Ola visitante, Clique aqui para conectar ao site

 Home   |   Blog PHD   |   Charges   |   Colunistas   |   Notícias   

ATENÇÃO COM SUA SENHA
Caso você tenha dificuldade com sua senha, peça uma NOVA. Se não receber uma nova, nos avise.
Agência Minas Esportes



Voz da Arquibancada
Voz da Arquibancada é o espaço de manifestação permanente do torcedor cruzeirense.

11/05/2015 | Voz da Arquibancada
Grandes Times e a Base do Cruzeiro

Por Dr. Storrs ( CLIQUE AQUI para ler a coluna na íntegra )


A vida não acontece sempre de maneira linear ou totalmente de acordo com um
plano prévio.

Frequentemente, a necessidade, ou a sorte, faz surgir resultados inesperados. Foi por necessidade, por exemplo, que surgiram os grandes times do Santos de Robinho e de Neymar. Nas duas situações, o Santos encontrava-se em situação financeira desesperadora e decidiram "investir na base”.

Na verdade, não havia outra opção.

O mesmo aconteceu com o Atlético Mineiro em 1975, quando foi obrigado a lançar toda uma geração de garotos que foi emprestada para o Nacional de Manaus e que, por falta de opção, produziu o único grande time deles.

Hoje, o Cruzeiro está bem financeiramente, mas a sorte vem conspirando para que sejamos forçados a usar aquilo que temos.

Infelizmente, falhamos em perceber essa oportunidade.

Vejamos bem: Georgemy, Myke, Pará, Eurico, Bruno Edgar, Marcos Vinícius, Gabriel Xavier, Arrascaeta, Judivan, Alisson, Neilton e Joel fazem uma das melhores safras de garotos com menos de 22 anos que temos em muitos anos.

Não quero dizer que todos os jogadores citados darão certo ou que sejam craques, mas nunca saberemos se não dermos chance para que eles se desenvolvam. Nos times citados, e em outros exemplos, muitos da base não eram grandes coisas,mas formaram times fortes a partir do conjunto de jovens.

Ao invés da torcida do Cruzeiro ficar pedindo contratações de supostos grandes nomes precisamos apenas de um ambiente propício para que os jovens cresçam. É neste momento crítico é onde vislumbro que estamos jogando uma grande oportunidade fora.

Talvez, nos falte apenas um jogador exemplo que dê aos jovens a segurança e o aconselhamento necessário para o desenvolvimento deles.

Uma pena que Alex aposentou, pois seria o nome certo no local certo.

A torcida cobra resultados semelhantes aos que tivemos nos últimos anos. Fazendo analogia com viciados em alguma droga, queremos mais da alegria proporcionada pelos campeonatos brasileiros dos dois últimos anos. Esta cobrança exagerada e a falta de apoio poderão fazer com que a oportunidade de uma futura geração seja perdida.

Mais do que o trabalho do Alexandre Mattos, foi o apoio de milhares de Cruzeirenses após a derrota de 3 x 0 para as frangas em 2013 que fez o jogo virar. O time ganhou confiança e se uniu em torno da torcida. O resto foi história, pois praticamente todos os responsáveis pelo bi-campeonato estavam lá naquele dia recebendo o apoio incondicional da torcida.

Temos ainda muita qualidade, mas falta um time. Estamos procurando um meia que não existe e não irá resolver o nosso problema. Infelizmente, o Cruzeiro joga como se ainda tivesse os jogadores que saíram. Precisamos aprender a jogar com aqueles que temos e com um esquema que se adeque aos jogadores e as necessidades de um time moderno.

Se não perdermos a chance e tudo der certo, iremos agradecer novamente ao Alexandre Matos por ter levado Gabriel, Arouca, Cleiton Xavier e Robinho para o Palmeiras. Estes jogadores, juntamente com Lucas Lima, foram aqueles que realmente o Cruzeiro quis e não conseguiu.

Quem sabe Eurico, Bruno, Marcos Vinícius, Gabriel Xavier, Alisson e Arrascaeta sejam estes nomes que procuramos e não encontramos.

Dr. Storrs é Cruzeirense desde sempre e está nas arquibancadas do Mineirão em quase todos os momentos decisivos para o Cruzeiro.


Voz da Arquibancada é o espaço dedicado ao torcedor da arquibancada, geral e de toda imensa torcida espalhada pelo mundo. O Cruzeirense que se sentir motivado, inspirado e/ou indignado, escreva seu texto e envie para arquibancada@cruzeiro.org. A equipe Cruzeiro.Org terá o prazer de selecionar os textos recebidos e publicar os melhores e mais apropriados.

Leia também as colunas anteriores Voz da Arquibancada

As opiniões e declarações aqui expressas são de inteira responsabilidade do autor. O Site Cruzeiro.Org não responde por nenhuma opinião assinada.

Comentários:  Clique aqui e faça seu comentário sobre a coluna

 pyxis | BHZ | 11-05-15 16h42min
Dr.Storrs, apoio tudo que você escreveu e algumas coisas tenho escrito da mesma forma. A maior tolice que vejo sendo escrita e repetida, até por profissionais, é a falta do tal ´camisa 10`.
Eu digo que o Marcelo Oliveira tem PLENAS CONDIÇÕES de conduzir esta oportunidade que você esclarece tão bem. E que a demissão do M.Oliveira colocará uma PEDRA definitiva nesta oportunidade. INFELIZMENTE, a maioria da torcida não compreenderá tão claras palavras.
 S@muel | Jaboticatubas | 11-05-15 17h09min
Com todo respeito, parece que se quer dar à torcida uma responsabilidade que não é dela. Se o momento era de apostar na base, os culpados por tal atitude não ter sido tomada são a Diretoria e o técnico. A verdade é que a opinião da torcida, aprovando ou não a medida, tem pouco impacto. No final, havendo resultados ele estará de volta. Evandro, se o Marcelo não fez nada até agora, inclusive com casos emblemáticos como o sumiço do Eurico, por que ele é pessoa certa para apostar nos jovens?
 yon | BH | 11-05-15 17h09min
Não creio que Marcelo fará isso exceto se não tiver opção por falta de jogadores machucados ou convocados. Pra lançar garotos é preciso banca-los e deixar jogar e errar até começarem a render frutos. Não creio que ele tenha coragem pra isso. E acho que caso seja demitido ele dirá que não lhe deram o que queria e se eximirá de culpa pelo mau futebol apresentado após quase meio ano de trabalho.
 awdias | Não definido | 11-05-15 17h25min
Concordo com o que diz o colunista. Mas o tempo para fazer esses testes já passou. Agora no BR é muito arriscado. Não adianta também querer que eles joguem como os que sairam. O Cruzeiro precisa se reinventar.
 mrr | Natal | 11-05-15 17h51min
Não creio que seja apenas questão de coragem do treinador, lembremos que o Cruzeiro em 2015 foi invadido por jogadores de conselheiros, diretores e empresários, além daqueles que tem contrato por produtividade. Então a lista de prioridades é enorme, creio que a base acaba ficando nesta rabeta.
 mrr | Natal | 11-05-15 17h52min
Não adianta o MO querer. Tem as prioridades que devem ser atendidas, afinal o técnico ainda é funcionário do clube.
 pyxis | BHZ | 11-05-15 19h22min
S@muel, não sou culpado pela sua ignorância ( no sentido denão ter conhecimento ) e pela sua opinião formada e colocando a responsabilidade no Marcelo. Vamos citar DOIS casos: Antônio Carlos e Judivan. Antônio Carlos foi dispensado POR QUEM? Marcelo? Judivan foi liberado para Seleção por quem? Marcelo? Riascos, Mena, Paulo André e Outros, contratados ´por quem? Pelo Marcelo? Muito curiosa sua posição de desconhecimento e certeza de condenação do culpado. Eu te entendo!
 pyxis | BHZ | 11-05-15 19h25min
... e, S@muel, não tem NINGUÉM responsabilizando a torcida, isto é a carapuça que te serviu... Afinal, teleguiados não se responsabilizam NUNCA, por nada... são mera caixa de ressonância da mídia que SIMULA dizer o que é a opinião "do povão".
 Celeste | Sorocaba-Itajub� | 11-05-15 21h12min
Estou em total acordo com o Storrs. A falha do MO foi não ter percebido que que o tal meia, praticamente inexistente no futebol atual, nunca virá. Ainda é tempo de remontar esse time, porém não vejo o MO empolgado e nem os jogadores colaborand0. Apatia total!
 estrelado campeão | Ubá  | 13-05-15 09h51min
Bem lembrado o que aconteceu com os galináceos em 75, 76. Foi a melhor safra deles, até fugindo da característica "feia" que marca o jeito deles jogarem. No caso do Cruzeiro temos que analisar o seguinte : o pensamento do Marcelo era usar o time alternativo no Rural. Em função do desmanche do time ele foi obrigado a usar o Rural para buscar entrosamento. Agora na Libertas e Brasileiro fica mais difícil. Porém, em face da fase de alguns, vai acabar acontecendo. Que tenhamos sorte.
 S@muel | Jaboticatubas | 13-05-15 11h50min
Evandro, nos coletivos o Marcelo escala o Eurico de lateral direito quando sobra vaga e o Bruno Edgar quando põe 3 volantes. Os reservas imediatos dele são o Charles e o Willian Farias. Você acha mesmo que ele está preocupado em revelar novos talentos para o elenco?
 pyxis | BHZ | 14-05-15 10h54min
S@muel, eu não acho nada, eu formo a MNSHO a partir do que conheço. Conheço, pessoalmente, Dr. Storrs, ele conhece, A FUNDO, as coisas do Cruzeiro. Sei que o Marcelo faz coisas pressionado por seus superiores. A manutenção do Charles no elenco NÃO É da vontade do M.Oliveira. Eurico poderia ficar no banco, mas Marcelo coloca-o para treinar entre titulares e reservas para ficar ´enturmado`. Não vejo NENHUM treinador no Brasil para dar mais chances à base, no momento, do que M.Oliveira.
 S@muel | Jaboticatubas | 14-05-15 11h50min
Evandro, pra que serve o Marcelo então? É um banana que aceita qualquer disparate imposto de fora?
 pyxis | BHZ | 16-05-15 23h44min
S@muel
ORA...ORA...ORA...
diria o falecido Carlos Valadares, seu vizinho em Lagoa Santa...
Parece que você quer cobrar do Marcelo algo que você sequer citou em outros técnicos Ou Nunca quis verem outros...
EU ME RENDO. Impossível escrever alguma coisa com esta sua sanha contra as pessoas, e proselitismo pueril.
 Lista/Chat Cruzeiro 

Assinar Lista-Cruzeiro

 Publicidade 

 Notícias   
23/11 - 21h14 [2 coment.]
Cruzeiro vence rival e é campeão da Supercopa Sub 20 do Brasil 

23/11 - 10h51 [7 coment.]
Blog denuncia Itair e Ângelo Pimentel por receber dinheiro de jogador 

22/11 - 20h26 [5 coment.]
Vicintin: As cobranças de conselheiros, contratações e dívida 

22/11 - 20h00 [1 coment.]
Conselheiros pedem comissão para investigar gestão de Gilvan Tavares 

21/11 - 20h54 [1 coment.]
Léo protagoniza lançamento do livro ´A Quinta Estrela` sobre CopaBr 

21/11 - 20h38 [2 coment.]
Ex-diretor diz que Gilvan sabia das negociações com Latorre 

20/11 - 19h02 [1 coment.]
FMF demonstra toda a sua parcialidade na tabela do Mineiro´18 

20/11 - 18h31 [3 coment.]
Cruzeiro esbarra na trave e empata com o Vitória (BA), no Barradão,  

>> Mais noticias

Cruzeiro.Org© 1999-2017 - Site Oficial da Torcida - Contatos para Webmaster