Ola visitante, Clique aqui para conectar ao site

 Home   |   Blog PHD   |   Charges   |   Colunistas   |   Notícias   

ATENÇÃO COM SUA SENHA
Caso você tenha dificuldade com sua senha, peça uma NOVA. Se não receber uma nova, nos avise.
Agência Minas Esportes



Torcedor Cibernetico
A Dialetica Virtual x Real

13/02/2014 | Evandro Oliveira
Torcedor Cibernético - #FechadocomoTinga

Aí aparece o suprassumo da imbecilidade humana, o tratamento dado ao Tinga, jogador do Cruzeiro

2014 é o ano da 55a. Libertadores da América. Sei lá, perdi a conta. Desde que me entendo por gente, vejo o Cruzeiro participando desta competição. Poucos times são bi campeões e tem tanto respeito na América Latina como o Cruzeiro.

Então era de se esperar que em pleno século XXI, com o avanço e democratização das chamadas redes sociais e da Internet, algumas coisas típicas da imbecilidade humana, estivessem relegadas a grupelhos pouco sociáveis.

Existem coisas que não se misturam. Discordo de quem quer que seja que tenta colocar no mesmo patamar atitudes de racismo, homofobia, preconceito, contra UMA pessoa, com a questão da coletivização ou até mesmo da ironia. Tem diferenças profundas. Este equívoco é perigoso. No futebol, uma coisa é chamar os torcedores adversários de macacos, porcos, galinhas, bambis... outra coisa é submeter UM ÚNICO jogador a situações constrangedoras.

Particularmente, não fujo de nenhuma discussão, quando o tema não é do meu conhecimento ou não tenho posição sobre o assunto, fico calado ouvindo e observando. Entretanto, uma coisa é discutir tudo, outra é não misturar os eventos ou ramos do conhecimento.

Esta partida de estreia do Cruzeiro na Libertadores começou esquisita. Primeiro a TV que detêm os direitos e deve pagar uma fortuna à Conmebol, que paga bons valores aos times, faz algum tipo de negociação que prejudica todos os torcedores de times brasileiros que não sejam os torcedores do Flamengo.

O Cruzeiro viajou à cidade peruana, que nem é sede do Real Garcilaso, na altitude, num estádio limitado, com gramado ruim, sem lugar nem para colocar 11 reservas, conforme determina recomendação da FIFA, tem cerceado seu direito de reconhecimento ao gramado e outras privações em seu vestiário.

Não me lembro de nenhuma situação desta vivida por times estrangeiros que atuaram no Mineirão, ou outro estádio de Minas Gerais, com mando do Cruzeiro. O pior estádio que oferecemos aos nossos visitantes era muito mais honesto do que o estádio onde o Real Garcilaso atuou como mandante.

Aí aparece o suprassumo da imbecilidade humana, o tratamento dado ao Tinga, jogador do Cruzeiro.

Não dá para escrever sobre o assunto. Dá um nó na garganta.

Vou pedir aos cruzeirenses que se sentem indignados que enviem uma mensagem para a Conmebol como sugerido a seguir:

Conembol, até quando sua inoperância e conivência prejudicará times visitantes e permitir que atos lesivos ao Regulamento da competição, como os ocorridos na partida entre Real Garcilaso x Cruzeiro, ocorram sem as devidas e exemplares punição. Vão esperar o Real Garcilaso vir a Belo Horizonte e o time sofrer pelo que fizeram seus torcedores? Até quando O dinheiro doado à Conmebol prevalecerá sobre a qualidade técnica dos times? Até quando a imbecilidade humana superará o espírito esportivo e fair-play. Acorda Commebol !!!

e-mail para a Conmebol - Email COntato
Twitter da Conmebol - @CONMEBOL_CSF
Facebook da Conmebol

CONMEBOL, ¿Hasta cuándo su ineficacia y connivencia perjudicará a los equipos visitantes y permitirá que situaciones que son verdaderas afrontas contra el Reglamento de la competición, como los ocurridos en el partido entre Real Garcilaso vs. Cruzeiro, ocurran sin las debidas y ejemplares puniciones? ¿Van a esperar, acaso, que Real Garcilaso venga a la ciudad de Belo Horizonte y el equipo padezca por lo que hicieron sus hinchas? ¿Hasta cuándo el dinero donado a la CONMEBOL ha de prevalecer por sobre la calidad técnica de los equipos? ¿Hasta cuándo la imbecilidad humana superará al espíritu deportivo y al fair-play? ¡Despierte, CONMEBOL!

Se todos os cruzeirenses indignados centrarem seus esforços em direção à Conmebol, em todos os canais, e fizerem das redes sociais uma mobilização e menos muro de lamentações e xingamentos, a Conmebol vai nos ouvir.

Força TINGA !!!

Evandro Oliveira e cruzeirense desde a decada de 1960 e costuma ficar zangado quando ve tolices na boca de cruzeirense, mas talha o sangue quando ve a midia manipulando cruzeirenses alienados e desavisados.
pyxis@cruzeiro.org

Leia também as colunas anteriores Torcedor Cibernetico

As opiniões e declarações aqui expressas são de inteira responsabilidade do autor. O Site Cruzeiro.Org não responde por nenhuma opinião assinada.

Comentários:  Clique aqui e faça seu comentário sobre a coluna

 jmegito | Mariana | 13-02-14 08h39min
Realmente fica até difícil comentar. O Tinga, nem nenhum outro ser humano merecia isso. O Real Garcilaso deveria ser seriamente punido, somado esse episódio lamnetável aos outros fatores que prejudicaram o Cruzeiro, que foi IMPEDIDO de treinar e pela falta de água nos vestiários.
 helioazulceleste | São Paulo | 13-02-14 11h01min
E ainda tem torcedor dizendo que todas essa reclamações são desculpas pelo "futebol mal jogado"... Força Tinga, não é por acaso que voce é uma pessoa bem sicedida na vida, voce é um vencedor.
 AFernando | Varginha | 13-02-14 11h02min
Que manifestação nojenta destes torcedores Peruano. Isso entristece-me muito em pleno século XXI deparamos, dentro daquilo que consideramos conceito de integração entre povos e classes sociais, atitudes de racismo. Fazendo um paralelo entre continentes, o da America Latina está anos luz do respeito, tolerância e educação. Qualidades que norteiam uma Nação. Mas o que pode esperar onde temos governantes totalitários, corruptos onde Educação, moradia, Saude são artigos de nobres? me senti na pele.
 AFernando | Varginha | 13-02-14 11h08min
... me senti da pele do Tinga, e passei a noite enojado... O resultado em si não tão catastrófico quanto a atitude dos torcedores Peruano. Será poderemos contar com medidas exemplar por parte da Commembol, ou ela fará vistas grossas ao acontecido?! Para mim torcedores de time a praticasse o racismo deveriam ser banidos dos campos como também as agremiações.
 Celeste | Sorocaba-Itajub� | 13-02-14 11h21min
Caro Evandro, vi o vídeo na Uol: deprimente. A humanidade parece que anda para trás.
 PHDF | Brasília | 13-02-14 12h50min
- Sobre o campo e e condições para o jogo, muitos falaram aqui e deveria ter sido protestado antes, assim como o próximo jogo às 17h. Nisso discordo da choradeira celeste agora. Dava para ter jogado em Lima, cuja a distância da sede do Real é a mesma.
- Sobre o caso Tinga, o grupo poderia se programar para tentar golear no jogo de volta no Mineirão, fazer uma homenagem ao Tinga e ainda entrar com faixas com dizeres anti-racismo. É aproveitar o caso para lutar contra esta prática.
 jrdirceu | Não definido | 13-02-14 16h05min
"Discordo de quem quer que seja que tenta colocar no mesmo patamar atitudes de racismo, homofobia, preconceito, contra UMA pessoa, com a questão da coletivização ou até mesmo da ironia" Assino embaixo. Repugnante o comportamento desse povo!!!! Espero que o Tinga mantenha a cabeça erguida e não se deixe abater pela ignorância e falta de respeito alheios.
 Jorge Schulman | Belo Horizonte | 13-02-14 16h44min
Força Tinga!!! Olha seu e-mail, Evandro, acabo de enviar uma mensagem. Parabéns pela coluna, pela valentia costumeira sua e pela iniciativa!!!!
 AFernando | Varginha | 13-02-14 17h58min
Olá Torcedor 1, talvez eu tenha até exagerado um pouco nas minhas colocações, mas convenhamos, a atitudes daqueles torcedores praticando o ato de racismo, é quaaaase inadmissível. Você não é capaz de saber o quanto isto me chateou, o resultado do jogo para mim foi mero acontecimento em relação atitude inescrupulosas destes torcedores peruanos. Espero não ter mais que falar aqui de tal episodio. Um abraço.
 carlos_Almeida | Vitória | 13-02-14 19h14min
Evandro, copiei a sua mensagem e mandei via E-mail para Conmebol com o sentimento de um soldado que participa da luta e repudia a imbecilidade que aconteceu. Tem que acabar, se isso aumentar, essa uma pessoa poderá ser o filho de qualquer um, até daqueles. TEM QUE ACABAR.
 carlos_Almeida | Vitória | 13-02-14 20h23min
Evandro, completando meu comentário, tem que acabar também com este atraso de faltar água e demais atitudes que não levam a nada, como você descreveu.
 pyxis | BHZ | 13-02-14 20h36min
Agradeço a todos que comentaram e que contribuem com ideias e posicionamentos. Não gosto de discutir este assunto pois os exemplos que temos ( alguns vividos por mim ) são tristes, degradantes... deploráveis. Só peço que não caiam em "armadilhas" de pessoas preconceituosas, racistas, homofóbicas que tentam misturar tudo "racionalizar" como se fosse "é tudo assim mesmo".
NÃO É
Se não nos posicionamos PONTUALMENTE em cada assunto vira um "senso comum" deplorável.
 mrr | Natal | 13-02-14 20h54min
Tem outro fator estranho que estar relacionado diretamente ao absurdo que ocorreu com Tinga. O simples fato deste jogador estar estampado no banner que divulgou a partida dias antes. Afinal na era da Internet, será que não conheciam o Cruzeiro???Ou o infeliz já selecionou este jogador já mal intencionado. O fato muitos foram os problemas e a come***** nada fará e assim segue a maior competição de clubes das américas, e segurem o rojão pois esse ano não vão deixar um brasileiro levantar o caneco.
 Aloisio Mendess | Santa Maria/ DF | 14-02-14 08h36min
Evandro, lastimável o ocorrido no jogo do Cruzeiro. Eu gostaria que a Comebol queimasse minha língua e aplicasse uma punição exemplar ao time Peruano. Mas com certeza isto não vai ocorrer. Como dito por você, eles estão mais preocupados com as multas originadas pelo cartão amarelo. Quanto ao jogo faço uma observação: Rodrigo Souza deveria ter entrado no jogo, no lugar de um dos volantes, Souza ou Lucas Silva. Teria maior poder de marcação no meio e um jogador mais alto para apoiar a zaga.
 estrelado campeao | Ubá  | 14-02-14 22h41min
Chocante e muito triste o acontecido com o Tinga. O que mais que chocou foi pelo fato de ter acontecido em um país onde a maior parte da população é de ascendência indígena. Um país de população sofrida, irmaõs de Terceiro Mundo, irmãos de América Latina. Estávamos no Peru. Pra mim isso é o agravante, que me deixou mais triste. Há cerca de 18 anos meu professor disse que estava sendo dominado pela mediocridade. Ser medíocre é ser mediano. Depois do que assisti, tô com medo, muito medo.
 estrelado campeao | Ubá  | 14-02-14 22h48min
Já estamos muito abaixo da mediocridade. Infelizmente. Foi minha constatação durante esse episódio e por todo o tratamento dado ao Cruzeiro no Peru. Que a resposta seja em campo, somente em campo. Nada de hostilidade ao time peruano.
 estrelado campeao | Ubá  | 14-02-14 23h35min
Corrigindo erros. Faltou a palavra MUNDO na seguinte frase : o meu professor disse que o MUNDO estava sendo dominado pela mediocridade. Outro erro : o que mais me chocou...
 João Duarte | Vit�ria | 15-02-14 09h17min
Grande Evandro, A sua coluna consegue mostrar com grandeza e força a tristeza que todos sentimos pela demonstração dada pela torcida de Huancayo. Sou contra o Real Garcilaso ser desclassificado da competição, porque sonho em ver no jogo da volta uma homenagem ao TINGA traduzida numa goleada acachapante. Se for de 7 gols, como a camisa do TINGA ótimo, mas, se for de mais não tem problema não. E a nossa torcida ao invés de imitar macacos, ou índios, se poria a gritar olé, olé, olé a cada toque...
 João Duarte | Vit�ria | 15-02-14 09h19min
E no vestiário do Mineirão, água quente, para ajudá-los a curar a dor das lambadas. E ao Jhoel Herrera lateral direito do time deles, que é nórdico (prá não dizer o contrário), mostrar quem é La Bestia Sudamericana. O Cruzeiro tem que mostrar jogo a jogo que cutucaram mesmo a fera com vara curta.
 PHDF | Brasília | 15-02-14 11h04min
Uma outra consequência deste episódio no Peru foi a desconcentração para o clássico. Uma pena, mas este tipo jogo começa-se a ganhar na véspera. O Marcelo precisará de muita habilidade para colocar sangue nos olhos dos jogadores a partir de hoje.
 veron | BHZ- Fortaleza | 15-02-14 23h22min
Evandro, acho que o Marketing do Cruzeiro tem que aproveitar o acontecido é preparar um evento para o jogo de volta. Pensei em algo do tipo o time entrar com camisas metade branca metade preta e o escudo do Cru na frente, cada jogador negro entra com uma criança branca no colo e vice-versa, a torcida pintar o rosto ou coisa parecida, tratarmos a delegação peruana de modo exemplar, etc. Essas imagens rodariam o mundo e com elas o nome do Cruzeiro.
 veron | BHZ- Fortaleza | 15-02-14 23h25min
Cont. Seria uma forma de repudiarmos o que aconteceu lá, mostrando como se deve tratar um visitante, e que a resposta a gente dá na bola. Tudo isso sem nós rebaixarmos e fazermos o mesmo que eles.
 pyxis | BHZ | 15-02-14 23h35min
Veron, me desculpe mas... EM HIPÓTESE NENHUMA eu admitiria a cor preta na camisa. Só admito em UMA HIPÓTESE... nas mangas, como tarja DE LUTO, em homenagem póstuma a qualquer grande cruzeirense. Fora esta situação, preto na camisa, NUNCA TERÁ O MEU APOIO E COMPREENSÃO.
 veron | BHZ- Fortaleza | 15-02-14 23h44min
Evandro, entendo sua posição, mas penso que mostraríamos superioridade até em relação a isto. E o que eu digo não é a camisa de jogo não, seria uma camisa que os jogadores usariam por cima da oficial, apenas para entrar em campo. O escudo seria grande, no centro da camisa. Na parte preta da camisa a metade do escudo seria branca, na metade branca da camisa o escudo seria azul. Algo do tipo que apareceu no facebook estes dias.
 Beth Makennel | Belo Horizonte | 17-02-14 12h59min
É Evandro vou tentar mandar a mensagem para a Commebol. Coisa horrorosa este povo peruano idiota achar que são raças puras e lindas e se achar no direito de preconceito. Lá a misturança de raças é igual ou pior que no Brasil. O importante é o caráter da pessoa e não a cor da pele. Até acho que já é hora de parar de falar nesse assunto. Tenho medo que nosso time fique ai pensando só nesse assunto e se desconcentre da libertadoras. Bola pra frente Cruzeiro.
 pyxis | BHZ | 17-02-14 13h03min
Beth, fico triste com a sua proposta. NÃO É HORA DE PARAR o assunto. Se assim for, ficamos pautados pela mídia. Veja o caso da morte do garoto boliviano... virou PIZZA. Se queremos mudar o mundo naquilo que temos capacidade para fazer alguma diferença, NÃO PODEMOS "esquecer o assunto". Temos que mantê-lo VIVO sempre. É um erro, principalmente de brasileiros, "deixar prá lá" quando o assunto é incômodo. Até a torcida adversário deu seu exemplo, e quando vejo cruzeirenses relegando o assunto ...
 pyxis | BHZ | 17-02-14 13h05min
... a um segundo plano ou sugerindo que já se falou demais sobre isto, fico mais do que preocupado.
Mas este comportamento vem da incapacidade de muita gente em tratar temas diferentes... Em que eu prejudicaria minhas análises sobre Mineiro, Libertadores, Brasileiro, Copa do Brasil e CONTINUASSE a falar sobre o problema do racismo, da violência nas arquibancadas, da péssima qualidade de arbitragens????
EM NADA !!!
Duas frases populares explicaria o que penso sobre isto tudo: ...
 pyxis | BHZ | 17-02-14 13h08min
1. "Não existe LIBERDADE parcial" (Mandela)
2. "O preço da LIBERDADE é a eterna vigilância" (Autoria indeterminada)
POr isso prezo a frase da nossa bandeira LIBERTAS QUAE SERA TAMEM.
Entende?
 Beth Makennel | Belo Horizonte | 17-02-14 14h05min
Evandro, acho não me expliquei direito. Sou totalmente a favor de atitudes contra os preconceitos, também estou indgnada, mas, dentro do Cruzeiro, é que acho precisam esquecer um pouco tudo isto e pensar só na libertadores. Nós, devemos sim continuar a agir, assim como você fez uma mensagem para enviar a Commebol e eu vou dar força e enviar também. Nós, temos que prosseguir nesta luta, mas nossos jogadores devem esquecer, por agora, e concentrar mais na disputa da LA. ok?
 pyxis | BHZ | 27-02-14 10h08min
Beth, eu entendi o que você quis dizer. e DISCORDO. Veja a situação atual... ninguém fala mais nada, a Conmebol vai multar o Garcilaso (a Conmebol só quer DINHEIRO) e não se fala mais nisto. Infelizmente é assim com os brasileiros. Estou torcendo para que os jogadores não tenham esquecido e apliquem a maior goleada da história da LIbertadores no time peruano, de forma que a torcida deles e a mídia conheçam a partida como "A partida anti-racismo". Este assunto DEU FORÇA para o elenco. Viste?
 Lista/Chat Cruzeiro 

Assinar Lista-Cruzeiro

 Publicidade 

 Notícias   
20/11 - 07h30 [0 coment.]
Zagueiro Léo lançará livro ´A Quinta Estrela` sobre a CopaBr´17 

19/11 - 12h33 [1 coment.]
Sada Cruzeiro FA vira nos minutos finais e garante-se no Brasil Bowl 

19/11 - 11h46 [1 coment.]
Cruzeiro prossegue no Brasileiro em busca de melhor posicionamento 

18/11 - 17h37 [1 coment.]
Líder da Superliga, Sada Cruzeiro vence clássico citadino por 3 a 0 

17/11 - 19h32 [1 coment.]
Cruzeiro assegura três dos seus cinco patrocinadores para 2018 

17/11 - 08h26 [1 coment.]
Jogadores do Cruzeiro começam a se manifestar sobre salários 

17/11 - 07h19 [1 coment.]
Sub23 faz campanha pífia e é eliminado do Brasileiro de Aspirantes 

16/11 - 19h02 [1 coment.]
FMF demonstra toda a sua parcialidade na tabela do Mineiro´18 

>> Mais noticias

Cruzeiro.Org© 1999-2017 - Site Oficial da Torcida - Contatos para Webmaster