vai assumir nenhum time agora. Quer descansar. Qual outra opção? Adilson Batista, Condé, Levir Culpi? Milton Mendes foi para o Japão. Então, dos 3 citados, acredito que não agradam a cúpula celeste. Trazer do exterior, além de caro, é mais complicado, pois tem a questão de adaptação. Portanto, eu concordo com a efetivação do Deivid, mas sabendo que terá que mostrar serviço no primeiro semestre. Boa sorte.
 Dr.Magno | BH | 09-12-15 11h43min
João Duarte
Apoio Deivid como técnico no futuro próximo e não agora.
1º Quem serão os novos profissionais da comissão técnica que será criada para trabalhar com Deivid?
2º Esses profissionais tem gabaritos e experiencia?
3º Deivid sozinho não resolverá nada.
4º O Caso do Milton Cruz do São Paulo. Demitem os técnicos e a comissão técnica do antigo treinador e efetivam o Milton, só esquecem que ele precisa de uma equipe para trabalhar.
 Dr.Magno | BH | 09-12-15 11h46min
A Situação não se resolverá somente efetivando Deivid, existe outros fatores essenciais para dar andamento e desenvolvimento ao trabalho.
Que fique bem claro, confirmando o Deivid, contratem uma equipe técnica competente para ele.
Caso contrario, será uma decepção em 2016 e influenciará na temporada do Cruzeiro.
 carlos_Almeida | Vitória | 09-12-15 15h04min
JD, acredito que Deivid vai encarar como oportunidade de sua vida atuando como técnico, competência e sorte. Vicintin e Scuro lhe darão bom suporte, ele é adulto e inteligente o bastante pra avaliar e saber em que barca estará entrando.
 Zé da Roça | Não definido | 10-12-15 19h20min
Sr. João Duarte, por dificuldade de acesso ao Cruzeiro.org. precisei me recadastrar, alterando o nome: de Marcos Mineiro, para Zé da Roça. Não consigo deixar o ranço da terra, impregnado desde a infância, nas barrancas do São Francisco. Obrigado pela lembrança e pela homenagem, mesmo sem comparecer há longo tempo. Mas continuo lendo suas colunas (algumas preciosas), as do Pyxis (sempre exageradas, embora didáticas), do Wilson (sempre oportunas e do Grande Hermano - a poesia em carne e osso.
 Zé da Roça | Não definido | 10-12-15 19h27min
Mas, continuando, só para um pequeno comentário: Gilvan acaba de retirar o Cruzeiro da liga sul-minas-rio. Não poderia mesmo dar certo, considerando o CEO que inventaram. Como iríamos suportar aquele indivíduo mandando e desmandando (aliás, muito mais DESMANDANDO) nas coisas em que o Cruzeiro estivesse participando. PONTO PARA GILVAN. Mais uma vez, confirma minha admiração. Um feliz Natal para você, para sua família e para toda a Família Cruzeiro...
 estrelado campeão  | N�o definido | 12-12-15 21h43min
Boa noite João Duarte e demais colegas. Uma vez efetivado todo apoio ao Deivid, embora não fosse o meu preferido. Talvez seja sinal que teremos um orçamento bem modesto para 2016. Boa sorte ao Deivid.
 estrelado campeão  | Ubá | 12-12-15 21h43min
Boa noite João Duarte e demais colegas. Uma vez efetivado todo apoio ao Deivid, embora não fosse o meu preferido. Talvez seja sinal que teremos um orçamento bem modesto para 2016. Boa sorte ao Deivid.
 Carlos Campos | Resende | 13-12-15 00h35min
Mestre! Certamente a saída de Mano não estava nos planos de ninguém. Pela característica do 1 semestre, somente com campeonato mineiro, acredito que a diretoria avaliou CUSTO-BENEFICIO, somando à falta de um nome de consenso no mercado. Deivid foi o bom e barato! Uma aposta jovem de um comando jovem! O perfil de contratações e dispensas já devem estar definidos pela comissão anterior. FOI A MELHOR SOLUÇÃO PARA BUSCAR MANTER O PLANEJAMENTO!
 Léo Gontijo | Patos de Minas - MG | 14-12-15 10h00min
JoÂo Muito obrigado pela homenagem.
Com relação a Deivid, foi o melhor custo x benefício.
Reflete uma ideologia saudável da nossa diretoria, em outros tempos estaríamos correndo atrás de algum dinossauro caro e ultrapassado.
Quanto ao elenco, Bruno Edgar é muito fraco, precisamos de um volante de qualidade.
O ataque também é carente. Vinicius Araújo é fraco também. Necessitamos de um bom reforço.
Temos boas moedas de troca, se bem geridas, podemos fazer bons negócios.
 Miguel Tolentino | Florianópolis | 15-12-15 21h23min
Obrigado pela homenagem, Chiabi. Torço realmente para o sucesso do Deivid, apesar de estar meio cético sobre o êxito deste experimento. Quanto a trinca de volantes, não creio que o Willians seja homem para o jogar neste "conceito" de nossa escola, volante que erra passes bobos na saída de bola e deixa o time na mão em faltas estabanadas não pode compor o time titular. Preferia ver um Mancuello ou um Díaz, organizando nossa transição ofensiva junto com Ariel Cabral e ter Henrique como camisa 5.
 zmaria | Não definido | 16-12-15 19h09min
Fico triste ao ver Ariel Cabral titular absoluto do meio campo do cruzeiro,o cara não fez 1 gol no ano, alguém pode me falar de uma defesa que algum goleiro fez no campeonato em que ele tenha chutado a gol. virtudes:não marca ninguém,não chuta a gol,não cabeceia,não sabe bater uma falta,e muito lento. que jogador moderno?
 zmaria | Não definido | 16-12-15 19h12min
Ariel Cabral no time é começar a sofrer desde hoje,
 pyxis | BHZ | 24-12-15 13h34min
JDuarte, baixou o espírito do Wilson Flávio?
Entendo que não serão os 20 primeiros jogos do Deivid que definirão seu trabalho.
Tenho pra mim que ele vai mirar o jogo contra as frangas da 1a fase do ruralito e o título rural. Vencendo os dois, aplaca a ira e, até certo ponto, a insatisfação de MUITOS.
Estarei apoiando mas tenho minhas dúvidas quanto aos métodos.
... cont
 pyxis | BHZ | 24-12-15 13h35min
...
Se ele estiver preocupado com INICIAR a carreira, conforme classificação e definição do decano Parreira, não veremos NADA ... Podemos ter bons resultados, mas ele estará convicto no "não perder".
Estou MUITO PREOCUPADO com o time que elevai armar... E quando vejo os auxiliares dele, fico mais preocupado ainda.
 Força-azul | Santos | 26-12-15 19h23min
Primeiramente um Feliz Natal para todos do Cruzeiro.Org e desta coluna do João Duarte! Hoje foi o dia do Encontro da turma do Cruzeiro.Org. Parabéns a todos que puderam comparecer. Não foi desta vez que compareci e espero poder comparecer no próximo ano. Quanto à coluna do João Duarte, concordo com a maioria que se manifestou quanto à efetivação do Deivid: a melhor opção para seguir o planejamento: jovem, sabe como o Cruzeiro terminou o ano em alto nível além do custo econômico favorável.
 Força-azul | Santos | 26-12-15 19h26min
O pyxis sempre com um pé atrás: Vamos ver se os auxiliares Pedrinho e Geraldo Delamore dão conta do recado. Comissão técnica o Cruzeiro tem e o Deivid não está sozinho. Importante também é o apoio da Diretoria ao treinador. Particularmente sigo para 2016 confiante. Força Cruzeiro!
 Lista/Chat Cruzeiro 

Assinar Lista-Cruzeiro

 Publicidade 

 Notícias   
22/09 - 15h29 [3 coment.]
FMF é usada para gerar renda a aliados e membros de uma família 

22/09 - 14h17 [2 coment.]
Atlético-GO, mais uma grande pedra no caminho para manter o foco 

22/09 - 13h05 [2 coment.]
Sada Cruzeiro Vôlei estreará novo uniforme em partida do estadual 

22/09 - 12h03 [5 coment.]
Cruzeirenses torcendo #24hnoMineirão e mostrando a sua força 

21/09 - 11h24 [5 coment.]
Mano esboça time misto do Cruzeiro para atuar em Goiânia no Br´17 

21/09 - 10h06 [5 coment.]
Jogadores refutam interpretações equivocadas em fala de Romero 

21/09 - 09h57 [6 coment.]
Cruzeiro contrata goleador e mais dois jogadores para a base  

21/09 - 08h47 [3 coment.]
Eleição à presidência da FMF sinaliza o continuísmo criminoso 

>> Mais noticias

Cruzeiro.Org© 1999-2017 - Site Oficial da Torcida - Contatos para Webmaster